CAPÍTULOS
OPÇÕES
Cor de Fundo
CONTROLE DE FONTE
HOME INDEX
Capítulo 1124 - Prelúdio de um Ataque

Ascensão de um Deus (AUD)

Capítulo 1124 - Prelúdio de um Ataque

Autor: Calebe Piccoli Camargo

Le Chang, Wuhan Xie, Lian Mei, Chi Ziyun e Min Jia estavam em pé no palco, ao derredor estavam os outros milhares de jovens deuses, que participariam do Pilar da Alquimia.

O Pilar da Alquimia era um pouco parecido com o Pilar da Forja.

Primeiro havia a Etapa do Reconhecimento de Ingredientes, após ela viria a Etapa do Reconhecimento e Manutenção de Equipamentos e, por último e mais importante, a Etapa da Criação.

Eram três etapas de suma importância para um Alquimista, afinal, era necessário ser capaz de reconhecer bons ingredientes, bem como saber como usá-los, do contrário, era possível desde falhar na criação da pílula e/ou elixir, como até mesmo criar um veneno no lugar do que era pra ser um remédio, trazendo morte no lugar de vida.

Também era necessário saber reconhecer os equipamentos e os manter em bom estado, afinal, diferente da Forja, onde as criações eram manipuladas externamente, na Alquimia as criações iriam adentrar no corpo do usuário, interferindo diretamente com seu Cultivo e vida, isso demandava uma precisão muito superior.

E, por último, e, obviamente mais importante, a Criação da Pílula ou Elixir propriamente ditos, de nada adiantava ser bom em reconhecer ingredientes, equipamentos e ser habilidoso em os manter em bom estado e ser péssimo em criar algo através da Alquimia.

De qualquer forma, Lao Shen não demorou-se e rapidamente sinalizou para a primeira Etapa do Pilar da Alquimia começar.

Como no caso da Forja, aqui também uma pilha de ingredientes era colocada na frente de cada competidor, com partes boas e ruins, que precisariam ser devidamente separadas em ordem crescente de raridade e valor, para o Pilar da Alquimia.

Sendo assim, tudo ocorreu muito parecido com da última vez, Le Chang e as meninas organizaram e separaram os materiais com uma grande velocidade, com Lao Lin terminando alguns minutos depois deles.

Ken Zi e Ga Mei também estavam presentes no Top 10, apesar da clara arrogância, eles ainda eram grandes gênios, mesmo entre os Deuses.

No entanto, eles ainda empalideciam diante do talento superior de Le Chang, Wuhan Xie, Lian Mei, Chi Ziyun e Min Jia.

A multidão não reagia mais com tanto furor, claramente o povo estava se adaptando rapidamente aos absurdos feitos por esses cinco seres que até então eram totais desconhecidos, mas agora estavam dominando completamente a competição.

Não foi uma surpresa quando os juízes constataram que eles haviam ganhado, tendo Le Chang e as meninas todos conquistado o primeiro lugar, Lao Lin ficou em segundo lugar.

Após duas horas de descanso era a vez da próxima etapa.

A Manutenção de Equipamentos.

Na alquimia eram utilizados diversos equipamentos, desde frascos para separar os ingredientes em medidas exatas, como facas e pinças para os cortar e manipular com maior delicadeza, claro, era possível fazer isso sem equipamentos, usando apenas Qi ou Energia, mas algumas vezes a precisão necessária era tão grande que eles se faziam necessários.

Além disso, também havia o Forno de Alquimia, onde os ingredientes eram manipulados através do fogo, de certa forma o Pilar da Alquimia e o Pilar da Forja eram bem parecidos.

De qualquer forma, no caso da Etapa de Manutenção de Equipamentos a ideia era bem simples.

Diversos frascos, Fornos, Facas e Pinças eram dispostas a frente de cada competidor, eles precisavam limpar e arrumar os defeitos desses objetos, afinal, quando eles fossem criar uma Pílula ou Elixir na próxima etapa eles deveriam usar esses mesmos objetos, sendo assim, uma manutenção falha ou algo do gênero os prejudicaria consideravelmente.

Como era possível perceber até agora, as Competições Divinas eram bem diferentes, estando completamente interligadas.

.......................................................................................................

Enquanto isso, em outra galáxia, não muito longe do Planeta Que, um grupo de poderosos cultivadores estava reunido.

Eram doze, cinco mulheres e sete homens, todos Patriarcas e Matriarcas de poderosos Clãs ou líderes de grandes Ordens e organizações.

“Como estão os preparativos?...” Disse uma mulher de meia idade, olhos azuis e cabelos loiros, ela era muito bonita e seu rosto fino estava em perfeita harmonia com seu corpo esguio.

Ela era a Líder da Ordem da Espada Divina Carmesim, um grupo poderoso de guerreiros e guerreiras especializados no Dao da Espada, conhecidos por serem ferozes nos campos de batalha.

“Estão todos prontos, acredito que atualmente todos as tropas já foram dispostas em seus lugares...” Quem falou foi um homem, também de meia idade, cabelos vermelhos e olhos da mesma cor, ele era grande e repleto de músculos, vestindo uma roupa própria de um lutador especializado em lutar com seus próprios punhos.

Ele era o Patriarca da Seita dos Punhos Divinos Flamejantes, chamados por muitos de bárbaros já que se jogavam nos campos de batalhas apenas com seus punhos e eram conhecidos por não apenas ter a capacidade de criar poderosos golpes com seus chutes e socos, mas também por terem uma defesa assustadora grande.

“Certo, o Clã Lao atualmente está recebendo o evento onde os jovens de vários lugares competem nos Três Pilares, sendo assim, as defesas estão reduzidas ao derredor da Capital, mas estão reforçadas perto do Portal que leva para o lugar da competição, sendo assim, será difícil adentrarmos lá...” – Disse a Líder da Ordem da Espada Divina Carmesim, chamada de Fla Mei.

“Eu cuido disso, meus punhos são mais que suficientes para quebrar as Barreiras Defensivas protegendo o Portal... Além disso, estamos mais do que preparados...” Disse o Patriarca da Seita dos Punhos Divinos Flamejantes, chamado de Fi Re.

Eles eram seres de um outro Agrupamento Galáctico, que planejavam há quase cem anos uma invasão no Planeta Que, conhecido por ser um local repleto de recursos.

Além disso, o Agrupamento onde essas doze pessoas governavam estava passando por sérios problemas pela escassez de recursos, sendo assim, era esperado que eles eventualmente fossem tentar uma invasão em algum lugar próximo.

O escolhido foi o Planeta Que.

Apesar do poder assombroso do Planeta Que, a união de doze poderosos grupos, era algo temido.

“Não podemos nos esquecer que eles têm Antigos, talvez até Primordiais vivendo entre eles, nossos ataques devem ser coordenados, caso alguém se depare com um deles usem rapidamente os objetos que nos foram dados...” Disse Fla Mei.

“Tem certeza de que eles funcionarão?...” Indagou um outro homem, chamado de Gy Ga.

“Sim, nós testamos. Nós conseguimos, com apenas três guerreiros no Pico do Dao do Verdadeiro Deus, matar um Antigo com um poder comparável ao Meio do Dao do Verdadeiro Deus. Não tivemos a chance de testar com um Primordial, mas o resultado não deve ser muito diferente, no pior dos casos, onde não conseguimos os matar, pelo menos conseguiremos os segurar por um bom tempo...” – Fla Mei.

“Certo! Avisem todas as tropas, ao meu sinal nós invadiremos o Planeta Que!” – Fi Re.


Capítulo Normal de Domingo, dia 01/11/2020.

Autor:

Desculpem o atraso, era para ter postado bem antes, mas eu vou ter que fazer um cirurgia quinta-feira que vem, não é nada muito sério, mas eu ainda precisava correr com alguns exames de sangue e de imagem para a cirurgia, então não tive muito tempo para focar em AUD.

Vou tentar postar amanhã o Capítulo Normal de Quarta.

Além disso, quem quiser me dar um presente para o meu aniversário, pode estar doando para que saia um capítulo patrocinado, os quais, caso hajam doações, eu tentarei postar antes de cirurgia, se não conseguir, estarei postando eles em forma de combo após me recuperar, que deve demorar uns dois ou três dias.

Att,

Calebe.

Por Calebe Piccoli Camargo | 05/11/20 às 18:37 | Ação, Aventura, Fantasia, Artes Marciais, Romance, Magia, Harém