CAPÍTULOS
OPÇÕES
Cor de Fundo
CONTROLE DE FONTE
HOME INDEX
Capítulo 80 - Reta Final do Leilão

O Príncipe das Trevas (PDT)

Capítulo 80 - Reta Final do Leilão

Autor: Kouhei | Revisão: BlitzWolfer

Mubai Yong estava sentado em umas das primeiras fileiras do leilão, indignado com seu súbito momento de “iluminação”, ao mesmo tempo que se remoía por dentro.

“Cacete, porque ao invés de momentos inúteis como esse, não tenho essas iluminações no Dao Marcial?” – Xingou Chefe Mu.

Por ser grande, o salão de leilão possuia um lugar a parte no mesmo, para retirada dos artefatos. Esse lugar normalmente seria de difícil visão para os participantes, dependendo de onde sentassem nas fileiras.

Devido a essa localização árdua que Mubai Yong não havia conseguido reconhecer Xia Zhi até então. Contudo, agora que muitos cultivadores haviam se retirado, o caminho entre Mubai Yong e a bancada de artefatos se abriu.

Tão logo a sala vip número dois arrebatou outro artefato, Xia Zhi desceu. Mubai Yong a encarou no mesmo instante, com um olhar frio. Seus punhos cerraram, mas sua boca não se moveu para dizer uma única palavra.

Ao redor na sala, havia também diversos cultivadores inquietos. Muitos deles tinham pego gosto pela sala vip número dois, se divertindo com as constantes afrontas da mesma, que provocava desenfreadamente não só as grandes influências, como até mesmo o filho do Imperador, colocando-o em uma situação bem constrangedora.

Normalmente tais cultivadores já teriam se retirado a muito tempo, para tratar de assuntos pessoais ou aproveitar que já estavam ali para lucrarem um pouco. Nessa altura do evento não fazia sentido para muitos permanecer, seria na verdade improdutivo.

Se não fosse pela curiosidade que muitos desenvolveram em seus corações, claramente já teriam se retirado. Mas agora, a sala vip número dois tinha lhes prendido a atenção. Esses cultivadores encaravam o palco em silêncio, com altas expectativas do que estava por vir.

Pouco a pouco, aqueles de menor influência passaram a torcer em seus corações contra as grandes Seitas e Clãs, esperando ansiosos pelo momento que a sala vip número dois os humilharia mais uma vez.

“Hahaha, isso é tão bom. Depois de tantos anos de frustração, finalmente tiveram o que merecem haha.” – Um cultivador zombou.

Em um canto do salão, um homem encarava friamente os “espectadores” na platéia.

“Bando de escória risível. Se não tem nada melhor para fazer, desapareçam logo daqui.” – Sua voz soou arrogante, impiedosamente fazendo os espectadores tremerem na base.

Aqueles que estavam com identidades ocultas e permaneceram discretos o tempo todo, não se incomodaram com o tom arrogante do homem anterior. No entanto, aqueles mais despreparados se viram forçados a sair, para não trazerem problemas a si mesmos.

Depois que mais uma leva de cultivadores deixaram o leilão, o homem friamente encarou a sala vip número dois. Rangendo os dentes, ódio inflamou em seu interior.

Seus sentimentos eram na verdade compartilhados por muitos outros cultivadores importantes presentes, um grande sentimento de insatisfação. Mesmo tendo origens tão poderosas, nenhum deles era digno o suficiente para ser considerados verdadeiramente vips.

Naturalmente, tais gigantes da cultivação sentiram seus egos serem cutucado. Em ocasiões normais, nenhum deles se importaria com esse detalhe, afinal, haviam anos em que as salas vips sequer eram usadas.

Contudo, justo quando a sala vip ficou em uso, eles se tornaram incapazes de desfrutar o evento, obviamente gerou insatisfação. Foi a primeira vez na vida de muitos cultivadores dessas grandes seitas e clãs, que se sentiram minúsculos e sem importância.

Mesmo com tal sentimento predominando o ambiente, ninguém ousava mover um dedo para demonstrar insatisfação. Mesmo sem conhecer o especialista misterioso, ninguém queria provocar o Patriarca Sui.

Como esse era um dos poucos lugares onde o que importava não era a força, mas sim o dinheiro, boa parte dos cultivadores insatisfeitos se viram forçados a reprimir seus sentimentos de fúria e encarar o leilão até o fim.

Em sua sala Yu estava um pouco preocupado com o rumo da situação. Como já havia provocado demais e ainda não tinha nenhum tipo de garantia, decidiu abrandar um pouco seus lances.

Deixando os outros convidados comprarem algumas coisas menos úteis, Yu riu interiormente. Foi realmente fácil agradar as massas, bastava apenas deixar um pouco de “restos” para eles, que imediatamente se sentiriam tão felizes como um cão ao receber um pedaço de osso.

Pensando no rumo que o leilão havia tomado, Yu sentiu-se mais aliviado ainda por ter participado como convidado vip. De outra maneira, seria impossível desfrutar do máximo que o evento tem a oferecer.

Anteriormente Yu errou ao achar que todos no leilão teriam suas identidades ocultas, pois isso se aplicava somente em dois casos específicos: Convidados vips e convidados que se prepararam com antecedência.

Olhando para os poucos convidados restando no salão, dentre eles haviam alguns vestindo mantos enquanto escondiam suas auras. Foi aí que Yu compreendeu o verdadeiro significado do evento.

Realmente, foi um golpe de sorte conhecer o Sênior Lei.. Meu erro dessa vez poderia ter me trazido grandes problemas ou impedido que eu realmente pudesse desfrutar do leilão.” – Pensou Yu.

Enquanto proteger sua identidade era algo a se preocupar, Yu não deu a mínima sobre revelar a identidade de Xia Zhi. Dessa maneira seria muito mais benéfico, pois Xia Zhi se veria forçada a aceitar sua proposta de ir para a Cidade das Chamas.

Como a Cidade das Chamas se tornou um lugar extremamente pacato nos últimos anos, e Yu ainda não era nenhuma figura famosa do Império, não teria lugar mais seguro do que a Cidade das Chamas para se esconder, ao menos por hora..

Outro ponto que foi crucial no plano de Yu, foi sua Ligação Dupla da Alma. Quando deixasse o leilão, uma hora ou outra alguém o pararia para criar algum tipo de confusão. Seria justamente nessa hora que sua Ligação da Alma Dupla seria benéfica.

Mostrando seu artefato ofensivo, Yu poderia enganar outros cultivadores, os fazendo crer que Yu não tinha nada haver com o leilão, ou então era apenas um espectador.

Por ser teoricamente impossível manter duas Ligações da Alma, quando revistado não encontrariam nada suspeito com Yu. Ao mesmo tempo seu artefato de armazenamento permaneceria escondido, repleto de tesouros.

Felizmente não havia um jeito simples de descobrir sobre as Ligações da Alma de uma pessoa, somente por isso esse plano tornou-se viável para Yu.

Já esperando que uma confusão fosse acontecer de qualquer modo ao término do leilão, Yu estava preparado para tempestade a caminho. Usando sua audição, detectou algumas movimentações suspeitas nos arredores da Casa de Leilões Chang Sui em sua vinda para cá.

Pensativo, Yu chegou a conclusão que Lei Xang seria sua maior aposta, ao mesmo tempo que fora um golpe de sorte. Encontrar alguém à beira da morte, tão poderoso quanto Lei Xang era algo que não acontecia todo dia.

Alguém a ponto de morrer não teria mais uso para o dinheiro, por essa razão Yu não precisou ser tão cauteloso ao revelar sua fortuna pessoal. A única coisa com que deveria se preocupar seriam artefatos capazes de expandir a vida.. Esses sim lhe trariam grandes problemas com Lei Xang.

Felizmente tudo parecia de acordo, com Lei Xang mordendo a isca da Medicina da Grama Yang. Entregar tal medicina para Lei Xang foi o ponto crucial para Yu conseguir chegar aqui. Tudo que restava agora era encontrar alguma forma de convencer Lei Xang a vir para seu lado.

Naturalmente Yu ainda tinha um imenso estoque de medicinas guardadas, as quais poderiam ser usadas para persuadi-lo. Infelizmente boa parte dessas medicinas ainda eram inacessíveis. Mas mesmo que fossem acessíveis, Yu chegou a conclusão que não seria muito inteligente jogar logo de cara seu ás na mesa.

Yu não tinha como saber o modo que Lei Xang reagiria ao descobrir seu imenso estoque de medicinas. Muitas das quais tinha capacidade de expandir a expectativa de vida. Por isso Yu utilizou-se de uma “mera” Medicina da Grama Yang para atraí-lo. Mesmo tendo medicinas mais eficazes, Yu não queria chamar tanta atenção de Lei Xang, além disso seria suspeito.

Analisando a situação, procurando um meio de trazer Lei Xang para seu lado, Yu presenciou o momento que o mesmo levantou-se subitamente em espanto.

“Seu pequeno bastardo miserável..” – A voz de Lei Xang soou indignada, observando o palco à frente.

Yu a princípio não compreendeu, até mesmo achando que fosse com ele. Foi então que se virou para o palco e percebeu ao que Lei Xang referia-se.

Enfim, havia chegado o grande o momento. O item mais importante do leilão seria leiloado, e logo após o item trazido pelo próprio Patriarca Sui seria vendido antes da finalização do evento.

Lei Xang sentou-se na cadeira, forçando uma expressão calma, então bufou friamente.

“Haha. Como esperado daquele moleque bastardo. Mesmo depois de tanto anos, continua com sua postura de não se intrometer nos assuntos alheios. Até mesmo o mestre de seu filho está disposto a deixar morrer.. Hahaha” – O humor de Lei Xang pareceu mudar novamente enquanto se forçava a rir da situação.

Encarando o palco, Yu viu a figura de Chang Bei carregando um pequeno frasco. Apesar de não saber do que se tratava, estava certo que seria muito valioso, a julgar pela reação de Lei Xang. Como não faltava muito para Yu descobrir um pouco mais sobre, ele procurou não ficar muito agitado interiormente.

Mesmo que talvez fosse o que Yu mais temia, um item capaz de resolver o problema de Lei Xang, Yu só poderia lamentar.

Enquanto analisava a insatisfação de Lei Xang, Yu chegou a conclusão de que o motivo de tudo nada mais era do que o Patriarca Sui. Yu sentiu-se brevemente aliviado ao pensar à respeito.

Era como se Patriarca Sui estivesse a dizer: “Se você quer, tudo bem, pode ter. Basta conseguir por mérito próprio, ou então simplesmente não fora destinado a sua ilustre pessoa.”

De fato, essas eram justamente as palavras usadas por Chang Sui 90% das vezes, mesmo que Yu não fizesse idéia sobre isso. E justamente por essa razão que Lei Xang forçou-se a rir. Patriarca Sui era realmente um bastardo sortudo em sua visão.

“Para encontrar essa medicina duas vezes na vida, os céus realmente abençoaram aquele pirralho. Humpf.” – Bufou Lei Xang.

“Tudo bem, que assim seja. Só preciso obtê-la com meu próprio dinheiro.”

Pela primeira Lei Xang demonstrou interesse em algum objeto do leilão, ainda que não tivessem começados os lances do mesmo.

O apresentador estava prestes a anunciar o último item do leilão antes de apresentar o item contido no frasco entre as mãos de Chang Bei. Durante o tempo que o leilão seguia em seu estágio final, os olhos de Lei Xang não vacilaram uma única vez sequer, encarando fixamente as mãos de Chang Bei.

A situação dos poderosos cultivadores de outras seitas e clãs também foi bem similar. Para eles, aquele pequeno frasco era extremamente importante, e justamente por precisarem de seu conteúdo que estavam cientes do que se tratava. Somente cultivadores mais jovens, como Yu, Kuomintai Jin, e afins.. não faziam ideia do quão maravilhoso era tal artefato.

As mãos de Chang Bei constantemente emitiam um ar gélido, que lentamente passou a cobrir todo o interior do salão, dando calafrios na maioria dos cultivadores.

“Humpf. Não parece tão impressionante, mas para fazerem tanto barulho, talvez eu deva comprar na cara deles.” – Murmurou Kuomintai Jin, em seguida soltando uma profunda gargalhada compulsiva.

Yu observou atenciosamente Lei Xang, sem saber se isso seria considerado boa sorte ou não.

Agora que Lei Xang estava realmente interessado em algo, se tudo corresse contrário às suas expectativas, Yu iria ter uma enorme dor de cabeça para lidar mais tarde. Considerando a situação, o melhor cenário seria se Lei Xang não pudesse pagar por tal medicina, mas como estava incerto da fortuna de Lei Xang, Yu não pode criar conclusões.

Por Kouhei | 05/08/18 às 00:08 | Ação, Aventura, Fantasia, Artes Marciais, Wuxia, Xianxia, Elementos de Cultivo, Romance, Brasileira