CAPÍTULOS
OPÇÕES
Cor de Fundo
CONTROLE DE FONTE
HOME INDEX
Capítulo 1068 - Mantenha Sua Voz Baixa!

A Will Eternal (AWE)

Capítulo 1068 - Mantenha Sua Voz Baixa!

Tradução: Glaurung | Revisão: Glaurung

Bai Xiaochun sentiu como se seus ouvidos estivessem coçando de frustração. Ele estava determinado a devorar o máximo de sementes de lótus que pudesse e, apesar de ponderar o assunto por uma noite inteira, não tinha nenhum plano.

Ele não tinha interesse em participar de um segundo banquete de lótus. Em vez disso, ele caminhou ao longo da borda da folha de lótus, olhando para as vagens que flutuavam na superfície do lago, bem como as que estavam mais abaixo na água e ainda não haviam subido.

"Esta Dinastia do Imperador Santo é muito rica", ele murmurou para si mesmo, com os olhos vermelhos. "Não acredito que eles mantêm peixes-dragão celestiais e sementes de lótus nesta lagoa paradisíaca deles...

"Você pode vê-los... mas você não pode comê-los..." Se ele fosse capaz de derrotar os três Celestiais em uma luta e também o Imperador Santo, ele já teria mergulhado na água e começado a pegar sementes.

Seu desejo só se fortaleceu com o passar do tempo. Após a destruição do Reino do Caminho Celestial e sua chegada às Terras Eternas, ele percebeu mais do que nunca que ficar mais forte era a única maneira de alcançar seus objetivos.

Seria preciso muito para alcançar um avanço na base do cultivo nessas estranhas Terras Eternas. Seria uma coisa se ele tivesse muito tempo em suas mãos, mas agora, o tempo não era algo que ele tinha o luxo de desperdiçar.

Alguns dias se passaram em que sua ansiedade fermentou e os banquetes de lótus continuaram. Toda a sua energia estava concentrada em tentar descobrir como obter mais sementes de lótus, até o ponto em que ele passava todos os dias caminhando pelas margens das folhas de lótus.

Muitas pessoas notaram esse comportamento dele. Mas a maioria das pessoas estava envolvida em pensamentos sobre os banquetes de lótus. Além disso, as sementes de lótus não eram peixes-dragão, e todos supunham que seria impossível ele secretamente colher alguns.

Além disso, o Imperador Santo não estava mais em meditação isolada. Ele estava lá todos os dias, presidindo os banquetes de lótus. Por causa disso, os oficiais que puderam adivinhar o que Bai Xiaochun estava pensando, não deram muita moral a ele.

“Temos regras na Dinastia do Imperador Santo. Ninguém, por mais importante que seja, jamais pensaria em pegar uma semente de lótus imortal sem permissão. Qualquer um que o fizesse... estaria infringindo uma regra muito importante!” Muitos risos frios ecoaram no coração do povo da Dinastia do Imperador Santo.

É claro que todos sabiam que Bai Xiaochun era importante para o Imperador. Mas mesmo que ele fosse mais importante do que já era, haviam certas linhas que não podiam ser cruzadas. Bai Xiaochun havia escapado de qualquer punição real no incidente dos peixes-dragão, tanto por sua utilidade para a dinastia, como também pelo fato de ter sido muito cuidadoso. Por isso, a Dinastia do Imperador Santo simplesmente deixou o assunto de lado.

Mas as sementes de lótus eram objetos inanimados que não podiam voar por conta própria a Bai Xiaochun. A única maneira de obtê-las seria roubá-las completamente!

E se ele fizesse isso, ele estaria condenado, sem perguntas!

Por causa de todas essas coisas, a maior parte da aristocracia não refletiu muito sobre o assunto.

Com exceção do Marquês Celeste Liu.

Ele havia notado o comportamento estranho de Bai Xiaochun nos últimos dias, e imediatamente o deixou mais ativo. Cheio de animação, ele começou a vigiar Bai Xiaochun ainda mais de perto do que o habitual. Quando ele foi nomeado capitão da condicional pela primeira vez, ele estava muito entusiasmado com o monitoramento de Bai Xiaochun. Mas depois de alguns meses em que Bai Xiaochun se comportou bem, o Marquês Celeste Liu começou a ficar nervoso por nada mais acontecer.

"Você é tão esperto quanto um rato, Bai Xiaochun. Mas você não será capaz de fugir dos meus olhos perspicazes!” Quando se tratava de monitorar Bai Xiaochun, o Marquês Celeste Liu não conseguia ver o que acontecia dentro de sua terra abençoada, mas assim que ele ficava ao ar livre, ele podia o observar secretamente das sombras.

Mais três dias se passaram. Os oficiais continuaram orgulhosamente a participar dos banquetes de lótus, e o Marquês Celeste Liu manteve total vigilância. Bai Xiaochun finalmente percebeu que o Marquês Celeste Liu estava lhe vigiando. Mas, no mesmo período, ele elaborou um plano que tinha quase certeza de que seria bem-sucedido.

"Esta é a única maneira de fazê-lo!", Ele pensou. A partir desse momento, ele não foi mais ao lago celestial para olhar as vagens de lótus. Ele permaneceu em sua terra abençoada, onde o Marquês Celeste Liu não podia vê-lo. Lá, ele fez um gesto de encantamento para selar a área e depois se estabeleceu de pernas cruzadas para meditar.

Do lado de fora, o Marquês Celeste Liu encontrou um bom local próximo para vigiar a terra abençoada de Bai Xiaochun, onde permaneceu, com os olhos fixos na caverna do imortal por vários dias seguidos.

Ele estava tão empolgado com o que estava por vir que nem se cansou. Ele tinha certeza absoluta de que qualquer plano maligno que Bai Xiaochun tivesse elaborado estava prestes a ser executado...

“Tudo o que tenho a fazer é pegá-lo em flagrante e isso será um grande serviço para a dinastia!” O simples pensamento o deixou mais animado, e ele dedicou toda sua energia para garantir que Bai Xiaochun não tivesse a chance de prejudicar até mesmo uma única semente de lótus.

“Eu não ligo para o seu plano. Eu sei que você está atrás das sementes de lótus. E comigo observando você de perto, você nunca será capaz de pegá-las sem ser flagrado!”

Enquanto o Marquês Celeste Liu estava ficando ansioso de animação, Bai Xiaochun ainda estava sentado meditando. Por várias horas, ele nem se mexeu, até que finalmente a noite caiu. Nesse ponto, ele secretamente enviou algum sentido divino para sua bolsa de armazenamento.

"Venha para fora, pequena tartaruga!", Ele disse. No entanto, não houve resposta. Após a destruição do Reino do Caminho Celestial, Bai Xiaochun não tinha visto a tartaruga, mas estava absolutamente convencido de que ele estava em sua mochila. O fim do mundo definitivamente não o teria ferido.

Impaciente, Bai Xiaochun mais uma vez chamou com seu senso divino. “Chega de fingir! Venha já pra fora!”

Ele bufou friamente e, no entanto, ainda não havia reação. “Não vai sair, hein? Bem. Tudo bem, vamos acertar as contas..."

Outro longo momento se passou.

"Você realmente não está aí?", Ele disse surpreso. Balançando a cabeça, ele suspirou. “Bem, isso é muito ruim. Acho que ele não terá chance de ter esse tesouro..."

Talvez fosse a própria palavra "tesouro", que era muito atraente. Assim que ele falou, ele teve uma reação dentro de sua bolsa.

"Tesouro? Que tesouro?” A voz da pequena tartaruga estava fraca em sua mente, como se ele estivesse dormindo, e acabou de acordar. No entanto, levou apenas um momento para voltar ao normal

"Tudo bem, pequeno Xiaochun, diga agora mesmo ao Lorde Tartaruga que tesouro você encontrou!" Nesse momento, a cabeça da pequena tartaruga saiu da bolsa de Bai Xiaochun. Antes que Bai Xiaochun pudesse responder, ele cheirou o ar e seus olhos se iluminaram.

“Ah! O Lorde Tartaruga detectou o aroma do tesouro!! Droga! Não percebi que todo o sangue que perdi me deixou muito menos sensível aos tesouros!” Com os olhos arregalados de emoção, a pequena tartaruga se preparava para entrar em movimento. Antes que ele pudesse, Bai Xiaochun o agarrou e o empurrou de volta na bolsa.

“Mantenha sua voz baixa!” Ele disse urgentemente através do sentido divino. "Estamos sendo vigiados!" Em resposta, uma centelha de intenção de matar apareceu nos olhos da pequena tartaruga.

"Quem? Quem está vigiando o poderoso Lorde Tartaruga?! Quem ousa tentar roubar o tesouro do Lorde Tartaruga?!”

Bai Xiaochun pigarreou e disse: “É um cara chamado Liu Yong! Ele está nos vigiando agora mesmo! Ele é quem quer roubar nosso tesouro!”

"Como ele ousa!? O Lorde Tartaruga vai espancá-lo até a morte!!” A pequena tartaruga não odiava nada na vida mais do que pessoas que lhe roubavam tesouros.

“Espere, podemos nos preocupar com isso mais tarde. Pequena tartaruga, veja quantas vagens de sementes de lótus existem naquele lago celestial por aí. Há muitas para contar, e cada uma... é como uma pílula imortal!

“Se esconda lá fora e se mantenha escondido. Nós iremos dividir tudo em 30/70. Eu obtenho os 70%. Afinal, fui eu quem encontrei esse tesouro. Além disso, ajudarei a cobrir você!"

Esse era o plano de Bai Xiaochun. Como as sementes de lótus eram objetos inanimados que careciam de inteligência, tudo o que ele precisava fazer era descobrir uma maneira de obtê-las.

No entanto, por quem ele era e quantas pessoas suspeitavam dele e o observavam, ele iria fazer com que a pequena tartaruga furtiva fizesse seu trabalho por ele. Era o plano perfeito.

A parte mais difícil era chegar a um acordo sobre a divisão. Ele e a tartaruga discutiram um pouco e finalmente concordaram em dividir tudo 50/50. Então, a pequena tartaruga entrou em movimento, desaparecendo da bolsa de armazenamento e saindo da terra abençoada.

Apesar de quão perto o Marquês Celeste Liu estava vigiando, ele nem percebeu a velocidade da tartaruga passando por ele. A alguma distância, a pequena tartaruga olhou orgulhosamente para o Marquês Celeste Liu, em seu esconderijo. Então ele de repente começou a escavar no chão. Em pouco tempo, ele estava na frente de uma das vagens submarinas, que ele cheirou um pouco antes de abrir a boca e dar uma grande mordida. Depois de mastigá-la, seus olhos brilharam.

"Então, o pequeno Xiaochun não estava mentindo. Crocante e deliciosa!” Lambendo os lábios, ele comeu a vagem inteira. Depois disso, ele percebeu que precisava ter mais cuidado e começou a extrair cuidadosamente as sementes sem danificar as vagens.

Em pouco tempo, ele estava de volta à terra abençoada, onde orgulhosamente jogou oito sementes de lótus sobre Bai Xiaochun.

"Coma!", Ele disse. Então ele arrotou. Claramente, ele havia se enchido antes de voltar….

As sementes de lótus eram muito pequenas, do tamanho de uma unha. No entanto, assim que Bai Xiaochun pôs os olhos nelas, seus olhos se iluminaram. Agarrando-as, ele as colocou na boca.

Embora eles não fossem tão fortes quanto o que ele havia sido presenteado anteriormente, quando derreteram em sua boca, deram à luz uma enorme explosão de calor que rugia através dele.

Por Glaurung | 23/02/20 às 12:25 | Ação, Aventura, Fantasia, Artes Marciais, Sobrenatural, Wuxia, Xianxia, Chinesa