CAPÍTULOS
OPÇÕES
Cor de Fundo
CONTROLE DE FONTE
HOME INDEX
Capítulo 57 - Pagando as Compras

O Príncipe das Trevas (PDT)

Capítulo 57 - Pagando as Compras

Autor: Kouhei Kagami | Revisão: yuukari

Na loja estava o maior caos. Yu e os outros já haviam chegado há algumas horas e permaneceram ‘brincando’ o tempo todo.

Enquanto isso, mais e mais clientes foram adentrando o estabelecimento.

A medida que o fluxo de pessoas se intensificava, as humilhação que Xia Zhi sofria nas mãos de Yu também aumentava. O que ninguém esperava é que após parar de atormentá-la, o garoto esfarrapado iria arrogantemente anunciar que compraria ‘toda a loja’.

Tal cena foi um choque para muitos. Entretanto, mais surpreendente ainda foram as Pérolas do Dao Sombrio retiradas pelo jovem arrogante de roupas esfarrapadas.

A multidão estourou em discussão, todos chocados.

“Desde quando o clã En possui tanto dinheiro assim para sair gastando casualmente?!”

“Céus! Eu não acredito no que meus olhos estão vendo! A-Aquilo realmente são Pérolas do Dao Sombrio?!?!?!”

Mais e mais pessoas começaram a discutir em fervor. O engraçado é que por mais que o causador de tudo isso fosse Yu, ninguém se importou e todos passaram a encarar com profundo respeito um único individuo: En Long.

En Long ainda preso ao cabide, suando frio sorriu de modo extremamente sem graça com sua boca ainda amordaçada, o que resultou apenas em murmúrios como era de se esperar.

Respeito profundo ficou cravado no coração de muitas pessoas com relação a família de En Long, o Clã En. Seu pai, En Fu, era uma grande figura em todo o território Imperial, reconhecido por sua maestria nas artes marciais e alta cultivação.

Estando muito próximo do pináculo do Ranking Diamante Negro, En Fu recebeu o título de Demônio da Noite Escarlate entre seus oponentes, pois quase todos que ousaram cruzar seu caminho terminaram banhados em sangue à luz do luar.

Depois de incontáveis feitos inigualáveis, o nome En Fu varreu todo o continente, ganhando respeito até mesmo do Imperador Kuomintai Gu, que tentou recrutá-lo para sua guarda pessoal.

No entanto En Fu rejeitou a proposta, alegando gostar da liberdade, e que se um dia fosse necessário sua força, com todo prazer ele a emprestaria para o Império.

En Fu fez toda sua riqueza saqueando seus oponentes, cada um daqueles que pereceram por sua lâmina não perdeu somente a vida, mas todas as conquistas acumuladas ao longo de suas vidas.

Com o tempo En Fu ganhou tanta fama que as pessoas passaram a temê-lo e não mais o desafiavam.

Dentro da loja, ao ver Yu retirar tão casualmente centenas de Pérolas do Dao Sombrio, obviamente muitos ficaram tentados a roubar. Contudo, ao considerar novamente o peso na balança, do lucro em troca da fúria de En Fu, tal ideia estúpida foi imediatamente descartada.

Logicamente Yu sabia sobre o pai de En Long, tanto que até mesmo se sentiu surpreso ao descobrir que o mesmo era filho justamente de En Fu.

Se pertencessem apenas ao mesmo Clã não seria motivo de tanta surpresa, até porque existem dezenas de pessoas com sobrenome En, mas para ser justamente o filho de En Fu, foi como se os céus sorrissem para Yu, dizendo que estava tudo bem e ele não só poderia como deveria tirar proveito da situação o quanto desejasse.

Haha! Parece que os céus finalmente sorriram para mim.” – Pensou Yu com alegria.

Enquanto isso..

En Long continuou a ser encarado por dezenas de pessoas.

Irmão Yu! O que você foi fazer..” – Pensou En Long aflito.

Yu olhou com um sorriso malicioso para En Long, que fez o coração do garoto estremecer por um momento.

“E então? Vai vender ou não?” – A voz de Yu arrancou Yi Yuan de seus devaneios.

“S-SIM! Só um momento, Jovem Mestre!” – Yi Yuan correu desesperadamente para juntar as roupas com a ajuda das outras funcionárias.

Apesar de ter sido um grande choque, Yi Yuan tinha um largo sorriso no rosto. Desde quando ela tivera a oportunidade de lucrar tanto assim em um único dia? Isso era realmente uma dádiva dos céus.

Depois de quase meia hora, uma pilha das mais várias roupas tanto masculinas quanto femininas foi formada no balcão.

Os clientes ainda atordoados foram se retirando um a um pois Yi Yuan ordenou que fechassem a loja. No entanto, mesmo que não fosse fechada, se esse garoto extravagante realmente comprasse todas as mercadorias, qual seria o sentido em permanecer? Nenhum.

“D-Deu 1900 Pérolas do Dao Sombrio!” – Yi Yuan disse com a voz trêmula.

“Hum? Só 1900? Hehe” – Yu zombou.

1.900 Pérolas do Dao Sombrio era o mesmo que 190.000 Pérolas Espirituais. Literalmente uma quantia astronômica para pessoas comuns.

“S-Sim! Havia dado um pouco mais, mas fiz questão de jogar um desconto e arredondar o preço.” – Yi Yuan sorriu orgulhosa. Apenas algumas Pérolas do Dao Sombrio poderia ser considerado um valor astronômico, mas perto do lucro que conseguiria somente nessa venda, não poderia ser considerado grande coisa.

“Hum? Eu não preciso de desconto.” – Yu respondeu de maneira arrogante e tirou 2000 Pérolas do Dao Sombrio.

“I-ISSO!” – Yi Yuan exclamou pasma.

2.000 Pérolas do Dao Sombrio! Yi Yuan ficou chocada, isso era o mesmo que 200.000 Pérolas Espirituais. A face de Yi Yuan por muito pouco não perdeu toda a cor.

“E então? Onde está meu transportador?” – Yu começou a varrer os arredores examinando.

“Tran-Transportador..?!” – Yi Yuan ficou atordoada.

“Sim. Você não espera mesmo que eu saia carregando isso tudo pelas ruas como um idiota, não é? Ou vai me dizer que uma loja tão chique dessas é totalmente despreparada quanto a seu clientes?” – Yu zombou friamente.

Yi Yuan esverdeou. Se lembrando de momentos antes quando ela perdeu a cabeça com esse garoto, agora ela estava sendo punida da mesma maneira que Xia Zhi foi.

“M-Me desculpe Jovem Mestre! Iremos providenciar isso imediatamente!” – Yi Yuan respondeu com urgência.

“Humpf. Que seja rápido ou eu posso acabar mudando de ideia e não levar nada. Não tenho o dia todo para perder aqui.” – Yu deu as costas para Yi Yuan e caminhou em direção a Yaoiyin que estava rindo da situação.

“J-Jovem Mestre! Por favor, nos dê algum tempo que iremos providenciar um transportador para seus pertences.” – Yi Yuan se curvou.

Apesar de se curvar, Yi Yuan também xingava em seu coração. Depois de mostrar sua verdadeira face ela não mais se importou em esconder suas expressões feias de desprezo para Yu, desde que ele não visse não teria problemas.

“Tudo bem.. Como estou de bom humor, vou lhes dar.. humm.. que tal, cinco minutos enquanto troco de roupas?” – Respondeu Yu balançando as mãos.

“C-Cinco minutos! Isso é impossível!” – Yi Yuan exclamou perplexa.

“Então espero ter meu dinheiro de volta.” – Yu foi intencionalmente ardiloso em sua colocação.

Yi Yuan estremeceu, ela estava tomando o mesmo rumo que sua subordinada, Xia Zhi. Sem notar, ela também havia ofendido ao ‘pequeno demônio’.

Os dentes de Yi Yuan rangeram, até que algo surpreendente fez todos prenderem a respiração.

“Eu vou.” – A voz determinada de Xia Zhi preencheu o estabelecimento.

“Oh?” – Yu ficou surpreso.

Depois de toda a humilhação que passou em suas mãos, Xia Zhi realmente estava disposta a acompanhá-lo? Uma pitada de surpresa preencheu o coração de Yu, que ficou curioso para ver o rumo que as coisas tomariam.

“X-Xia Zhi! Você tem certeza?” – Yi Yuan respondeu sem saber se demonstrava alegria ou surpresa.

“Sim, absoluta.” – Xia Zhi respondeu determinada.

“E-Então estamos resolvidos! Que ótimo, não é mesmo, Jovem Mestre?” – Yi Yuan se virou para Yu, limpando o suor em sua testa.

Se Yi Yuan tivesse de arrumar tudo de novo e reabrir a loja para seus clientes depois de fechá-la a pouco, ela definitivamente teria sua reputação arruinada e ninguém mais compraria ali.

“Ótimo. Xia Zhi, você tem 1 minuto para guardar tudo.” – Yu alertou inexpressivo.

“S-Sim Jovem Mestre!” – Xia Zhi respondeu imediatamente começando a recolher as compras de Yu, guardando tudo em seu próprio artefato de armazenamento, com extrema urgência.

As colegas de Xia Zhi até mesmo a ajudaram, entregando em suas mãos as roupas para que ela pudesse guardar tudo mais rapidamente.

Mudei minha opinião por essa Xia Zhi. Ela parece alguém que realmente pode se redimir.” – Pensou Yu surpreso, ainda observando a figura de uma mulher ruiva na casa dos 30 acatando suas ordens.

Quatro respirações de tempo depois..

“P-Pronto! Terminei Jovem Mestre!” – Xia Zhi se aproximou de Yu ofegante.

“Bom trabalho, Xia Zhi.” – Yu elogiou como se estivesse falando com um animal.

Apesar de rebaixada, Xia Zhi não ousou se expressar e aceitou quieta. Ela passou a encarar essa situação como sua punição, uma redenção pelas atitudes arrogantes que tivera.

“Então com sua licença iremos nos retirar, senhorita gerente Yi Yuan.” – Yu se curvou quase que imperceptivelmente.

“HMMMM!! UHHHNMMMM! UUUHHUHUHMMMMM!”

“Ah é mesmo. Quase te esquecemos, pequeno En. Hahaha” – Yu se lembrou no último momento.

Ye Qing olhou para En Long e segurou a risada. Era a primeira vez que ele via uma pessoa ser pendurada em um cabide.

Li Shui foi o mesmo e quase riu, apenas Yaoiyin e Chou Bai permaneceram indiferentes.

“Deixa comigo irmão menor Yu.” – Yaoiyin se dirigiu para o andar superior.

“Não há necessidade irmã Yaoiyin.” – Yu levantou uma de suas mãos, bloqueando o caminho de Yaoiyin.

“XIA ZHI!” – Yu gritou e sua voz reverberou pelo interior ‘vazio’ da loja.

“S-Sim Jovem Mestre!” – Xia Zhi entendeu e imediatamente foi soltar En Long.

Por Kouhei | 17/06/18 às 00:39 | Ação, Aventura, Fantasia, Artes Marciais, Wuxia, Xianxia, Elementos de Cultivo, Romance, Brasileira