CAPÍTULOS
OPÇÕES
Cor de Fundo
CONTROLE DE FONTE
HOME INDEX
Capítulo 185 - Quebrado

O Último Herdeiro Da Luz (UHL)

Capítulo 185 - Quebrado

Autor: Rafael Batista | Revisão: JFae p

No continente Hill, Zao Tian estava abalado por causa da grande derrota que sofreu. Enquanto ele ainda sentia os efeitos do soco do Kraucs, ele se arrastou até os corpos do Kiel e do Somak.


“Nããããããããããoooo…” Enquanto Zao Tian se arrastava, os gritos desesperados, dos jovens do Clã Da Graça, chegaram até ele, Yondu e Ye Yang.


Enquanto alguns jovens se ajoelhavam e gritavam diante do corpo decapitado do ancião Namuk, que estava dentro da sua residência, outros jovens correram desesperadamente, suplicando pelo auxílio do Yondu. Contudo, quando chegaram ao destino, eles se depararam com outra cena deprimente... O Yondu estava arrasado, chorando diante da cabeça do ancião Namuk.


*Poof.* *Poof.* *Poof.* *Poof.* *Poof.* *Poof.* *Poof...* Assim que viram aquela cena, todos os jovens caíram de joelhos. Toda e qualquer esperança simplesmente desapareceu no momento que eles viram a cabeça do ancião.


Por alguns segundos, o Yondu sequer notou a presença dos outros jovens do Clã Da Graça. Contudo, após ver as caras de espanto e sofrimentos deles, Yondu apertou os punhos e a face dele ficou escura enquanto ele se levantava e começava a correr.


“Yondu… Espere...” Ye Yang gritou para que o Yondu parasse de correr, mas os gritos dele foram em vão, pois o Yondu passou pelos jovens do Clã Da Graça e seguiu em frente.


Naquele momento, enquanto o Yondu desaparecia do seu campo de visão, Ye Yang ficou sem saber o que fazer. Ele não sabia se ia atrás do Yondu, ou se ficava lá, protegendo os jovens do Clã Da Graça e perto do Zao Tian que ainda estava dentro da mata.


“Yondu… Para onde você vai e o que você fará?” Ye Yang se perguntou enquanto decidia que ficaria ali, pois a sua lealdade pertencia ao Zao Tian.


Dentro da mata, Zao Tian conseguiu se levantar e cortar as cordas que prendiam o Somak e o Kiel à árvore. Depois, ele se ajoelhou na frente dos corpos e falou: “Nós não nos conhecíamos muito, mas vocês agiram como meus amigos e me ajudaram quando eu precisei de vocês… Vocês me chamaram de amigo e morreram por causa disso… Eu prometo a vocês que, custe o que custar, aquele homem sofrerá mil vezes mais do que vocês sofreram!”


Depois de dizer aquelas palavras, Zao Tian tocou nos dois corpos e se despediu: “Descansem em paz, meus amigos!”


“Todos vocês… Parem, imediatamente!” No campo de treinamento, Ye Yang estava gritando com alguns jovens do Clã Da Graça que queriam seguir o Yondu.


Alguns dos jovens pararam, mas outros continuaram seguindo em frente, porém, eles também pararam quando uma outra voz caiu…


“Ye Yang… O que está acontecendo aqui?” Zao Tian falou enquanto saía da mata.


“Zao Tian… O Yondu saiu correndo e eles querem segui-lo...” Ye Yang explicou enquanto apontava para os jovens.


Zao Tian, por sua vez, jogou uma pílula para Ye Yang, olhou para os jovens e disse: “Ye Yang, recupere as suas forças, proteja esses jovens, e acione a Guarda De Turop! Quanto a vocês… Fiquem aqui! Eu mesmo irei atrás do Yondu...”


*Gulp.* Depois de dizer aquilo, Zao Tian colocou uma pílula na sua boca e engoliu, antes de murmurar: “Gabriel… Acorde!”


*Dzzt.* *Dzzt.* *Dzzt.* *Dzzt.* Zao Tian equipou o Gabriel enquanto tudo ao redor dele morria e vários relâmpagos estalavam ao seu redor.


*Boom.* O solo se rachou quando o Zao Tian o empurrou e disparou para o céu.


Todos olharam para cima enquanto Zao Tian rapidamente percorria uma longa distância e desaparecia no céu.


Após cerca de 2 minutos, Zao Tian finalmente conseguiu encontrar o Yondu, que tinha acabado de chegar em um pequeno vilarejo…


Rapidamente, Zao Tian desequipou a armadura e pousou a frente do Yondu, que estava andando de um jeito estranho…


“Yondu… Aonde você vai?” Zao Tian perguntou.


“Eles queriam te atacar, mas… Quem pagou o preço fui eu… E os meus irmãos...” Yondu falou com uma voz abatida e trêmula. Contudo, essa não era a coisa mais preocupante naquele momento, o mais preocupante era que, ele estava encharcado de suor e sangrando pela boca.


“Yondu...” Imediatamente, quando percebeu a gravidade da situação, Zao Tian correu até o Yondu.


*Tap.* Antes que o Zao Tian pudesse tocá-lo, Yondu deu um tapa na mão dele e gritou: “Não me toque! É tudo culpa sua! Foi você quem fez isso!”


Assim que o Yondu começou a gritar, as pessoas do vilarejo começaram a sair de casa e se reuniram ao redor dos dois.


“Yondu… Por favor, deixe-me ajudá-lo...” Zao Tian pediu.


Yondu, por sua vez, começou a balançar, antes de dizer: “Por que… Por que você fez isso? Nós não tínhamos nada a ver com você...”


*Poof.* Quando o Yondu terminou de dizer aquelas palavras, Zao Tian pôde somente observar enquanto as pupilas dele se dilatavam e ele caía ao solo.


“Aaahhhh...” Assim que o Yondu caiu, um desesperado grito feminino soou.


Bem diante do Zao Tian, estava o corpo do Yondu, com as costas abertas e uma adaga cravada na nuca.


“Assassino...” “Assassino...” “Assassino...” “Assassino...” As pessoas começaram a apontar para o Zao Tian e chamá-lo de, assassino.


De repente, um grupo de guardas que se dirigiam ao Clã Da Graça chegou até aquele vilarejo, e o líder deles gritou: “O que está acontecendo aqui?”


“Esse garoto… Ele matou aquele homem!” Para a surpresa do Zao Tian, Murdoc, que por alguma ‘coincidência’ do destino estava justamente ali, saiu do meio da multidão e falou enquanto apontava para o Zao Tian.


“Você...” Assim que avistou o Murdoc, a face do Zao Tian ficou repleta de ira. Contudo, antes que tomasse qualquer atitude drástica contra o Murdoc, Zao Tian pegou um amuleto de transmissão sonora e falou: “Ye Yang… Fuja, imediatamente! Saia de Turop e vá para o mais longe que puder! Adeus...”


*Swoosh.* *Swoosh.* *Swoosh.* Antes que o Zao Tian terminasse de se despedir, três guardas avançaram contra ele e o imobilizaram.


Graças ao status do ancião Namuk, a guarda de Turop enviou três fortes esquadrões para o Clã Da Graça. Por causa disso, os três guardas que imobilizaram o Zao Tian, eram todos Atrozes de nível 8 ou 9. Eles eram oponentes muito acima das capacidades do Zao Tian.


“O que diabos aconteceu agora?” Enquanto o Zao Tian era imobilizado, Ye Yang, que tinha recebido aquela transmissão sonora, se virou para a mata e fugiu. Pelo tom de urgência na voz do Zao Tian, Ye Yang deduziu que não poderia esperar pela chegada da Guarda De Turop, pelo contrário, ele deveria fugir dos guardas.


Enquanto o Ye Yang se embrenhava na mata e fugia, Zao Tian só pôde observar quando o Murdoc começou a falar com o líder do esquadrão…


“Senhor… Todos nós ouvimos quando o jovem Yondu disse que foi aquele rapaz quem fez aquilo com ele!” Murdoc falou num tom assustado. Parecia que ele estava realmente chocado com o que aconteceu.


“Aquele corpo… É do Yondu?” O líder do esquadrão arregalou os olhos enquanto perguntava num tom de tristeza.


“Sim!” Murdoc respondeu enquanto abaixava a cabeça e unia as mãos.


Imediatamente, o guarda encarou o Zao Tian e perguntou: “O que você tem a dizer em sua defesa?”


“Não fui eu quem fez isso, mas aquele homem provará o contrário...” Zao Tian respondeu enquanto olhava para o Murdoc. De alguma forma, Zao Tian sabia que o Murdoc daria um jeito de incriminá-lo.


“Eu?” Murdoc apontou para si mesmo e perguntou num tom inocente, antes de continuar: “Por que eu te incriminaria por algo que você não fez?”


Vendo o quão dissimulado o Murdoc era, Zao Tian olhou no fundo dos olhos dele e disse: “Eu vou te matar...”


“Cale-se! Você ousa ameaçá-lo na nossa presença?” O líder do esquadrão gritou enquanto apontava para o Zao Tian.


“Assassino!”


“Que tipo de monstro é você? Como pode ameaçar o senhor Murdoc?”


“É você quem deve morrer!”


As pessoas começaram a xingar o Zao Tian enquanto defendiam o Murdoc.


Enquanto as pessoas apontavam e xingavam o Zao Tian, o líder do esquadrão olhou para a adaga nas costas do Yondu, antes de olhar para os outros guardas e dizer: “Colham as digitais dele e comparem com as digitais na adaga! Isso provará a culpa ou a inocência dele!”


Rapidamente, os guardas usaram uma espécie de pó branco, para transferir as digitais do Zao Tian para um pedaço de pano. Depois, os guardas jogaram o mesmo pó na agada e ele aderiu a algumas partes dela, que formaram digitais perfeitas.


Assim que olhou bem para a adaga, Zao Tian soube que ele não teria nenhuma chance de ser inocentado, porque aquela adaga… Realmente continha as digitais dele, pois era a mesma adaga que ele agarrou e atirou contra as pessoas que tentaram raptar o Ye Yang, e, consequentemente, aleijou a Tina.


“As digitais combinam!” Como previsto, o guarda analisou as digitais e concluiu que elas pertenciam à mesma pessoa.


No mesmo instante, Zao Tian olhou para o Murdoc. Ninguém percebeu, mas no instante que o olhar do Zao Tian caiu sobre ele, o Murdoc deu leve sorriso de canto e piscou com o esquerdo.


Mesmo que estivesse cercado por Atrozes de nível 8 e 9, Zao Tian começou a analisar os seus arredores, procurando por uma rota de fuga e pensando em um plano de ação. Dessa vez, diferente da sua primeira prisão, Zao Tian não tinha como escapar das evidências, e, por causa disso, a única coisa que o aguardava, era uma sentença de morte. Escapar não era somente uma opção, era uma necessidade.


Enquanto o Zao Tian tentava pensar em algo, o líder do esquadrão falou: “Prendam-no!”


Sem ter mais tempo para pensar pensar, Zao Tian fechou o olhos e começou a invocar o Gabriel. Contudo, antes que ele fizesse isso, uma outra voz surgiu… “Esperem! Eu assumirei essa prisão e a custódia do preso!”


Todos, inclusive os guardas, se viraram na direção da voz.


Assim que reconheceu o dono da voz, o líder do esquadrão não pôde se segurar, e perguntou: “Tenente Jones… Por que o senhor está aqui?”


“Você não precisa saber o porquê das minhas ações, você só tem que obedecer!” O Tenente Jones falou num tom ríspido.


A cada passo que o Tenente Jones dava, uma ou duas pessoas apareciam no horizonte, até que finalmente, ele e outras quinze pessoas ficaram visíveis. Todas as pessoas que acompanhavam o Tenente Jones tinham aparências e expressões bem peculiares e nenhum deles usava um uniforme da Guarda De Turop, apenas uma braçadeira indicava os seus vínculos com a guarda.


“Obedeçam! Vão para o Clã Da Graça e deixem o preso conosco!” Uma das pessoas que acompanhavam o Tenente Jones, falou enquanto apontava para os guardas.


O jovem que falou, era estupidamente alto e forte; Ele era negro, careca e aparentava ter uns 24 anos de idade; A expressão dele era sombria, como se ele sempre estivesse com raiva.


Mesmo após aquelas palavras, os guardas ficaram sem saber o que fazer, até que finalmente, o Tenente Jones se aproximou deles a falou num tom ameaçador: “Vocês querem ser presos por insubordinação, ou farão o que eu ordenei?”


Imediatamente, os guardas soltaram o Zao Tian e se afastaram.


“Vão!” O Tenente Jones gritou e todos os quatro guardas simplesmente fugiram daquele lugar.


Após a saída do esquadrão, as pessoas ficaram olhando para o Tenente Jones e os seus homens, tentando entender o que estava acontecendo. Contudo, as próximas palavras dele acalmaram o público…


“Jovem… Você está preso!” O Tennete Jones falou enquanto ficava diante do Zao Tian.


Mesmo diante do Tentente Jones, Zao Tian estava pensando em fugir, porém, o Tenente Jones sussurrou: “Não faça nenhuma besteira! A sua única chance… É vir conosco!”


De alguma forma, após escutar aquelas palavras, Zao Tian pensou que poderia confiar no Tenente Jones. Por causa disso, ele colocou as suas mãos à frente, indicando que estava se entregando.


Após o Zao Tian se entregar, o Tenente Jones o algemou e falou com os seus subordinados: “Vamos!”


Assim que todos começaram a caminhar, Murdoc, que não gostou da intromissão que acabara de acontecer, perguntou: “Tenente Jones… Para onde vocês o levarão?”


O Tenente Jones parou de andar, e respondeu num tom amistoso: “Senhor Murdoc… Eu o levarei até a prisão do meu pelotão! O Yondu tinha o apreço dos meus subordinados, então… Eu mesmo cuidarei para que ele pague pelo crime que cometeu!”


“Ótimo… Eu não sou uma pessoa rancorosa, mas pessoas desse tipo… Não merecem viver entre nós!” Murdoc falou.


Assim que a voz do Murdoc caiu, o Tenente Jones acenou para ele, antes de voltar a caminhar.


Enquanto era conduzido, Zao Tian passou pelo Murdoc, mas, dessa vez, ele não disse nada, ele apenas o encarou.


“Moleque… Em algum momento da sua jornada, você se perdeu! Você usou as pessoas e não pensou nas consequências dos seus atos! O seu adversário é mais forte e mais esperto que você, mas… Eu espero que, após essa derrota, você aprenda com os seus erros e retorne para o seu caminho!” Gold falou na consciência do Zao Tian.


Aquelas palavras atingiram Zao Tian como se fossem espadas afiadas, pois elas revelavam uma triste verdade... Em vários momentos, quando se tratava dele, Zao Tian tinha dois ou três planos de ação, entretanto, quando se tratava dos outros, Zao Tian apenas executava o primeiro plano que vinha à sua mente. Ele estava sendo egoísta, prepotente e sem escrúpulos.


Interiormente, Zao Tian estava pensando nas palavras do Gold, que por sinal, carregavam um certo tom de desprezo. Durante o seu plano de vingança, Zao Tian se esqueceu das pessoas ao seu redor e se tornou uma pessoa irreconhecível. Ele estava se transformando no tipo de pessoa que ele mais odiava, e, talvez, bem no fundo do seu coração, ele sentia que merecia morrer.


Yondu… Me perdoe… A culpa é toda minha! Eu realmente queria te ajudar e dar a força necessária para inspirar o seu clã, mas… Eu falhei! Se eu tivesse pensado em um plano de contenção e zelado por vocês… Isso nunca teria acontecido...”  Zao Tian murmurou enquanto chorava e pensava no Yondu, e na atrocidade que indiretamente fez.

Por Rafael Batista R. Ferreira | 06/02/18 às 08:52 | Ação, Aventura, Fantasia, Artes Marciais, Romance, Harém, Maduro, Seinen, Adulto, Comédia