CAPÍTULOS
OPÇÕES
Cor de Fundo
CONTROLE DE FONTE
HOME INDEX
Capítulo 41 - Um talento nato em Medicina

Deus Imperador dos Taos (DIT)

Capítulo 41 - Um talento nato em Medicina

Autor: General Xin

No centro de um grande pátio, um jovem adulto treinava enquanto outro mais velho tomava chá sentado em um pequeno banco. Ao lado deste último havia uma mesa com um bule em cima.

O jovem possuía um nariz naturalmente arrebitado, seus cabelos eram avermelhados e utilizava um moicano, possuía olhos tão esticados que chamavam-no de YiYi. Poderia se dizer que as únicas coisas bonitas nele eram suas vestes finas.

N/A: YiYi é porque Yi (一), logo YiYi (一一). Significa que os olhos dele são muito puxados.

“Jiangshen gongzi, seus movimentos estão muito rígidos, sua abertura demasiada e você não está emanando intenção nos seus movimentos!” O velho homem falou. Possuía longa barba e um fino bigode brancos que contrastavam com suas vestes negras de tai chi.

N/A: Gongzi é um honorífico para filho de um nobre/militar/etc.

Ao ouvir às instruções do velho homem, Jiangshen revirou os olhos e bufou profundamente. Ele caminhou até o velho e chutou seu bule de chá para longe.

“Escute aqui, você é pago pelo meu pai pra me fazer forte! Se nem isso você consegue o que está fazendo aqui?” As mãos de Jiangshen avançaram contra a xícara do idoso que esquivou-se como um espectro.

“Um mestre pintor sobe a colina, mas antes dele seu ego. No seu pico há um lindo lago, no seu lago há uma flor por desabrochar. Excitado pelo belíssimo panorama do local ele o pinta apressadamente; com pinceladas firmes e agressivas. Ao terminar, ele desce a colina. Que infortúnio! Não fora ele a descobrir a beleza da flor de lótus.” O olhar do homem fixou-se no jovem homem e, em seguida, deu um gole em seu chá. “Ah... É uma bebida ímpar, de fato.”

“O que você está falando? Pintor? Eu não sou a porcaria de um pintor! Eu sou Jiangshen, um gênio! Você não é um professor a minha altura! Fora daqui!” O pé de Jiangshen cortou o ar em direção à face do idoso. Este último simplesmente riu e chutou o banco sobre o qual estava sentado na perna de apoio de Jiangshen.

Ele foi ao chão.

“Minha última lição para Jiangshen gongzi é: para ascendermos ao céu, vez ou outra caímos pela terra. Hehehehe.” O idoso deu as costas e sumiu rapidamente.

“Maldito! Volte aqui!” Jiangshen se levantou, recuperando-se da queda. Contudo, seu ex-professor já havia sumido. “Pintor... Eu não precisarei ser pintor para desenhar sua cabeça pendurada em praça pública!”

Jiangshen aplicou tapas em suas roupas para remover a poeira e terra destas e deixou o pátio. Ele caminhou até uma sala onde uma senhora de aproximadamente sessenta anos encarava as janelas.

“Mais outro professor?” Perguntou a senhora.

“Sim, eu percebi que ele não estava a minha altura... Recrute alguns jovens no centro do vilarejo e diga que Jiangshen deseja treinar. Para cada um que vier, dê cinco moedas de ouro. Eles precisam estar no estágio elementar, pois eu preciso dar vazão à minha raiva.” Respondeu Jiangshen com um sorriso vil em seu rosto.

“Sim, Jiangshen gongzi.” A mulher se curvou e deixou o local onde estava. Em seguida, deixou a residência e foi em direção ao centro de Pingjing Hu.

No centro do vilarejo, dois jovens perambulavam como formigas enlouquecidas. Eles estavam atrás de algo que pudessem usar como disfarce. Afinal, não havia como precisar quanto tempo o governador de Yu Cao demoraria para tomar providências. Se alguém reconhece os garotos quando estes agissem seria o fim deles.

Após alguns minutos Yan encontrou uma máscara hannya e Lianjie optou por um tapa-olho e um chapéu de palha.

De repente, o centro parou sob os gritos de uma senhora no centro do vilarejo.

“Atenção, Jiangshen gongzi convida jovens lutadores a praticarem com ele. Todos devem ser do estágio elementar ou inferior. Para cada jovem, cinco moedas de ouro serão dadas.”

Rapidamente um alvoroço se estabeleceu.

“Cinco moedas de ouro? Meu filho quer lutar!”

“O meu também!”

“Meu garoto acabou de atingir o estágio elementar. Leve-o!”

“Meu filho é o melhor lutador de toda Pingjing Hu!”

“Seu filho? Cale a boca seu velho retardado!”

“Retardada é a sua mãe! É sua irmã! É sua família!”

Rapidamente, dezenas de lutadores cercavam a senhora.

Yan e Lianjie se entreolharam e sorriram. Ambos estavam em sintonia. O karma de Jiangshen era mesmo triste, pois a oportunidade concedida aos dois era de cair o queixo. Imediatamente integraram à multidão ao redor da mulher.

“Agradeço a todos pela boa vontade em ajudar o jovem mestre! Vocês serão, sem dúvidas, bem recompensados!”

Em seguida a mulher começou a caminhar em direção à residência dos Jian. Atrás dela, dezenas de praticantes.

Quando os garotos chegaram à mansão seus queixos caíram. Era simplesmente inacreditável! Quatrocentos metros quadrados? Não! Seiscentos metros quadrados? Nem pensar! Mil, dois mil? Muito mais! A propriedade dos Jian media, no mínimo, dez mil metros quadrados.

Quando adentraram na sala ficaram perplexos com o nível do luxo. Um prefeito deveria possuir tamanha riqueza? Eles não souberam responder, somente apreciar as dezenas de objetos de arte: pinturas, porcelanas, esculturas em jade e vasos.

“Droga! Como podem ser tão ricos?” Yan exclamou em choque.

“Considerando o caráter de Jian Shou, posso presumir que não seja nada de ordem legal...” Lianjie respondeu.

Após atravessarem a enorme sala, caminharam mais uma dezena de metros e saíram em um vasto pátio. Em seu centro estava Jiangshen treinando.

Ao observar os movimentos do jovem homem, Yan inclinou a cabeça para esquerda e sussurrou para Lianjie: “Vendo estes movimentos... Eu desejaria ser cego a vê-los outra vez...”

Lianjie olhou para seu amigo e riu.

“Bem vindos, jovens lutadores. Como todos sabem, minha genialidade tem proporcionado momentos de dificuldades em meus treinamentos... Não existem professores nos arredores bons o bastante para mim! Sendo assim, decidi apelar aos meus conterrâneos para treinar as minhas habilidades e as suas.” Jiangshen parou seu treino, se aproximou da multidão e falou em voz alta.

“Treinar com mais fracos que você? Uma puta pretendendo ser uma dama!” Yan sussurrou novamente para Lianjie.

“Eu quero muito socar a cara dele...” Lianjie cerrou os punhos e rangeu os dentes. Uma das coisas que mais odiava eram os playboys.

“Se vocês estiverem no estágio pré-cósmico, podem vir de cinco em cinco. Se estiverem no estágio elementar de um em um.”

E assim um por um dos jovens começaram a avançar contra Jiangshen.

Desprezível e cruel ele atacava sem clemência. Não demorou para que os jovens percebessem que não se tratava de um treinamento, mas sim de uma tentativa de liberar sua raiva e frustrações.

Crack.

“AAHHH!” Um jovem teve seu braço quebrado.

Xin.

“Outro teve a cintura perfurada por uma espada.”

Jiangshen ria e deleitava-se pelo sofrimento daqueles pobres praticantes. Eles eram realmente pagos, mas a que custo? Em seus corações a figura do jovem homem era sombria e odiada.

‘Alguém podia dar uma lição neste filho da puta!’

‘Estamos sendo pagos por um massacre!’

‘Droga! Eu quero ir pra casa! Pai, por que o senhor fez isso?’

Assustados, seus pensamentos eram incessantes. No fim das contas, eles se deram conta de que não havia sido uma boa ideia.

“Com licença! Com licença!”

De repente, um pequeno garoto vai abrindo caminho pela multidão. Curiosos, os outros indivíduos encaravam-no com feições peculiares. Ele usava uma máscara hannya negra com grandes chifres dourados.

“Eu falei licença, porra!” Yan empurrou um garoto e jogou-o três metros para trás.

‘Quanta força!’ O garoto pensou.

“Uma máscara?” Jiangshen perguntou enquanto encarava o garoto.

“Não, é a cara da sua mãe.” Yan respondeu seco.

Subitamente, risos emergiram da multidão.

“Ora, seu... Para você eu vou pagar dez moedas de ouro para compensar sua família da sua morte!” Jiangshen bufou e avançou. Seus punhos entraram em combustão e ele lançou um soco contra Yan.

Yan simplesmente sorriu e enviou sua cabeça de encontro ao punho.

Ao assistirem à cena, todos fecharam os olhos. Exceto Lianjie.

“Entregando sua cabeça assim! Uma puta deve reconhecer seu mestre! Muito bem, mas agora é tarde demais! HAHAHAHA!” Jiangshen debochou.

Quando o punho do homem beijou a testa do pequeno garoto o barulho não foi o de um crânio quebrando, mas sim o dê um gongo.

DONGGGG.

Yan permaneceu imóvel. Já Jiangshen recuou três passos.

“AHHHHHHHHHHHHH!”

Todos abriram os olhos. Para sua surpresa, o jovem estava vivo e grito era de Jiangshen! Quando eles direcionaram o olhar para a mão do homem, uma expressão terrível surgiu em suas faces.

Seu antebraço e mão haviam sido quebrados e estavam torcidos em um ângulo bizarro. Além disso, seus ossos da mão estavam expostos.

“SEU FILHO DA PUTA! EU VOU TE MATAR, MEU PAI VAI TE MATAR!” O homem gritou furioso. Logo depois, continuou: “CHAMEM UM MÉDICO, RÁPIDO!”

“Eu não imaginava que você era tão fraco! Se não eu ajustava minha força para a de uma criança!” Yan riu descontroladamente.

“NÃO OUSE SE MEXER, APÓS EU ME TRATAR VOCÊ RESPONDERÁ POR SUAS AÇÕES!” Jiangshen gritou enlouquecido.

Neste momento, Lianjie sorriu com o canto da boca e tomou a frente. “Jiangshen gongzi, este irmão que vos fala é versado na medicina tradicional e discípulo do lendário Hao Yishi, aquele que curou cem mil homens e dez mil deuses.”

“Hao Yishi?”

“Eu já ouvi falar!”

“Dizem que ele curou um dragão!”

“Sim, dizem que trouxe um homem morto de volta à vida.”

Ao ouvir os outros lutadores Lianjie balançou a cabeça e suspirou. Hao Yishi fora inventado por ele, mas ainda assim começaram a criar lendas sobre uma figura que não existia.

Ao ouvir os títulos do tão fabuloso Hao Yishi, Jiangshen tranquilizou-se e falou: “Irmão... Ugh... Aproxime-se, me cure, por favor!”

Lianjie pôs a mão na borda de seu chapéu e cumprimentou Jiangshen. Após se aproximar dele, olhou para as feridas e colocou a mão sob o queixo.

“Hum...”

“É muito grave, irmão?” O jovem homem perguntou.

“Não... Só precisamos de uma incisãozinha!” Lianjie ergueu o dedo indicador e explicou para ele.

“Então faça, rápido!”

“Ok... Já que você pediu...”

No momento seguinte, sua guan dao surgiu em sua mão e como um animal feroz caiu sobre o ombro de Jiangshen. Com sua lâmina em combustão, o braço foi cortado e, ao mesmo tempo, o local foi cauterizado.

“Pronto!” Lianjie respondeu.

A multidão assistia à cena em choque.

N/A:Recebi algumas críticas acerca da amizade entre Yan, Lianjie e Yuanjia se desenvolver rapidamente. Vejam bem, na China existe algo chamado 面子 (mianzi) que pode ser traduzido como reputação social. Todas as relações chinesas se utilizam desse conceito de reputação social. Se você fizer algo por mim, eu estou em débito com você (seu mianzi estará mais alto que o meu) e precisarei pagar este débito (equiparar meu mianzi ao seu) e assim nossa amizade se estenderá no tempo. Se vocês prestarem a atenção o mianzi de Lianjie ultrapassa o de Yan quando lhe oferece para participar da missão e ultrapassa o de Yuanjia por tê-lo salvo do Dragão da Terra.

Por General Xin | 03/01/18 às 00:59 | Ação, Aventura, Fantasia, Artes Marciais, Sobrenatural, Xianxia, Romance, Brasileira, Magia, Poder, Maduro, Drama