CAPÍTULOS
OPÇÕES
Cor de Fundo
CONTROLE DE FONTE
HOME INDEX
Capítulo 878 - Eternidade

A Will Eternal (AWE)

Capítulo 878 - Eternidade

Tradução: Glaurung | Revisão: Reviewer

Mesmo depois de ver a tristeza de Gongsun Yun, Bai Xiaochun ainda não disse a verdade. Não havia como ele conseguir fazer isso. Como ele poderia explicar que Gongsun Wan'er havia sido morta há muito tempo no Abismo da Espada Caída?

Seria cruel demais dizer a Gongsun Yun que a irmã mais nova que ele havia visto depois era realmente aquela garota bizarra. Bai Xiaochun simplesmente não suportava dar um golpe tão amargo assim em alguém.

Em vez disso, ele contou a Gongsun Yun uma história em que sua irmã sacrificou sua vida como heroína.

A história que ele contou não estava isenta de falhas e, aparentemente, Gongsun Yun percebeu isso. Mas ele não fez perguntas...

“Irmãzinha, foi você quem realmente voltou para a seita...?” Ele pensou. A verdade é que ele havia feito a mesma pergunta para si mesmo em muitas ocasiões e realmente não queria saber a resposta...

Depois que Gongsun Yun partiu, Bai Xiaochun se sentiu ainda pior do que antes. Ele não gostava de se sentir assim. Ele gostava de ser feliz e se divertir. No entanto, conforme ele crescia, ele percebeu que essas emoções eram inevitáveis.

Muitas vezes, no passado, ele era capaz de enterrar tais sentimentos mas, no momento, todas as sepulturas que havia visto faziam o rosto de Zhou Xinqi flutuar em sua mente ainda mais claramente do que antes, assim como muitos outros rostos familiares. Eram imagens que ele simplesmente não conseguia dissipar.

**

No momento, nenhum outro patriarca da seita tinha mais chance de se tornar um Deva do que o Patriarca do Rio Espiritual. Ele estava em uma posição melhor do que a do Patriarca do Rio de Sangue.

O Patriarca do Rio Espiritual podia sentir a tristeza do humor de Bai Xiaochun. Ao olhá-lo à distância, ele percebeu pelas flutuações de seu senso divino quão triste ele estava. Embora ele não entendesse Bai Xiaochun tão bem quanto Li Qinghou, ele esteve lá para vê-lo se transformar na pessoa que era.

Em algum momento indefinido, ele apareceu ao lado de Bai Xiaochun, embora não o tenha interrompido. Ele apenas ficou lá, olhando para todas as sepulturas da Seita Desafiadora do Rio.

Eventualmente, quando chegou a hora, ele falou com uma voz rouca.

“Xiaochun, olhe em volta…. Você pode dizer o que há de diferente na seita...?"

Bai Xiaochun há muito tempo tomara consciência de que o Patriarca do Rio Espiritual havia chego ao seu lado. No entanto, ele estava com muito mau humor para dizer qualquer coisa. Em resposta às palavras do patriarca, ele olhou em volta.

A seita estava cheia de barulho enquanto todos os tipos de reparos aconteciam. Todo mundo estava trabalhando. Embora nada de dramático estivesse acontecendo, um exame minucioso revelou que a seita estava retornando rapidamente ao seu estado anterior. Não demoraria muito para que ela vibrasse com tanta vida quanto antes.

Quanto a todos os discípulos das três seitas que haviam sido capturados, eram fichas de barganha importantes que poderiam ser absorvidas pela seita como novos discípulos ou negociadas com as três seitas por remuneração.

"Você sabe o que está diferente?", Perguntou novamente o Patriarca. “Você sabe por que todos os discípulos estão trabalhando tanto? Você sabe por que todos eles estão tão focados...? Porque essa não é apenas a seita deles. É a casa deles!

“Seita do Rio Espiritual. Seita Desafiadora do Rio. Não importa. Elas são iguais. A boa sorte dos discípulos é a boa sorte da seita. Essa é a coisa mais importante. Enquanto os discípulos tiverem fé e confiança suficientes na seita, então… a seita será o lar deles!

“E a verdade é que nossa seita... é o lar de todos nós, incluindo os patriarcas!” O Patriarca do Rio Espiritual era muito, muito velho e, de fato, se não fosse pelo fato dele confiar em uma técnica secreta especial, ele teria perecido há muito tempo. Talvez por causa dessa técnica secreta, ou talvez por causa dos dramáticos eventos que a Seita Desafiadora do Rio tinha visto nos últimos anos, seu rosto estava coberto com ainda mais rugas do que nunca, fazendo-o parecer ainda mais velho.

Nesse ponto, o humor de Bai Xiaochun parou de afundar. No entanto, ainda havia algo roendo sua mente. Lenta, mas seguramente, ele olhou para o patriarca.

"Patriarca... nós cultivadores não praticamos cultivo para que possamos viver para sempre? Por que temos que sair por aí lutando e matando o tempo todo? Enquanto estivermos vivos, há infinitas possibilidades! Mas uma vez que morrermos... então, qual é o sentido de tudo isso...?” Essa questão estava no fundo do coração de Bai Xiaochun por muitos anos e não desaparecia.

Era uma pergunta profunda e, em resposta, o Patriarca do Rio Espiritual simplesmente ficou parado em silêncio por um momento. A verdade é que ele não tinha uma resposta. Um longo momento se passou, e ele parecia ter envelhecido mais um pouco. Então ele olhou de volta para Bai Xiaochun, com seus olhos amáveis, mas cheios de dor.

Era uma dor por causa da tristeza que ele sentia por seus mais destacados discípulos da Divisão do Rio Espiritual. Afinal, ele sabia que desde o primeiro dia em que Bai Xiaochun se juntara à seita, ele temia a morte e sonhava em poder viver para sempre.

O Patriarca do Rio Espiritual assistira a esse discípulo enfrentar o mundo brutal do cultivo, e nunca esquecer o sonho de viver para sempre. Havia pureza e inocência nisso que era muito, muito raro.

"Xiaochun..." ele disse suavemente. "Você está certo. Enquanto estivermos vivos, há infinitas possibilidades. Mas apenas porque morremos, não significa que nossas esperanças e sonhos morreram conosco!

"Não posso falar por mais ninguém, mas posso dizer que, quando olho para todas essas sepulturas, tenho certeza absoluta... de que esses discípulos que morreram em batalha fizeram isso por causa do Dao que existia em seus corações!"

“Como assim, ‘Dao’?” Bai Xiaochun perguntou confuso. Ele havia feito uma pergunta semelhante no teste do arco-íris na Seita Polaridade do Céu Estrelado do Dao. E embora ele nunca tivesse tido uma resposta à pergunta, ele tinha a vaga sensação de que seu Dao… era viver para sempre.

"A palavra Dao é profunda e intensa", respondeu o patriarca. “Ninguém pode realmente explicar perfeitamente… Quanto a mim, apenas vivendo por muitos e muitos anos, pude experimentar o que isso significa….

“Dao é foco. Pense em todos esses heróis que caíram em batalha. Você acha que eles não tinham medo da morte? Você acha que eles não queriam viver para sempre? Eles estavam com medo. E eles queriam viver para sempre! Mas a seita era sua casa, e eles estavam lutando para defendê-la e protegê-la. Eles estavam dispostos a sacrificar suas próprias vidas, até a ponto de desistir de seus próprios desejos e vontades. Não importa o quanto lhes doesse, eles juraram morrer defendendo sua casa!

“Quanto a mim, há muito tempo me decidi. Mesmo que todo mundo conseguisse escapar, eu ficaria para trás. Se nossa seita for pegar fogo, eu irei com ela!

"Não é o mesmo com você, Xiaochun...? Naquela época, na batalha nas Montanhas Luochen, por que você voltou para salvar seus colegas discípulos? Você não sabia que, se voltasse, poderia morrer?

“O que teria acontecido se, em vez de serem três Devas antes, fossem três Semideuses...? Você teria vindo para lutar? Ou você teria ficado ao longe, nos assistido morrer e depois fugido?”

As palavras atingiram o coração de Bai Xiaochun como um raio. Ele nunca havia pensado em perguntas como essas antes e nem sabia ao certo como respondê-las. A verdade era que, no momento da destruição iminente da seita, ele não estava pensando em nada. Ele simplesmente não agüentava vê-la sendo destruída na sua frente e sentiu que não tinha escolha a não ser avançar para a batalha.

Ao refletir sobre esses assuntos, de repente ele foi atingido por uma revelação. Embora seu foco na vida fosse viver para sempre... haviam muitas outras coisas no mundo com as quais ele se importava. Ele não podia simplesmente esquecer essas coisas, e isso significava que, mesmo que não gostasse, às vezes tinha que recorrer a batalhas e matanças. Era como uma lei natural do céu e da terra.

Quando o perigo ameaçava seus amigos, sua família, sua seita ou sua casa, não importava o quanto ele queria viver para sempre. Ele sempre faria a mesma coisa!

Ele sempre faria a mesma escolha!

“Vida e morte….” Considerando quantos anos o Patriarca do Rio Espiritual havia vivido e o estado de sua longevidade, quando ele falava sobre vida e morte, parecia de alguma forma mais significativo.

“Às vezes, você pode estar vivo... e ainda estar morto para certas pessoas….

“E, às vezes, você pode estar morto e ainda estar vivo... Zhou Xinqi morreu, mas vive o tempo todo no coração de Shangguan Tianyou! Aquele cachorro preto está morto, mas existe eternamente para Beihan Lie!

“Veja todos os nomes nessas sepulturas, Xiaochun. Esses discípulos morreram em batalha, mas a partir de agora todos na Seita Desafiadora do Rio se lembrarão deles! Quem ousará esquecê-los?!” O Patriarca do Rio Espiritual falava com determinação que poderia cortar pregos e ferro. Suas palavras foram como um trovão que ressoou na mente e no coração de Bai Xiaochun, fazendo um tremor passando por ele. Era quase como se uma porta tivesse sido aberta dentro dele, fazendo com que certos pensamentos e sentimentos que antes eram obscurecidos, ficassem subitamente claros como o dia.

Seus olhos brilharam com a iluminação diante das profundas implicações das palavras que acabavam de ser ditas. De repente, ele sentiu como se entendesse o significado da vida e da morte, e também entendeu por que ele sempre faria essa escolha em particular. Era por causa... do foco!

Embora o sofrimento ainda existisse em seu coração, quanto mais ele pensava em seu novo entendimento, mais ele o encarava com respeito. Então, ele apertou as mãos e curvou-se profundamente em todas as sepulturas! Mesmo depois de um longo momento, ele não se levantou da reverência.

"Eu entendo agora, patriarca..." ele murmurou. Ele estava se curvando aos que haviam morrido em batalha, ao sacrifício deles, ao seu destemor. Ele estava se curvando... para as almas dos verdadeiros heróis!

Enquanto a seita existisse... então esses discípulos que haviam caído em batalha viveriam no coração da seita, por toda a eternidade!

Eles morreram, mas existiriam para sempre!

Por Glaurung | 12/11/19 às 01:54 | Ação, Aventura, Fantasia, Artes Marciais, Sobrenatural, Wuxia, Xianxia, Chinesa