CAPÍTULOS
OPÇÕES
Cor de Fundo
CONTROLE DE FONTE
HOME INDEX
Capítulo 35 - Estilo de Combate com.. Adaga?

O Príncipe das Trevas (PDT)

Capítulo 35 - Estilo de Combate com.. Adaga?

Autor: Kouhei Kagami | Revisão: yuukari

“Em 3 dias nos encontraremos próximo a entrada.” – Anunciou Yu.

Em seguida o grupo se separou e começou a explorar.

Esporadicamente Yu expandia sua aura para detectar a ameaça de Bestas Demoníacas. Pelo consumo de energia ser muito alto, Yu pode apenas usar esse método algumas vezes quando se sentia desconfortável.

Devido aos pequenos feixes de luz gerados pelas formações rochosas, Yu conseguiu ter uma noção básica da aparência do labirinto.

O primeiro andar era composto de largas paredes com aproximadamente 10 metros de altura. Cada corredor era grande o suficiente para que um batalhão atravessasse-o simultaneamente.

Haviam alguns pontos irregulares nas paredes, devido a idade avançada diversas rachaduras se formaram ao longo dos anos, pelas quais cresciam os mais variados tipo de plantas.

Em um corredor não muito longe da entrada, Yu se deparou com uma misteriosa flor emitindo um místico brilho azul. Essa flor exalava uma fragrância agradável e passava uma sensação de paz.

Pouco depois de se aproximar da flor, Yu recuou com urgência estampada em seu rosto.

“Droga. Não é pra menos que não existam bestas aqui! Essa planta é altamente venenosa.” – Yu se afastou enquanto cobria o nariz com as mãos.

Mantendo uma distância segura da flor de brilho azul místico, Yu sentou-se ao chão e cultivou por algumas horas.

3 horas depois

Yu abriu os olhos e ficou extremamente feliz.

O efeito de cultivar no Labirinto das Cem Camadas era multiplicado em inúmeras vezes se comparado ao mundo exterior. Quanto mais fundo, mais vantajoso para o corpo. É claro, quanto maior a cultivação, mais dificuldade Yu teria de enfrentar para superar os gargalos, diminuindo drasticamente a velocidade de avanço no cultivo.

De repente, Yu lançou um olhar afiado em uma das passagens próximas.

Uma cobra de duas caudas deslizava habilmente pelo chão. A cobra tinha três olhos e no topo de sua cabeça havia algo semelhante a um pequeno chifre de ossos pontiagudos pendurado, balançando de um lado para o outro como se pertencesse ao corpo da mesma.

As escamas da cobra eram grosseiras e se pareciam com uma armadura impenetrável.

<SssSSSsSSsiiiii>

A cobra mostrou a língua e fez um ruído similar a um assobio.

“Cobra do Chifre Demoníaco!”

Apesar de ainda jovem e não estar no rank Bronze, sua força é similar a um cultivador nos estágios finais do ranking Estrela. Pela sua idade, suponho que ainda não deva ser capaz de produzir veneno.” – Pensou Yu.

“Como essa besta ainda deve levar alguns anos para começar a produzir veneno, não preciso me preocupar em ser envenenado. Apenas sua agilidade será um incômodo, mas isso é perfeito para meu treinamento.”

<WHOOOSH>

Yu não se preocupou em ser discreto, apenas atacou diretamente com sua adaga em direção à cobra.

O corpo da cobra tinha 2 metros de comprimento, então demonstrando incrível agilidade se esquivou do ataque de Yu.

Se Yu não tivesse atacado diretamente, ele teria uma grande chance de finalizar a Cobra Demoníaca em um único movimento, pois a mesma parecia atordoada devido ao veneno emitido pela flor mística.

Yu propositalmente a deixou em estado de alerta. Esse tipo de besta adora lugares venenosos, ao entrarem em contato com o veneno são capazes de aumentar a resistência contra os mesmo para quando começarem a produzi-los por conta própria.

Por ainda ser muito nova e não ter desenvolvido grande resistência, a cobra parecia atordoada enquanto deslizava habilmente envolta de Yu.

Yu a guiou para longe do local onde estava a flor azul e trocou golpes esporádicos à medida que a cobra se tornava mais consciente e ágil.

<SssSssssSssSSSssiii>

A cobra tentou se enrolar em uma das pernas de Yu, mas o mesmo já estava em estado de alerta, somado ao fato de sua audição ser extremamente aguçada, Yu conseguia prever cada movimento da cobra, desviando com eficiência.

Com um salto para trás, Yu recuou da cobra que parecia regozijar ao abrir a boca e mostrar suas presas.

Por detrás de Yu surgiu outra Cobra do Chifre Demoníaco tentando emboscá-lo.

Essa segunda cobra possuía listras vermelho sangue e outras listras pretas em suas escamas similares a uma armadura.

O rosto de Yu se contorceu levemente revelando um breve sorriso.

<WHOOOSH>

Yu saltou ainda de costas para a segunda cobra e seu corpo inclinou verticalmente à medida que passava por cima da Cobra Demoníaca.

O corpo de Yu girou e então caiu dando um pisão em uma das caudas da Cobra do Chifre Demoníaco.

A cobra ficou com os três olhos vermelhos e atacou furiosamente Yu após prendê-lo pela perna com sua outra cauda.

Yu teve sua perna direita fortemente pressionada e sentiu como se o osso da mesma fosse quebrar.

<BANG!>

Para escapar do ataque da cobra, Yu circulou sua energia espiritual e removeu a limitação dos músculos de sua perna esquerda, pisando fortemente e rasgando ambas caudas da cobra que rugiu em dor.

Se aproveitando do momento de descuido da Cobra do Chifre Demoníaco, Yu lançou sua adaga adiante que brilhou por um instante antes de adentrar a boca e perfurar a garganta da Cobra do Chifre Demoníaco, que ainda gemia em dor por ter perdido suas caudas.

A primeira cobra que ao ver seu companheiro morrer miseravelmente após “armar” para Yu, estremeceu e fugiu na direção oposta.

Yu a deixou ir e se aproximou da cabeça da Cobra do Chifre Demoníaco. Com uma mão Yu retirou o pequeno “chifre” de ossos pontiagudos e guardou em seu artefato de armazenamento.

“O resultado foi muito melhor do que o esperado.” – Yu regozijou.

O corpo da cobra morta por Yu tinha pouco menos de 4 metros e sua essência demoníaca “chifre de ossos pontiagudo” havia entrado nos estágios iniciais de amadurecimento, possuindo um fraco traço de veneno.

A cobra morta por Yu era mais forte do que a primeira. Felizmente, por não ter atingido o rank Bronze, Yu foi capaz de lidar facilmente com a mesma.

Se não fosse por Yu prever sua aproximação e propositalmente saltar de costas ao evitar o ataque da primeira cobra, criando uma “abertura”, teria sido problemático enfrentar duas bestas simultaneamente, portanto Yu arriscou nessa manobra que lhe trouxe fortuna.

Mesmo que pudesse comprar materiais muitos melhores do que a essência da Cobra do Chifre Demoníaco que acabara de obter, isso traria grandes dores de cabeça por Yu expor sua riqueza, então sua melhor opção seria adquirir recursos por conta própria.

Mas o que mais deixou Yu surpreso foi o fato de sua força estar a par com a força da Cobra do Chifre Demoníaco.

Normalmente, quando um cultivador enfrenta uma Besta Demoníaca de cultivação equivalente, o primeiro supostamente deveria enfrentar problemas, pois bestas possuem corpos naturalmente mais fortes.

Contudo.

O corpo de Yu demonstrou grande resistência e vigor. Apesar de seus movimentos não terem sido perfeitos, essa primeira experiência em combate foi muito útil para Yu adquirir mais compreensões.

Mesmo que tivesse enfrentado Gong Huian anteriormente, Yu desconsiderou sua experiência prévia por não ter dependido de sua própria força. Se dependesse apenas do Selo de Sangue, não somente sua vida seria consumida a uma velocidade assustadora, mas Yu nunca seria capaz de descobrir o próprio potencial.

Yu tentou encontrar uma explicação para sua força estar a par com a de uma besta de cultivação equivalente, então pensou em duas possibilidades.

A primeiro era, por sempre ter cuidado de seu corpo desde pequeno, Yu adquiriu um físico que foi capaz de exceder os limites de cultivadores normais. Somado a sua compreensão de uma técnica corpórea que ele mesmo criara, focando na força física ao invés da espiritual, essa era uma razão plausível.

Já a segunda razão que Yu mais se recusou a acreditar, seria que o Selo de Sangue havia alterado de alguma forma seu corpo.

Mesmo que a segunda opção parecesse algo absurdo à primeira vista, foi algo a se levar em consideração. Yu anteriormente possuía reflexos terríveis, então subitamente adquiriu reflexos excelente e uma habilidade cognitiva invejável, superando até mesmo Bestas Demoníacas em termos de tempo de reação.

Yu retirou um pequeno caderno contendo anotações de um de seus bolsos.

Após ler as anotações, Yu coçou a cabeça e ficou pensativo.

“Esse movimento é realmente difícil de reproduzir. Talvez primeiro eu deva focar em desenvolver um estilo de luta, mas qual estilo seguir?”

Após pensar por um breve momento, Yu se decidiu.

Um fator importante para o sucesso de qualquer cultivador é desenvolver um estilo que se adeque a seu método de combate.

Se focar apenas na força bruta resultaria na mesma cena de quando Yu enfrentou Gong Huian. Yu pode apenas atacá-lo frontalmente e teve de suportar a pressão dos impactos. Em termos de cultivo, por ser o mais fraco Yu teria de encontrar uma maneira para enfrentar seus oponentes.

Naturalmente, deter conhecimento em estilos de combates é essencial para qualquer cultivador que almeja oponentes mais fortes.

Felizmente Yu havia descoberto que apenas em termos de força ele nunca perderia para ninguém no mesmo nível de cultivo. Infelizmente seu senso de batalha carecia de experiência e mesmo um oponente de cultivação inferior poderia derrubá-lo com facilidade desde que possuísse conhecimento em estilos de combate.

Desenvolver o próprio estilo ao mesclar inúmeros outros era algo normal para muitos cultivadores. Mas também havia aqueles que se focavam em apenas um, pois mesclar muitos estilos diferentes deixaria falhas cada vez mais óbvias.

Estilos de combate são tão importantes quanto a própria cultivação, pois ao dominar um estilo, ele seria o responsável por potencializar a explosividade de cada ataque, usando os pontos chave do corpo para realizar cada movimento de maneira precisa.

“Sem um estilo de combate, eu provavelmente não serei capaz de passar sequer da segunda rodada do Torneio de Classificação.”

”Mesmo que apenas o primeiro passo, preciso dominar o primeiro estilo de Combate com Espadas dentro dos próximos dias.”

“Ainda que use uma adaga, posso aplicar o estilo de Combate com Espadas, originalmente usado para combates de médio alcance, em um estilo de combate de curto alcance. Mesmo restando falhas óbvias por não ser o estilo apropriado, consigo compensá-las com minha audição e tempo de reação.” – Analisou Yu.

Enquanto Yu adquiria compreensões e se dirigia para pontos distintos do Labirinto das Cem Camadas buscando mais Bestas Demoníacas para afiar suas habilidades. Li Shui, Yaoiyin, Ye Qing e Chou Bai também fizeram alguns avanços.

Com a ajuda de Chou Bai, Ye Qing conseguiu matar sua primeira Besta Demoníaca, elevando levemente sua confiança.

Li Shui também demonstrou possuir alguma habilidade e sozinho já havia eliminado 3 Bestas Demoníacas, sendo 2 delas no estágio inicial do rank Bronze e uma no 2º grau do rank Bronze..

Yaoiyin por sua vez, acabou sendo a mais azarada.

Apesar de ter encontrado algumas bestas e obtido algum progresso, criando uma base mais sólida em sua cultivação, Yaoiyin passou por diversos encontros infortúnios com gênios de outras academias.

Yaoiyin foi quem mais se esforçou desde o princípio, pois sempre que se deparava com uma Besta Demoníaca, um gênio de outras facções apareceria e a tomaria para si como alvo.

Até mesmo teve aqueles com cara de pau suficiente para depois de roubar sua presa, dar em cima dela. Se não fosse por sua cultivação inferior e origens nada surpreendentes, Yaoiyin não teria deixado barato tais provocações.

Mas como dizia seu pai: “Não existe tal coisa como sorte, mas sim aqueles que se empenham. Somente com muito sangue e suor que se pode superar aqueles de maior talento.”

Yaoiyin desde pequena guardou essas palavras em seu coração e manteve-se firme em seu objetivo.

Se não se esforçasse e desistisse na primeira derrota, Yaoiyin jamais estaria a par com Li Shui antes de conhecer Yu.

Meio dia depois de se separarem, todos haviam feito grandes avanços. Ye Qing perdeu completamente o medo e passou a até mesmo avançar descuidadamente. Yu encontrou muitas Bestas Demoníacas e as usou como cobaia para praticar seu Estilo de Combate com Espadas, porém, empunhando uma adaga.

Em um certo momento, um jovem de idade próxima a Yu e cultivação a um passo do rank Prata viu a figura do primeiro enfrentando uma Besta Demoníaca, empunhando uma adaga em estilo de combate de espadas.

O rapaz próximo do rank Prata à princípio planejou roubar a presa de Yu, mas ao vê-lo empunhando uma adaga como se fosse uma espada, gargalhou espalhafatosamente e não conseguiu reunir forças para tal atitude desprezível.

Em um grande salão no Labirinto das Cem Camadas

“Irmã Lin? Que coincidência nos encontrarmos aqui.” – Um rapaz chamou a atenção de Yaoiyin.

“Irmão Li? O que você faz aqui? O labirinto é gigante e seguimos por direções diferentes, supostamente não deveríamos nos encontrar tão rápido..” – Exclamou Yaoiyin surpresa com a aparição de Li Shui.

-----------------------------

Capítulo patrocinado por Marcos Kliemann.

Por Kouhei | 06/06/18 às 15:20 | Ação, Aventura, Fantasia, Artes Marciais, Wuxia, Xianxia, Elementos de Cultivo, Romance, Brasileira