CAPÍTULOS
OPÇÕES
Cor de Fundo
CONTROLE DE FONTE
HOME INDEX
41ª Mentira - Legado

Lied (LD)

41ª Mentira - Legado

Autor: Mitsuaki Seiji | Revisão: HebiTantei

Esta é uma história que remonta a um tempo em que os frutos do caos ainda estão sendo formados, os cruéis destinos a serem revelados.

Em mais um volume da jornada pelo Submundo, o “Herdeiro de Adão” travará memoráveis batalhas que lhe farão questionar sobre o seu papel neste conto, assim como conhecerá pessoas que lhe poderão dar as respostas que ele tanto procura.

Origens, convicções e deveres. Tudo será, mais uma vez, colocado à prova...

 

Nível -3 do Submundo, Bloco Restrito

Lied e Mare conseguiram escapar de Ajax e dos Guardiões de Mictlan graças não só a Zaccharias, que se colocou na frente do cavaleiro asteca e ficou para trás, como também a Pantera, o Spirit Hunter que no momento crucial apareceu para ajudar Lied.

De volta ao covil dos temíveis Animus, os dois aproveitam a distração das criaturas, que parecem confusas com os sinais de crise que recebem por todo o Submundo, e apressam-se a sair dali. Lied, ansioso, sente-se prestes a explodir…

 

 

Nível -2 do Submundo, Bloco Restrito

Foi neste mesmo piso que Lied despertou o Spirit Mode e derrotou o Animus.

Mare, cansada após toda aquela correria, deixa-se cair no chão. Quanto a Lied, o humano mantém-se em pé, sem fôlego. Ele dá um soco no chão, a frustração libertada…

— Raios! Raios! Raios! Raios…!

— L-Lied… — Mare sussurra.

— Para que foi que eu despertei o Spirit Mode? Não era para ficar forte?! Para poder lutar quando fosse necessário?!

A total derrota contra Pantera e depois a impotência diante de Ajax…

— No fim, nada mudou. A Maçã de Adão ou eu mesmo… NÃO POSSO PROTEGER NADA POR MINHA CONTA!

A moça asteca levanta depois de ouvi-lo. Com um olhar sério, Mare aproxima-se de Lied.

— Isso não é verdade! Você me protegeu agora, por sua conta!

— Eu fugi da luta!

— Essa… foi uma decisão do Zaccharias!

A afirmação dela silencia a conversa e abate ainda mais Lied, que se ajoelha.

— Sim… foi graças ao Zaccharias que eu cheguei até aqui. Se não o tivesse conhecido, a minha jornada teria terminado muito antes. Foi ele quem me guiou. Sem o Zaccharias… eu não sei para onde ir ou aquilo que devo fazer. Sinto-me… novamente perdido.

É quando Mare esboça um sorriso fragmentado e senta-se ao lado dele.

— Pois é, eu ainda não te contei como morri, não é?

— Hã…?

— Eu cresci numa vila de Aqua. Os meus pais trabalhavam bastante, então dependia muito das minhas duas irmãs mais velhas, que sempre cuidaram de mim. Eu morri… há 8 anos atrás.

“Durante a guerra…?”, Lied presumia.

— Um dia, poucos meses antes da guerra, uns oficiais do castelo asteca apareceram na nossa casa e me levaram. Os meus pais e uma das minhas irmãs morreram tentando me ajudar. A minha outra irmã não estava em casa… felizmente.

— Levaram-te…? Por quê?

Mare encolhe-se enquanto desenterra as dolorosas memórias.

— Experimentos. Nunca entendi para quê, mas também raptaram outras crianças da minha idade. Foi através desses experimentos que eu despertei o meu Spirit Mode…

— Entendo…

— Ir à escola. Fazer compras com as minhas irmãs. Brincar com as minhas amigas. Tantas coisas que eu queria ter feito mais… Ah, mas ao menos consegui ver a minha irmã que sobreviveu antes de morrer! Ela era incrível… tornou-se uma cavaleira só para me encontrar!

Arrependimento… o motivo de não conseguir reencarnar e continuar no Submundo.

— Mare…

— Eu realmente… amava-a muito… E quando cheguei a Mictlan, eu estava tão assustada que fugi. Os guardas me perseguiram, pensei que iam continuar os experimentos em mim… — o rosto da moça se ilumina subitamente — E então conheci o Zaccharias! Ele me salvou!

— A você também, hã…

— No início não sabia como reagir! Quer dizer, não é todos os dias que um corvo falante começa a falar contigo!

— Sim, foi o mesmo comigo.

A conversa toma um teor mais divertido, gargalhadas tímidas vindas de ambos Lied e Mare.

— Foi aí que eu entendi. Mais importante do que a presença de uma pessoa, é aquilo que ela nos deixa quando desaparece.

— Aquilo que ela nos deixa…

— Ei, Lied. O que é que o Zaccharias te deixou?

— Aquilo que ele me deixou… foi…

Naquele instante, vários flashbacks com o corvo falante passam pela cabeça de Lied…

O encontro deles. A luta contra os guardas de Mictlan. A primeira provação. A segunda provação. A batalha pelo despertar do Spirit Mode frente ao Animus. O curto combate entre professor e aluno. O treinamento da Unda. A vitória diante de Jirou Isaak. E finalmente o confronto com Pantera e Ajax que resultaria na separação da dupla.

Em todos estes momentos de extrema importância, Zaccharias fora a pedra angular, o suporte direto e indireto de Lied. Mas por quê? A resposta é simples: porque tinha plena fé nele.

— Determinação — o adolescente responde confiantemente.

— Sim. Sentimentos – o legado do coração.

Um sorriso de compreensão é desenhado no rosto do rapaz, que se ergue do pavimento escuro para surpresa de Mare. Lied fita a moça com a sua expressão amável.

— Obrigado. Graças a você, eu abri os olhos.

— Hehehe — a criança põe-se também de pé — Pode não parecer por causa da minha aparência, mas se eu estivesse viva, teria quase a mesma idade que você!

— Sério? Por isso é que é tão madura…

— Hehe, olha que fico envergonhada… — as bochechas de Mare ficam vermelhas.

Lied inicia uma série de alongamentos. O aquecimento para um novo treino…

— Teve alguma ideia? — ela o questiona.

— Tem algo que gostaria de tentar.

 

[FIM DO CAPÍTULO]


🐍🐍🐍🐍🐍🐍🐍🐍🐍🐍🐍🐍🐍🐍🐍🐍🐍🐍🐍🐍

Olá a todos, fala o Seiji. Esta mensagem está a ser escrita antes do cumprimento da meta (se é que ela alguma vez será cumprida haha). Sendo sincero, eu não sei para quem estou a falar. Na verdade, eu não sei se estou a falar para alguém. É bem possível que esteja somente a falar para mim mesmo.

Quando olho para as 175 visualizações deste capítulo, pergunto-me sobre quantas delas são minhas. Enfim, vocês já devem ter entendido aonde é que quero chegar, né? Não dá. Eu não consigo continuar a escrever sem feedback. O tempo passa, novos capítulos são lançados e tudo na mesma. Lied até é das poucas novels na Saikai com ilustrações nos capítulos e não aparenta servir de muito.

O que é que se passa? Porque é que vocês nunca dizem nada? Mesmo para uma obra fora do convencional, o feed é extremamente fraco, praticamente inexistente. O que é que não estamos a fazer bem? É a história que piorou? A revisão para PT-BR que não se encontra suficientemente compreensível? As poucas ilustrações ultimamente?

Peço que me ajudem a perceber a razão deste insucesso com um comentário. Por favor.

Por Mitsuaki Seiji | 26/04/19 às 21:52 | Ação, Aventura, Fantasia, Drama, Romance, Portuguesa, Mistério