CAPÍTULOS
OPÇÕES
Cor de Fundo
CONTROLE DE FONTE
HOME INDEX
Capítulo 08 - O que você fez com meu pai?

Beauty and the Bodyguard (BTB)

Capítulo 08 - O que você fez com meu pai?

Tradução: Shen Yanshui | Revisão: Ed

"Hmm… Você tem razão. Vou deixá-lo ficar por agora.” Mengyao cedeu depois de ver o sentido nas palavras de Yushu. Ela se virou para Li Fu. “Tio Fu, você conseguiu seguro? Se algo acontecesse com ele..."

"Seguro...?" Li Fu começou a suar novamente.Não havia como alguém que o presidente escolhesse se machucasse tão facilmente, mas ele respondeu à pergunta de qualquer maneira. "Não se preocupe, ele tem seguro..."

Lin Yi chegou à porta do carro naquele momento. Ele se virou para olhar para Mengyao depois de se sentar no banco da frente. ”E ai? Eu passei?”

“Hmph, Mal.” Mengyao respondeu bufando.

Lin Yi sorriu e não disse mais nada quando voltou ao seu lugar. A experiência e a internet disseram a ele que garotas são criaturas que nunca dizem o que pensam. Lin Yi não queria acrescentar nada desnecessário.

Mengyao não ficou satisfeita. Ela estava esperando alguma forma de gratidão, mas Lin Yi apenas sorriu, e foi isso! Ele não sabia como a sociedade era cruel hoje em dia? Até os formandos da faculdade tiveram que limpar os tanques sépticos! O cara deve estar muito feliz em encontrar um emprego tão bom, especialmente quando ele era um fazendeiro e não tinha formação universitária!

"Ei. Por que você não está me agradecendo?" Mengyao não aguentou mais.

"Agradecendo você? Por quê?” Lin Yi não sabia o que responder. De qualquer forma, Mengyao deveria estar agradecendo a ele por tomar conta daquele menino mais cedo!

“Você…!” Mengyao estava incrédula e muito chateada. Quão burro o cara pode ficar, ela já deu a ele uma dica! Ele não sabia como se comportar?! Ela era a chefe dele!

“Hehe, Yao Yao está dizendo que ela já aceitou você, então você deveria agradecê-la!” Chen Yushu explicou para Lin Yi com uma risada brincalhona.

“Shu, o que diabos você está dizendo??? Aceitou-o ?!” Mengyao ficou chocada. O que há com ela? Ela está fazendo parecer que ela está aceitando uma confissão de amor!

"O que? Só estou dizendo que você o aceitou como escudo!" Yushu sorriu.

"Oh... Obrigado." Lin Yi disse sem pensar muito nisso. O trabalho era bom, e o pagamento era alto também. Seu único problema era se adaptar.

“De nada…” A frustração que Mengyao sentiu foi indescritível quando ela cuspiu as duas palavras. Essa pessoa era burra demais para ser seu escudo!

“Bem, até mais, Yao Yao! Você também, proteja o cara de escudo.” O carro estacionou em frente a uma vila, e Yushu se despediu de Mengyao antes de dar uma olhada final em Lin Yi. Com isso, ela saiu do carro.

‘Cara de escudo, hein?’  Li Yi sorriu amargamente. Parecia uma daquelas populares celebridades online.

Chen Yushu era vizinha de Chu Mengyao e levou apenas um turno antes de os três chegarem à vila de Mengyao.

Mengyao aceitou de bom grado o fazendeiro por causa do que Yushu disse... Mas este fazendeiro parecia estar entrando na vila junto com ela, com bagagem e tudo! "Ei o que você está fazendo?!"

Lin Yi olhou para ela. Confuso, ele se voltou para Li Fu. "Não é aqui que eu estou ficando...?"

“Que jovem ousado você é !! Não houve sequer um único homem que entrou em minha vila!” Mengyao rugiu, com as mãos nos quadris.

Li Fu enxugou o suor da testa. Ele não é um cara…? Ele não conta? Mengyao não tratá-lo como um homem já era ruim e tudo mais, mas... e quanto ao senhor Chu, o que ele pensaria das palavras da senhorita?

Mengyao pareceu perceber o problema com suas palavras quando viu a reação de Li Fu. "O que eu quero dizer é, caras que não fazem parte da família!”

"Senhorita, o senhor Chu disse que você pode tratar o sr. Lin como um irmão... Ele estará morando com você na vila a partir de hoje..." Li Fu falou cada palavra com cuidado para não incorrer em sua ira. Ele sabia como era a senhorita.

“O QUE?!” Os olhos de Mengyao se abriram, o rosto cheio de descrença quando ela apontou um dedo para Lin Yi. "Ele? Meu irmão?! Você está brincando comigo!!! Tio Fu, tire-o daqui! Eu não me importo onde ele vai morar, apenas não aqui!!!”

“Receio que esse não seja o meu desejo, Senhorita... É o desejo do presidente, você vê...” Li Fu fez questão de pisar levemente. Embora ele possa ser o homem mais confiável de Chu Pengzhan, ele ainda era tecnicamente um motorista. Não era seu lugar estar lidando com a filha do presidente.

“Seja como for, eu mesmo conversarei com  o meu pai!” Mengyao pegou o mais novo Nokia E7 que ela recebeu de graça com Yushu em um evento promocional.

Lin Yi olhou para o telefone na mão de Mengyao com inveja. Provavelmente já era hora de comprar um telefone para ele; ele precisaria disso.

“Papai! Yao Yao aqui!” O tom de Mengyao girou cento e oitenta graus instantaneamente, para surpresa de Lin Yi. Ele não sabia que garotas podiam fazer vozes tão doces.

“Oh, Yao Yao! O que há de errado?” Chu Pengzhan estava no meio de uma reunião quando seu telefone tocou, mas ele o pegou, independentemente de quem estava ligando.

“Bem, você vê, pai, o que há com esse escudo que você me deu? Você não escolheu apenas um fazendeiro aleatório do mercado não né?" Foi a primeira vez que seu pai tratou seu pedido com tanta indiferença, e ela não ficou feliz com isso.

“Ah, você deve estar falando de Yi! Heh, ele é alguém que eu passei por um grande esforço para conseguir pra você, foi todo o caminho do Monte Starwest! Ele é bom com seus estudos e no kung fu também! Ele também é uma pessoa legal, além de tudo isso!” Chu Pengzhan disse com um largo sorriso no rosto.

“O qu...” Chu Mengyao não entendeu - o que o fazendeiro fez com o pai dela? Por que ele estava elogiando tanto?

Chu Pengzhan entendeu mal a resposta de sua filha e presumiu que ela estava satisfeita com seus arranjos. “Heh heh, bem, o que você acha? Muito bom, certo?"

"Muito bom? Não! De modo nenhum! Antes de mais nada, sua aparência! Sua aparência, pai! Não suporto olhar para um escudo como este!” Mengyao respondeu, descontente. "Além disso!Como você poderia dizer a ele para morar comigo? Não é muito seguro, eu sou uma garota!"

"Eu sei eu sei. Eu também não queria que você morasse sozinha em uma vila. Foi por isso que contratei o pequeno Yi, é para sua própria segurança! Não se preocupe, a proteção que ele oferece é de primeira qualidade!” Chu Pengzhan fingiu perder o ponto da filha.

“Eu… ele…!” Chu Mengyao estava sem palavras, sem palavras pelo o que seu pai acabou de dizer.

O presidente não esperou que ela recuperasse os sentidos. “Ok Yao Yao, eu ainda estou no meio de uma reunião aqui. Conversamos depois."

Com isso, Chu Pengzhan desligou. Mengyao cerrou os dentes enquanto olhava para Lin Yi, enfurecida. "Fale! Como você enganou meu pai?"



Nota:


Fala galera, Ed aqui, desculpa o atraso nos caps, porém eu moro no RJ, e devido o temporal que ocorreu aqui, os meios de comunicações, redes móveis, internet e etc, ainda estão afetados, e não tem previsão de normalidade, mas fiquem tranquilos que vou fazer o meu máximo para trazer mais caps a vocês, e para me redimir irei dar a vocês um pequeno combo em breve, ok? Abraços.

Por Cybs | 09/02/19 às 15:50 | Ação, Aventura, Artes Marciais, Slice of Life, Romance, Harém, Comédia, Xuanhuan, Mistério, Vida Escolar