CAPÍTULOS
OPÇÕES
Cor de Fundo
CONTROLE DE FONTE
HOME INDEX
Capítulo 06 - Gosto pela vitória

Legado dos Deuses (LDD)

Capítulo 06 - Gosto pela vitória

Autor: Amnésia

O terreno plano se encheu de bestas a medida que todos os outros competidores, membros de outras classes, foram derrotados. O trio estava ali dentro fazia cerca de 13 horas, nenhum deles sofreu um ferimento pesado, e ainda assim derrubaram mais de 45 bestas juntos, era um feito que poucos conseguiam.

A situação não era das melhores, com a queda de outros grupos de membros de outa equipe o foco das bestas mudaram para os únicos ainda de pé, erguidos em um canto onde não se preocupavam com a retaguarda.

Melina estava meio curvada enquanto arfou depois de ter derrubado uma besta de Rank-4 com dificuldade, sua respiração estava tensa e seus braços entorpecentes, ela abaixou a cabeça para puxar o ar.

- Isso não acaba, já somos os últimos? - Ela perguntou sem ter noção da hora que estava ali e da quantidade de bestas que derrubou.

- Falta só mais um grupo a cair. - Fukai passou a sua frente e bateu de frente contra uma lâmina afiada que surgiu do pulso de uma das bestas, essa era chamada Kiro.

Boom!

O golpe de ambos os lados soltou uma explosão que fez voar os dois lados, Fukai aterrizou arrastando de pé se equilibrando, respirou fundo e virou o olhar para Garp que em desvantagem combatia dois Kiro sozinho, sua força era algo fora do senso comum, mas seu profundo poder era ainda raso para que pudesse combater duas delas.

Fukai empinou a espada, torceu o punho da espada para frente e começou a seguir correndo, ele saltou quando estava a mais ou menos 20 metros de seu oponente. Se arrastou no chão e logo se dirigiu para onde Garp estava.

- Melina, derrube essa!

O rosto calmo e coração solene era uma das poucas características que Fukai tinha, desde sempre ele foi influenciado a nunca perder sua postura em batalha, essa era a arma da família Ferio.

- Garp, esquerda!

O porrete se mexeu no momento em que a palavra foi dita, Garp balançou todo o corpo a frente e foi com tudo o que tinha, batendo com a ponta do porrete no peito do Kiro, o choque fez com que ambos se afastassem um do outro.

Kiro ergueu as duas patas com lâminas no ar enquanto soltou um rugido balançando desesperadamente sua cabeça.

Razam observando continuou quieto aproveitando a batalha, ele flutuava sentado vendo pelos olhos de Fukai, sua movimentação, seus pensamentos, suas estratégias, tudo era muito bem mecanizado, tudo em proporção pela quantidade de pessoas que estava ao seu lado e também pelos inimigos do outro lado.

Dentre os 800 anos que esteve parado sem ver a batalha, os instintos de Razam foram propensos a cair, mas estando em um corpo de um jovem que estava apenas no Reino Verminiano ele conseguiu voltar um pouco das suas noções básicas.

- Reúna sua energia pura na lâmina, ela entrará em um estado vermelho, ataque os dois braços e depois o pescoço, se não cair, use...

- A parte das costas. - Fukai completou esticando o braço para o lado liberando toda a energia para a sua espada curvada.

A energia passou pelas veias do seu braço e entrou em movimento com a energia pura da espada, elas colidiram uma com a outra antes de dar um estalo e se fundirem em cor verde escura, a lâmina ganhou um brilho vermelho que ofuscou a visão dos dois Kiros.

O Primeiro golpe encontrou os braços que foram decepados, o segundo movimento foi de um corte perfurando o pescoço com um salto, Fukai foi obrigado a abaixar desviando da pata direita e girou em 360 graus chegando as costas do inimigo, com uma estocada ele atravessou o corpo e puxou a lâmina para cima com tamanho esforço.

Ele rangeu os dentes puxando o punhal para cima enquanto a pele do Kiro ia se abrindo cada vez mais.

- Corta, corta, corta, corta!!!

Fukai com todo o esforço possível e com uma careta puxou a lâmina para cima deixando um dos Kiro em duas partes. Deu dois passos antes de cambalear e quase cair, pisou forte no chão balançando sua cabeça e dando dois tapas em sua testa.

- Acorda..

Razam ficou satisfeito dando um sorriso, era bem simples dar uma ordem de matar, mas fazer isso sem que hesite ou tenha algum pouco de pena era fatal, guerreiros matavam sem dar chance para o inimigo.

De início quando viu através do corpo de Fukai, ele ficou um pouco decepcionado, o jovem tinha uma aura pura, simples, e não era corrompido por um desejo de destruir nada, na verdade ele sempre teve certeza do que queria.

Mas por querer um poder para se tornar forte, sua personalidade era mais reservada. Razam tinha um plano para o tornar o mais mortal possível, mas a cena que presenciou nas 13 horas juntas ficou claro, o garoto tinha talento de sobra.

- Não relaxe, tem mais três vindos. - Razam avisou rapidamente alto.

Fukai foi para o lado de Garp e respirou fundo puxando um bocado de ar, o ataque de antes foi muito mais forte e usou muito mais profunda força do que queria.

- Garp, consegue bater em mais alguns?

O porrete caiu por cima do ombro enquanto o grande corpo dele se equilibrou por pouco com um pé a frente e outro atrás, ele respirou fundo enquanto os pingos de suor caíam de sua testa, ele bufou arfando.

- Mais alguns... é moleza!

Melina apareceu mais atrás enquanto se arrastava andando, o cansaço atingido em seus corpos por enfrentar tantas bestas não era menor do que o do próprio Fukai, os três estavam em um estado lamentável.

- O outro grupo.. Eles já caíram? - Melina perguntou tentando se recompor levantando a cabeça, mas não conseguindo, seu pescoço estava dormente e seus braços entorpecidos, sua última linha de raciocínio mandava que ela segurasse sua espada o mais forte possível.

- Eles tem com eles cerca de 5 pessoas ainda e estão batalhando em grupo, não vai ser nada fácil ultrapassar eles. - Fukai respondeu se ajoelhando respirando fundo enquanto levantou sua cabeça para o ar.

Garp se ajoelhou em uma perna e levou a mão no peito respirando pesadamente tentando não perder o foco.

- E eu pensando que o nível oito do Reino Verminiano fosse grande. - Garp socou o chão abrindo uma linha de rachadura. - Como eles conseguem ficar a nossa frente desse jeito?

O último grupo estava a quase 500 metros deles, mas ainda estavam bem conservados, as armas variavam de espadas para lanças e trabalhavam juntos com o auxílio de uma garota de cabelos rosados que estava no meio dos jovens.

Ela levantava a sua mão, em seu pulso havia uma objeto que brilhava em branco e sua força expelia de três a quatro bestas para longe, usando sua energia para influenciar no ar, ela mantinha a vantagem sobre o outro grupo.

- Senhorita Kara, o outro grupo todo se ajoelhou, vamos conseguir o primeiro lugar. - Um dos jovens ousou olhar para o lado e tinha o rosto todo alegre.

Mas Kara não possuía essa felicidade, ela olhou por curto segundo para o grupo e bufou se concentrando na batalha frente.

- Eles ainda estão de pé, isso quer dizer que não ganhamos, se fosse tão fácil ganhar das famílias principais, então já teríamos passados eles faz quase duas horas. - Ela falou com autoridade e organizava as linhas. - Os que usam lanças a frente, o restante faça uma ponta quadricular, não vamos abaixar a velocidade do ataque.

De cima das arquibancadas os olhares do segundo e primeiro Elders estavam focados no campo de treinamento, os dois grupos que estavam ali representavam suas turmas, se conseguissem o primeiro lugar, então ganhariam um pouco mais de glória e orgulho para si.

Diferente de Ju Teros, Lau Gaufeng não se importava com quem ganharia, o resultado final pouco importava, o que estava em jogo era a habilidade de pensamento que Garp, Melina e Fukai usariam no momento seguinte.

Seu corpo estava ansioso para ver, fazia tempos desde que um grupo passava cerca de 10 horas nos campos, e sendo do baixo Reino Verminiano, isso já era algo a qual se glorificar.

Merer riu de Lau e seu olhar ocioso.

- Isso é apego, Lau? - Merer logo perguntou rindo.

Lau bufou de lado e sorriu depois de volta para Merer.

- Quero saber do que eles são capazes, até onde posso explorar o seu máximo, e quero ver se eles conseguem compreender o que é um campo de batalha. Matar bestas ou humanos, pouco importa, a sobrevivência é a chave de tudo.

Merer parou de sorrir por um segundo, as poucas palavras de Lau o fizeram parar por um segundo e então profundamente ver o interior de Lau.

- Não quer forçar esses pequenos jovens nas terras mais sombrias, certo, Lau?

O sorriso maníaco de Lau cresceu.

- Tudo o que eu quero é ver do que eles são capazes quando uma pedra está próxima de acabar com o que construíram até agora.

Do outro lado, na parte central...

O Juiz principal sentado se inclinou a frente apoiando seus braços nas pernas e afiando o seu olhar, sua expressão era complicada, de um lado o grupo que conduzia 5 pessoas estava levando a melhor sobre as bestas, mas não as estavam matando enquanto o outro massacrava o inimigo como se fosse uma batalha real.

Em questão de vantagem, Kara liderava os 4 garotos com facilidade, mas não estava tendo progresso em derrotar as bestas, entretanto ela estava sobrevivendo de uma maneira simples.  

Fukai liderava dois cultivadores de força mediana enquanto era um suposto nível três e em suas mãos uma espada curvada que ainda brilhava, com a força combinada levaram 47 bestas a cabo sem tomar um ferimento grave.

- Juiz principal, quem está levando a melhor entre eles?

Encostando seu corpo de volta na cadeira, o Juiz principal não se aliviou, a situação não era complicada, mas retinha uma série de situações de vantagem e desvantagem.

- 50 a 50, não tem um lado ganhador ainda. - Ele respondeu sério. - O campo de treinamento possui uma série de métodos para avaliação, aqui presente apenas dois grupos conseguiram se sobrepor, mas ainda falta algo neles, algo que o campo de treinamento não pode oferecer.

As palavras deixaram as duas dezenas de aprendizes de Juízes curiosos, ele se atentaram a ouvir a resposta.

- E o que falta neles, senhor Juiz principal?

O Juiz abriu sua mão produzindo uma pequena chama crescer, uma chama simples de cor vermelha brilhar e vibrar aquecendo o ar na mesma hora, essa chama deixou todos de boca aberta.

Poucas eram as pessoas que podiam produzir chamas a partir do nada, e o Juiz principal era um desses.

- Falta neles o gosto pela vitória.

Por Amnésia | 24/12/17 às 21:19 | Aventura, Fantasia, Artes Marciais, Wuxia, Xianxia, Brasileira, Poder, Adulto, Elementos de Cultivo, Ação