CAPÍTULOS
OPÇÕES
Cor de Fundo
CONTROLE DE FONTE
HOME INDEX
Capítulo 13 - Uma estranha mulher

Deus Imperador dos Taos (DIT)

Capítulo 13 - Uma estranha mulher

Autor: General Xin

Sob  o medo de que Yan fosse morto em combate, Lianjie desceu a montanha apressadamente. Entretanto, quando chegou à base, haviam somente cadáveres de macacos de pelo branco severamente danificados.

“Para que lado ele pôde ter ido?” A nevasca havia ficado ainda mais intensa e seu campo de visão, bem como sua orientação, estavam sendo avariados.

BOOOOM.

Repentinamente, um som de colisão foi ouvido por Lianjie. A origem era de longe, muito adentro nas planícies congeladas. Logo após ouví-lo, ele correu utilizando ao máximo sua técnica de movimentação em loopings.

Foi então que Lianjie aos poucos foi ganhando visão do que estava acontecendo. Um enorme gorila branco estava lutando contra Liu Yan. A situação de ambos era lastimável, mas o animal parecia estar com a vantagem.

Lianjie viu o gorila lançar um ataque no sentido vertical contra Liu Yan. Foi aí que seu coração parou. Contudo, os movimentos seguintes o deixaram embasbacado, pois Liu Yan pôde prever a trajetória do golpe e, usando isso a seu favor, criou um pilar de pedra sob seus pés e utilizou-o para chegar a cabeça da fera. Lá de cima, realizou seu golpe final e momentos depois a criatura veio ao chão. Morta.

Thadra que assistia à cena se contorceu. “Esse garoto! Esse garoto é extremamente talentoso! Uma joia bruta! Ele acaba de matar uma criatura do nível elementar!”

“Elementar?” Lianjie estava incrédulo.

“Embora não fosse das mais fortes, esse monstro estava um estágio acima do garoto. Isso demonstra muito bem sua força e capacidade. Ele será definitivamente um poderoso aliado.”

Paf.

Depois da fera morrer, Liu Yan caiu deitado e, lentamente, seu corpo retornou à forma original.

“Irmão Liu Yan!” Lianjie saiu correndo. Ele temia que o garoto estivesse morto ou gravemente ferido.

Entretanto, quando se aproximou de Liu Yan, ele estava de olhos abertos. “Agh… Irmão Lianjie… Cof… Você me achou.” Ele tentou abrir um sorriso, mas até mesmo os músculos de sua cara estavam cansados o que acabou transformando em uma expressão bizarra, como se ele tivesse sofrido um derrame.

“Você está bem?” Lianjie estava preocupado e sentia-se, de certa forma, culpado.

“Sim… Só estou com… Frio…”

Não era para menos, uma vez que suas roupas estavam quase que totalmente.

Com a chegada do amigo, rapidamente Liu Yan se permitiu descansar e caiu em sono profundo. Afinal, seu combate foi duro.destruídas.

Sendo assim, Lianjie retirou seu casaco de pele e o colocou em Liu Yan. Em seguida, colocou-o em seu ombro para levá-lo de volta à caverna.

“Para que lado eu vou?”

No entanto, ele havia se esquecido por onde viera e agora, em meio a forte nevasca, os rastros obviamente foram apagados. Sendo assim, cerrou os dentes e seguiu em frente com Liu Yan.

Pela extensa planície congelada os dois jovens seguiram. Duas correntes de vento percorriam pelo lugar. Uma corrente continha um ar extremamente frio, enquanto que a outra continha um ar contrário à direção de Lianjie e incidia sobre ele dificultando seus movimentos e ficava mais forte progressivamente.

Depois de percorrer um quilometro planície a dentro, o vento se tornara deveras agressivo contra Lianjie.

“Garoto… Esse vento não é normal. Uma corrente me parece extremamente natural, já essa outra… É como se nos quisesse longe daqui.” Thadra sentiu algo de estranho neste lugar.

“Agora que você falou… Eu sinto a mesma coisa e conforme eu sigo em frente, mais forte fica…”

“Deve haver algo sendo protegido no fim deste caminho!”

Os olhos de Lianjie brilharam de esperança ao ouvirem as palavras de Thadra.

“Poderia ser um tesouro?” Lianjie perguntou ansioso.

“Sim, é possível.”

Imediatamente, Lianjie cerrou os punhos e aumentou a velocidade do passo. O frio ficara tão intenso que era como se sua carne fosse atingida por milhares de estilhaços de gelo a cada bufada de vento. Neste momento, Lianjie sentia-se congelar.

Com Liu Yan em seus ombros, ele continuou por aproximadamente mais um quilometro. A cada passo dado, mais difícil era suceder.

“Droga… Eu… Vou conseguir! Argh!”

De repente, um sopro violento veio de encontro à Lianjie e colidiu. Sua força era tamanha que o forçou a recuar cinquenta metros.

Ele então retirou de seu anel espacial sua guan dao e, cravando-a no chão, começou a progredir lentamente.

Depois de uma hora, ele havia percorrido apenas trezentos metros. Neste ponto, suas roupas começaram a trincar de tão congeladas e suas juntas começaram a ser afetadas. Não só isso, Liu Yan já estava próximo do estado de hipotermia e estava com todos os cabelos cobertos por uma grossa camada de gelo. Lianjie não conseguia nem mesmo falar, pois sua boca fora selada pelo frio.

Se eu voltar, morrerei da mesma forma… Tenho que continuar!


Dentro de Lianjie, Thadra observava com admiração, pois a resiliência deste menino era louvável!

Subitamente, no horizonte, surgira um pequeno ponto ciano extremamente brilhante. O vento e o frio pareciam originarem-se de lá.

Ao enxergá-lo, os olhos de Lianjie se arregalaram. Ele precisava seguir em frente.

Conforme aproximava-se sua pele sofria queimaduras pelo gelo. A cada sopro de ar, a pele de Lianjie quebrava, descascava e sua carne surgia. Em contrapartida, pouco a pouco o pequeno ponto ia tomando forma e ganhando proporções.

Subitamente, quando Lianjie estava a quinze metros de distância, ele pôde ver um grande mausoléu de gelo e sentada sobre seu teto, uma absolutamente linda mulher cantava e tocava uma arpa. Sua melodia era triste e penetrava profundamente no coração.

'Eh?' A mulher parou sua canção e olhou para Lianjie. De repente, ela pulou do telhado e flutuou em sua direção.

Os olhos de Lianjie pararam. Ele nunca havia visto mulher tão bela em sua vida inteira. De longas pernas, corpo esbelto e cabelos na cor do mais claro azul, a mulher usava um longo vestido perolado e em sua cabeça havia uma pequena diadema prateada. Seus olhos eram negros, esticados como os de uma serpente e brilhavam em tristeza.

“Eu estava esperando você... Só não imaginava que vocês fossem tão iguais... Você é algum descendente dele. Não é?” Ao pousar em sua frente, a linda mulher o fitava intensamente.

Lianjie arregalou os olhos em surpresa. Parecido comigo? Descendente de quem? E como assim me esperando? Estas questões assolavam a cabeça de Lianjie, porém não podia deixar sua boca, pois esta estava congelada.

“Oh… Sim… Entendo.” A mulher tocou em sua testa e na de Liu Yan. Imediatamente após isso, seus corpos voltaram ao normal e o gelo que os assolava começou a derreter. Todavia, as feridas permaneceram.

“O-O que você fez?” Lianjie ficou admirado pela habilidade da mulher.

“Nada de mais… Responda menino. Qual é o seu nome?” A mulher pôs a mão em seu queixo e aproximou seu rosto do dele.

“Lianjie! Y-Yu Lianjie!” Seu rosto corou violentamente com a face da mulher tão próxima de si.

Internamente Thadra ria e se contorcia da reação de Lianjie.

“Um Yu? Eu sabia! Céus… Você é tão parecido com ele… Tão belo… Eu sinto tanta saudade…” A mulher acariciou o rosto de Lianjie enquanto de seus olhos, carregados de tristeza, escorriam lágrimas. De repente, ela olhou para o céu e exclamou: “Você sabia como ele era! Por isso não quis me dizer! Você realmente pensa em tudo!”

“Parecido… C-com q-q-quem? Como você sabia que eu viria? Sou descendente de quem?” Perguntou Lianjie com a testa franzida.

“Meu Daoming… Por um momento eu achei que… Só por um momento…” A mulher desandou em choro.

Lianjie estava um pouco perdido, a mulher conhecia sua família! Contudo, repentinamente, uma enorme vontade de consolá-la surgiu. Sendo assim, Lianjie abraçou-a firmemente.

Desprevenida, a mulher abriu seus olhos, olhou diretamente para Lianjie e então  sorriu gentilmente. “Obrigada… Você me fez sentir como em seus braços… Vocês são tão parecidos… Hoje eu estou realmente feliz.”

"Você não precisa me agradecer... Eu meio que agi por impulso... Desculpe..." Corado, Lianjie respondeu timidamente.

"Parece que vocês Yu são todos gentis. Eu vou torcer por você! Assim como torcia para ele." A mulher secou as lágrimas e, em seguida, seus lábios começaram a emitir uma luz brilhante. Logo depois, ela beijou a testa de Lianjie e de Yan, que estava em seus ombros. “Isto é um presente dela para vocês.” Imediatamente após o beijo, uma enxurrada de informações invadiram a mente de Lianjie. Era uma técnica: Quatro Diagramas do Demônio Glacial!

Ao visualizar a técnica que recém adquirira Yu Lianjie ficou maravilhado. Ela consistia em quatro diagramas: Diagrama Invernal, Diagrama Ártico, Diagrama da Tundra e Diagrama do Zero Absoluto. Cada diagrama aumentava a resistência e o controle de um indivíduo acerca do gelo, bem como proporcionava uma técnica defensiva ou ofensiva. No entanto, era extremamente difícil de treiná-la, pois era necessário utilizar essência glacial, algo que Lianjie sequer sabia onde encontrar.

Por General Xin | 26/12/17 às 18:37 | Ação, Aventura, Fantasia, Artes Marciais, Sobrenatural, Xianxia, Romance, Brasileira, Magia, Poder, Maduro, Drama