CAPÍTULOS
OPÇÕES
Cor de Fundo
CONTROLE DE FONTE
HOME INDEX
Capítulo 42 – Tente

Bringing The Farm To Live In Another World (BFLAW)

Capítulo 42 – Tente

Tradução: Blue Sparky | Revisão: Luiz Oliveira

Zhao Hai levou os quatro de volta para a cabana. Ele então se sentou na cama e abriu o monitor. Uma vez que ele tocou a mão, o monitor se iluminou e os ícones apareceram.

Todos ficaram surpresos quando viram a tela. Foi verdadeiramente notável.

Zhao Hai apertou o ícone da câmera e uma visão tridimensional do castelo apareceu. Havia muitos pequenos pontos verdes.

Zhao Hai pressionou um dos pontos verdes, a tela mudou imediatamente para mostrar o quadrado do castelo.

A tela só podia exibir um raio de cem metros do local onde Zhao Hai entrou no espaço, e embora esse alcance não fosse pequeno, ainda estava muito longe para mostrar a praça do castelo. O quadrado que a tela mostrava não era muito grande, mostrando apenas o pátio interno, a parte mais próxima do castelo. Mesmo assim, eles ainda podiam ver claramente uma besta parecida com uma serpente e um morto-vivo humanoide na tela.

Todos estavam prestando atenção à situação na tela e pelo que puderam ver, não conseguiram deixar de congelar por um momento.

Depois de algum tempo, Merine disse: “É a praça do castelo?”

Zhao Hai assentiu: “Sim, esta é a praça. Parece que as bestas tóxicas ainda não foram embora, então não podemos sair.”

Mesmo depois de ouvir isso, Merine estava animada: “Mas isso é uma coisa boa. Com isso, Jovem Mestre, você pode estar seguro. Você não precisa ter medo do inimigo.”

Zhao Hai deu um sorriso irônico. Não importa o que, os primeiros pensamentos de Merine sempre foram as questões relativas à sua segurança.

Zhao Hai voltou a tela para o mapa tridimensional, depois apontou para os pontos verdes para Merine ver: “Esses pontos verdes representam bestas tóxicas e criaturas mortas-vivas. Parece que a densidade de bestas é muito menor do que da ultima vez que eu chequei. Algumas bestas tóxicas já podem ter saído.”

Ele então mudou a imagem para a sala de estar. Foi uma bagunça. Tudo foi destruído. Zhao Hai, em seguida percorreu todas as salas principais do castelo dentro de seu alcance e quase todas elas foram destruídos pelas criaturas mortas-vivas.

Merine fez uma careta que não foi muito legal. Quando chegaram pela primeira vez no castelo, não havia nada, mas desde então eles o encheram de utensílios domésticos. Agora tudo tinha sido destruído.

Depois de olhar através de um raio de cem metros, Zhao Hai voltou a tela de volta ao mapa tridimensional, então ele se virou para Merine e disse: “Vovó Merine, a situação lá fora é terrível. Teremos que descansar no espaço por alguns dias. Agora tudo o que você pode fazer é ensinar a todos como ler e escrever.”

Merine assentiu: “Não precisa se preocupar, Jovem Mestre, eu sei como fazer isso.”

Zhao Hai então disse: “Enquanto isso, vou arrumar meu celeiro. Eu trouxe muitas sementes do depósito do castelo e quero cultivá-las neste espaço.”

Merine congelou e depois sacudiu a cabeça: “Jovem Mestre, esses tipos de sementes não são nada. Elas são apenas sementes comuns. Seu rendimento não é tão alto quanto o milho e eles não cultivam legumes mágicos. Nós só os trouxemos aqui para as Terras Negras porque pensamos que nós poderíamos fazê-las crescer na montanha, então não compramos sementes preciosas, apenas as comuns.”

“Eu ainda quero olhar as sementes de qualquer maneira. Seria um desperdício não as examinar.” Disse Zhao Hai.

“Jovem Mestre, eu não concordo. Se você vai plantar sementes neste espaço, você deve plantar aqueles rabanetes mágicos. legumes mágicos são mais vendidos do que legumes comuns e agora o Clã Buda precisa de dinheiro. Se você quiser tentar plantar essas sementes comuns, então você deve plantá-las na montanha.” Disse Merine.

“Vovó Merine, eu não vou plantar essas sementes ainda. Eu só quero dar uma olhada. Você não sabe disso, mas uma das características deste espaço é que toda vez que eu pego algo que pode ser especial, o espaço vai subir de nível, quero dizer, esse espaço fica mais forte. Da última vez, eu peguei o solo negro e a água do lago e trouxe para esse espaço, e ele me deu 2 hectares extras de terra. Então talvez a área de terra neste espaço pode ficar maior, e então eu seria capaz de plantar mais coisas.” Disse Zhao hai.

Merine ficou chocada com as palavras de Zhao Hai, então ela disse: “Se é assim, então é possível tentar, Jovem Mestre. Se essas sementes puderem ajudar este espaço a se tornar mais forte, então isso é bom.”

Desde que isso foi resolvido, Zhao Hai continuou: “Vovó Merine, amanhã de manhã, diga a todos para limpar o lixo e empilhar tudo em um só lugar. Então, quando deixarmos este espaço, eu poderia tirar todo o lixo de uma só vez.”

Merine então assentiu: “Sim, Jovem Mestre. Eu cuidarei disso.”

“E vovó Merine.” Zhao Hai disse depois de olhar em volta para todos os móveis: “Se eu organizar um pouco este quarto, acho que posso me encaixar em outra cama, então você não terá que dormir do lado de fora.”

Merine sacudiu a cabeça: “Não, Jovem Mestre. Descansar do lado de fora está bom.”

Zhao Hai viu que Merine absolutamente não se moveria sobre essa questão, mas uma parte dele já sabia que era impossível para Merine descansar dentro da sala, então ele disse: “Então, pelo menos, deixe-me pegar algumas camas do celeiro, vou movê-las para o lado da cabana para que você e os outros possam dormir por perto.”

Merine não teve objeções desta vez. Ela sentiu que era bom dormir ao ar livre. Mas não se esqueça que este era um espaço fechado. Estar lotado em torno de 100 escravos dificulta o sono.

Zhao Hai decidiu que ele iria de alguma maneira fazer dois quartos separados ao lado da cabana. Embora ele não pudesse fazer um telhado, ele poderia pelo menos fazer com que as pessoas não pudessem olhar dentro.

Vendo que Merine não tinha objeções, ele deixou a cabana, seguido por todos os outros. Lá fora, os escravos estavam de pé, cheios de espírito. Depois de comer uma refeição, eles ficaram com muito sono, mas depois de um período de tempo eles se sentiram melhor.

Enquanto chamava os escravos, Zhao Hai veio com um pouco de madeira e disse-lhes para construir duas salas separadas ao lado da cabana. Cada sala deveria ter 3 camas. Uma foi para Merine, Meg e Ju, enquanto o outro foi para Blockhead, Rockhead e An.

A razão pela qual Zhao Hai deixou Ju e An ficar com os outros foi, na verdade, para mostrar que eles eram diferentes dos escravos.

Embora Ju e An tivessem se tornado plebeus e servos do Clã Buda, ainda interagiam com os escravos. Ele queria que eles contassem aos escravos o que uma mudança de status poderia fazer. Quer fosse o jantar ou os arranjos para dormir, ele tinha que mostrar suas diferenças a fim de empurrar os escravos para o objetivo de tentar se tornarem plebeus livres. Essa era a política dele.

Zhao Hai era um otaku, ele não tinha habilidades de gerenciamento extraordinárias. No entanto, ele era um ávido leitor, apesar de ler principalmente romances leves. Mas você não poderia negar aprender algo útil com esses livros. Tudo o que Zhao Hai sabia veio da escola e da leitura de romances leves.

Embora o material nesses romances leves não seja necessariamente verdade, esses livros foram escritos por pessoas de todas as classes sociais. Aquelas pessoas colocaram tudo o que sabiam naqueles romances, por isso valia a pena ler. Zhao Hai gostou desses tipos de livros, ele aprendeu muitas coisas úteis com eles.

Para um estranho, o que Zhao Hai estava experimentando poderia parecer algo saído de um romance de fantasia, mas aqui era muito mais real. Zhao Hai estava, do fato, convencido de que se ele morresse aqui, ele estaria realmente morto. Isso não era um jogo ou um sonho. Esta foi a vida real.

Todos usariam tudo o que aprenderam e aplicariam em suas vidas e Zhao Hai não era exceção. Embora ele não soubesse se o que ele aprendeu estava correto, ele sempre tentaria continuar aprendendo e era só dessa forma que as pessoas amadureciam certo?

Por Blue Sparky | 26/11/18 às 12:56 | Ação, Aventura, Fantasia, Artes Marciais, Harém