CAPÍTULOS
OPÇÕES
Cor de Fundo
CONTROLE DE FONTE
HOME INDEX
Capítulo 62 - Problema na Área Comercial!

Ascensão de um Deus (AUD)

Capítulo 62 - Problema na Área Comercial!

Autor: Calebe Piccoli Camargo | Tradução: Stromkirk

O homem de meia idade calmamente vestiu um manto simples de cor cinza e se sentou em uma cadeira ao redor de uma simples mesa de madeira.

Haviam pequenos cristais espalhados pelas paredes, que cuidavam da iluminação.

O local era bem simples, nenhum luxo. Uma simples cadeira, uma mesa, uma pequena garrafa com chá e uma xícara de madeira.

O homem tomou um gole enquanto repassava os últimos acontecimentos.

'Le Chang…. Interessante…. Possui duas Heranças de Nível Deus…. Além disso quando tentei estudar seu núcleo de Qi uma força se opôs a mim, me impedindo de ter mais detalhes… Sua luta com o capanga de Bae Long também foi interessante, pensou rápido e conseguiu esconder sua presença de alguém no Dao do Espírito…' - Desconhecido

Todo o seu ser parecia fora do mundo, o mover de seus olhos, sua respiração, os leves movimentos de suas mãos, todos eles causavam ondulações no espaço ao seu redor.

'Clã Bae… Le Chang… Bom não vou interferir nesse assunto, da mesma forma que não interferi quando o grupo foi sequestrado… A nova geração precisa saber lidar com seus problemas e dificuldades.' - Desconhecido

Esse homem esteve o tempo todo em meio a cada acontecimento até aqui, ele viu Le Chang salvando Wuhan Xie e Lian Mei, viu também as ações de Le Chang na base dos Seis Demônios Loucos, viu ele sendo salvo pelo casulo dourado.

Viu Le Chang matando os homens que atacaram o grupo a noite quando Wuhan Xie estava de guarda.

Viu Bae Hong agindo com arrogância com Le Chang e tentando conquistar Wuhan Xie, Lian Mei e Chi Ziyun com seu dinheiro.

Ele viu a luta de Le Chang contra Oa Tian, ele também viu Bae Mon tentando ferir Le Chang, mas em nenhum momento ele demonstrou o menor sinal de querer se envolver.

Estando no Dao da Purificação e estando vivo a mais de uma centena de anos, ele sabia muito bem que aqueles que desejam poder devem cuidar de seus próprios problemas. Além disso, ele tinha a estranha sensação que ele não precisava ajudar Le Chang, esse garoto emanava confiança.

Um leve sorriso apareceu em seu rosto antes de voltar a sua expressão indiferente de sempre.

Ele então acenou com a mão, uma fenda apareceu na sua frente, como se ele tivesse cortado o espaço à sua frente.

Entrando na fenda ele apareceu ao lado de Mou Kan, que estava novamente sentado em sua cadeira de balanço no Pátio Central.

O Pátio Central era assim chamado porque Mou Kan morava ali, e dali ele comandava todos os Pátios da Seita da Chama Púrpura. Sua residência era simples, além de sua cadeira de balanço, ele morava em uma residência ali perto, em muito se parecia com as residências do Discípulos Externos.

Buscava a comodidade no simples e não no luxo.

"Muo Kan… O que achou dos novos Discípulos?" Disse o homem.

"Hm… Interessantes, principalmente aquele jovem que Xia Tong salvou de Bae Mon." - Mou Kan.

"Sabia que você notaria ele…" Disse o homem rindo.

"Eu senti alguém analisando meu Núcleo de Qi, vinha da direção dele… Ele deve saber que estou a meio passo do Dao da Purificação, vi uma leve surpresa em seu rosto." Mou Kan falou com um leve sorriso.

"Sim, sim. Ele possui duas Heranças de Nível Deus dentro de seu corpo…"

"Oh! Entendo, entendo…" - Mou Kan.

***************************************

Mou Kan e o homem continuaram a conversar por um tempo, eles eram bons amigos e se conheciam a dezenas de anos.

A diferença de força entre eles era enorme, mas não impedia de compartilharem uma amizade centenária.

***************************************

Na manhã do outro dia.

Le Chang acordou depois de uma ótima noite de sono, não é bom ficar cultivando sempre, dormir é bom para a mente e para o corpo.

Ele calmamente levantou, tomou um banho e sentou em uma cadeira para tomar um rápido café da manhã.

Após isso ele saiu de sua residência, sua intenção era olhar as Tendas na estrada principal da Área Externa.

Ele queria ver se havia algum item de seu interesse, a maioria ali eram filhos de comerciantes, ou alguns grupos que trabalharam juntos em alguma expedição e queriam vender seus produtos.

Como a área externa era um local onde haviam somente pessoas do Dao da Integração, os itens não eram muito raros.

Raramente aparecia um Cristal Mágico de Nível 4, mas era algo que alguém comprou para revender ou ganhou como presente de alguém, já que uma Fera Mágica de Nível 4 era comparável a alguém no Dao do Espírito, ou seja, ninguém ali conseguiria derrotar algo assim.

Havia algumas pessoas que buscavam o caminho da alquimia e vendiam suas pílulas ali, também eram vendidos ingredientes.

Até mesmo corpos de Feras Mágicas eram vendidas ali, por inteiro ou suas partes, como sangue, couro, ossos e outras coisas vindas das feras.

Le Chang tinha alguns ótimos itens, mas todos eram preciosos demais para vender. Ele optou por vender alguns Cristais de Nível 1 e 2 que ele tinha consigo, também venderia alguns Anéis de Armazenamento que ele pegou dos inimigos que matou.

Le Chang encontrou uma tenda que comprava e vendia de tudo, pelo menos era o que estava escrito em uma grande faixa na frente dela.

Atrás de um pequeno balcão estava um garoto gordinho, deveria ter uns quinze anos, ele era careca e tinha um olhar brincalhão em seu rosto. Le Chang viu que o cultivo do garoto estava no 7º Grau do Dao da Integração.

"Olá…. Ãhnn… Você compra Anéis de Armazenamento?" - Le Chang.

O rosto do garoto brilhou como ele rapidamente tomou a atitude de um comerciante: "Claro, claro. Por favor me mostre o que você tem"

Le Chang com um leve sorriso acenou com sua mão e um pequeno saco caiu sobre a mesa.

Ele decidiu usar um Anel simples, mas dentro havia o Anel de Armazenamento que ele havia ganho como presente e era nele que ele guardava suas coisas de verdade. Ele não queria as pessoas vissem que ele tinha um poderoso Anel de Armazenamento, isso atrairia atenção indesejada.

O gordinho abriu o saco e dentro havia seis anéis de armazenamento.

Ele levantou os olhos para Le Chang, seu rosto estava meio surpreso. Anéis de armazenamento eram raros e Le Chang tirou seis deles para vender como se fossem algo simples.

"Quanto você me dá por eles?" - Le Chang.

O gordinho era filho de um famoso comerciante e sabia que a melhor opção era sempre ser justo, era melhor criar um cliente fiel do que enganar alguém para um rápido lucro e ter sua imagem manchada.

"Lhe dou quatrocentas moedas de ouro por cada um dos anéis." - Gordinho.

"Ótimo, ótimo." - Le Chang.

O dinheiro aqui era dividido em Moedas de Bronze, Prata, Ouro, Esmeralda, Rubi e Diamante, a proporção era de 100:1, ou seja, cem moedas de bronze era uma moeda de prata, e assim por diante.

Em uma venda rápida venda ele conseguiu duas mil e quatrocentas moedas de ouro, o que era equivalente a vinte e quatro Moedas Esmeralda.

"Qual seu nome? Me chamo de Xu Gon." - Xu Gon.

"Le Chang, prazer em conhecê-lo Xu Gon." - Le Chang.

"O prazer é meu, volte sempre." Disse ele com um grande sorriso no rosto, a muito que as notícias sobre Le Chang voaram pela Área Externa, os novos chegados já difundiram os acontecimentos envolvendo os Seis Demônios Loucos e como Le Chang os salvou.

Apesar disso poucos ali conheciam a verdadeira identidade de Le Chang, por isso ninguém dava muita bola para ele.

*************************************

Um grupo pessoas observava Le Chang vender os anéis, seus olhos brilharam quando viram a quantidade imensa de dinheiro que Le Chang recebeu de Xu Gon. Um olhar de inveja passou em seus rostos enquanto iam em direção a Le Chang.

Suas intenções eram claras, o garoto deveria ser um filho de um magnata que entrou na Seita e estava se achando com seus itens caros.

"Ei, você ai!! Venha aqui, vamos conversar." Disse um deles com um grande sorriso. Ele estava com vinte e poucos anos e estava no 9º Grau do Dao da Integração. Ele era um dos fortes do local e tinha um pequeno grupo que corria desenfreado pela Área Externa.

Le Chang virou e viu um grupo de dez pessoas vindo em sua direção, havia quatro garotas no grupo. Todas voluptuosas e cheias charme, mas seus rostos transbordavam de ganância, igual aos homens junto delas.


Por Stromkirk | 10/01/18 às 22:07 | Ação, Aventura, Fantasia, Artes Marciais, Romance, Harém, Magia