CAPÍTULOS
OPÇÕES
Cor de Fundo
CONTROLE DE FONTE
HOME INDEX
Capítulo 252 - que exatamente é o espírito?

Pursuit of the Truth (POT)

Capítulo 252 - que exatamente é o espírito?

Tradução: João Pedro | Revisão: Evlin Huth

Zi Che pode ter ficado confuso com as palavras de Su Ming, mas ele ainda obedeceu. Ele observou com perplexidade aparente em seus olhos como Su Ming saiu de sua caverna e se transformou em um longo arco antes de voar para fora da montanha.

“O pedaço de madeira parecia comum e não havia nada de especial nisso, então por que o tio mestre Su mudou de idéia tão rapidamente depois de vê-lo? Será que o pequeno pedaço de madeira tinha algo ainda mais valioso do que a moeda de pedra dourada, a Transformações do Deus dos Berserkers e até a Espada do Céu Congelante?”

Zi Che simplesmente não conseguia entender.

Era a primeira vez que Su Ming saiu do nono cume desde que lutou contra Si Ma Xin. Para ele, nem o Clã Céu Congelante nem a Seita das Grandes Planícies Congeladas eram sua casa na Terra da Manhã do Sul. O único lugar que ele chamou de lar era o nono cume.

Su Ming estava avançando no ar, e o sétimo cume estava no final do que seus olhos podiam ver.

Tian Lan Meng o convidou várias vezes e ofereceu presentes, da moeda de pedra dourada, para a transformações do Deus dos Berserkers e, mais tarde, para a Espada do Céu Congelante antes de eventualmente trocá-la pelo pedaço de madeira. Havia um processo oculto em suas ações. Pode-se dizer que foi um teste, mas também pode ter sido uma mudança gradual de coração.

Se ela não desse o pedaço de madeira, Su Ming não teria se aventurado fora do nono cume, nem teria ido encontrar a pessoa que foi classificada em primeiro lugar no quadro de classificação das Grandes Planícies Congeladas, Tian Lan Meng.

A expressão de Su Ming era passiva, mesmo quando ele segurava o pedaço de madeira nas mãos. Enquanto avançava, outro longo arco estava lutando para se manter atrás dele. A pessoa naquele longo arco era de fato Chen Chan Er, que havia saído para convidar Su Ming todas aquelas várias vezes.

Su Ming não virou a cabeça para trás. Com o pedaço de madeira na mão, ele chegou ao céu logo acima do sétimo cume. O sétimo cume parecia um pouco confuso em seus olhos, como se houvesse uma camada de névoa ao redor daquela montanha; no entanto, se ele desse uma olhada mais de perto, descobriria que realmente não havia névoa lá.

Ele imediatamente descobriu que a montanha estava lhe dando essa sensação estranha devido a Runa que era ativada naturalmente quando todos os salões da montanha estavam em operação.

Isso era completamente diferente do nono cume.

Su Ming deu uma breve olhada antes de desviar o olhar e se virar para olhar o pedaço de madeira em suas mãos. Um brilho apareceu em seus olhos, e seu aperto em torno do pedaço de madeira aumentou.

Ele ficou no ar calmamente, sem uma pitada de impaciência ou letargia no rosto. Chen Chan Er, que estava atrás dele, só conseguiu alcançá-lo depois de um momento. Pode ter sido porque ela estava correndo agora, tendo andado de um lado para o outro entre as montanhas várias vezes naquele dia, mas sua testa estava coberta de suor. Ela olhou para Su Ming e passou por ele sem dizer uma palavra.

Su Ming não se preocupou com as ações da garota. Ele seguiu atrás de Chen Chan Er calmamente e os dois se transformaram em longos arcos enquanto voavam em direção ao topo da montanha.

No momento em que se aproximaram da montanha, a névoa quase imperceptível na frente de Chen Chan Er desapareceu de repente e a montanha voltou ao normal, permitindo que Chen Chan Er entrasse sem problemas. Su Ming seguiu atrás.

Era como se ele tivesse atravessado uma membrana, mas também sentia que acabara de passar por uma camada de água. Quando ele entrou no sétimo cume, o vento que soprava contra ele não estava mais frio, mas continha um toque de calor, e quando ele respirou fundo, havia uma fragrância doce.

Essa fragrância não veio de flores ou plantas, mas foi um perfume único que se formou porque havia muitas discípulas nesta montanha.

Risos brincalhões alcançaram seus ouvidos, e em cada lugar os olhos de Su Ming varreram, ele viu mulheres e meninas. As discípulas do cume estavam brincando em grupos ou subindo as escadas da montanha sem pressa. Elas eram tão grandes em número que era deslumbrante só de olhar para elas.

Comparado ao silencioso nono cume, o sétimo cume era simplesmente muito animado.

Essa vivacidade toda que veio das mulheres deixou Su Ming desconfortável.

Quase no mesmo instante em que ele chegou ao sétimo cume, várias discípulas também notaram sua presença. Suas vestes verdes, figura bonita e a cicatriz sob seus olhos fizeram muitas pessoas capazes de identificá-lo com apenas um olhar.

Ele é...

– Eu me lembro dele. Ele é Su Ming, aquele que lutou contra o irmão Si Ma. Ele é do nono cume.

– Eu me lembro também. Ele disse uma vez ao irmão Si Ma que ele é seu tio mestre... Por que ele está aqui no sétimo cume?

– Isso mesmo. Os homens raramente chegam ao sétimo cume. Quem o chamou aqui?

O som estridente alcançou seus ouvidos, forçando Su Ming a respirar fundo para se acalmar. Era a primeira vez que ele estava em uma situação como essa. Ele não conseguia se adaptar a isso rapidamente e só podia avançar depressa para evitar todos os olhares focados nele.

Zi Yan estava descendo as escadas da montanha, com as costas retas. Seu comportamento preguiçoso lhe dava um ar único e encantador. Ela colocou a mão na boca e bocejou e, quando levantou a cabeça, também viu Su Ming, que estava caminhando para o topo da montanha com Chen Chan Er.

– Hum?

Zi Yan piscou. Quando ela viu Chen Chan Er guiando Su Ming em frente, um olhar confuso apareceu em seu rosto. Ela ficou em silêncio por um momento antes de seguir imediatamente para onde Han Cang Zi estava.

Havia outra garota que viu a chegada de Su Ming no sétimo cume. A menina usava uma túnica púrpura e estava em uma pedra da montanha. Com o vento no rosto, ela olhou para longe e seu olhar se focou no primeiro cume.

A garota era incrivelmente bonita e tinha uma pitada de selvageria ao seu redor. Seus olhos estavam semicerrados e ela estava franzindo a testa, como se estivesse hesitando por causa de alguma coisa.

Quando ela viu Su Ming voando pelo céu, em direção ao topo da montanha, desdém e desprezo apareceram em seus olhos. No entanto, essa expressão foi rapidamente escondida. Ela respirou fundo e lançou um olhar profundo para o primeiro cume antes de cerrar os dentes.

A resolução apareceu em seus olhos.

– Bai Su, definitivamente há alguém que se parece incrivelmente com você, que ele conheceu antes na vida. É por isso que se você se aproximar dele, ele não se recusará a vê-lo.

– Mas eu não posso deixar você fazer isso. Mesmo que seja pela razão de eu poder plantar uma Semente Berserker dentro dele, o que definitivamente me faria ter sucesso em desafiar a Caverna do Céu Congelante, e mesmo se não o fizer, a caverna é perigosa para mim.

– Ainda assim, mesmo que seja arriscado, quero tentar!

Aquela garota era naturalmente Bai Su.

No momento em que aquele olhar determinado apareceu em seus olhos, ela lembrou as palavras gentis de Si Ma Xin para ela dois meses atrás.

– Irmão mais velho Si Ma, não deixarei nada acontecer com você na Caverna do Céu Congelante...

Bai Su murmurou e se virou. O vento pegou algumas mechas do cabelo dela e, enquanto flutuavam ao vento, Bai Su saiu, avançando da mesma forma em direção ao topo da montanha.

Su Ming flutuou no topo do sétimo cume. Era a primeira vez que ele encontrava Tian Lan Meng.

Era uma mulher de cabelos compridos, vestida com roupas vermelhas, e estava sentada na beira de uma enorme rocha que ficava no topo da montanha. A mulher estava olhando para Su Ming e seu rosto era tão bonito quanto uma pintura. O sorriso dela era quente e não dava a menor sensação de que ela era uma estranha. De fato, o sorriso dela dava aos outros a impressão de que eles estavam olhando para uma velha amiga.

– Irmã Chan Er, você pode voltar primeiro.

A mulher de cabelos compridos disse suavemente, e quando a garota ao seu lado ouviu suas palavras, ela acenou com a cabeça obedientemente e deixou o local.

No entanto, quando ela passou por Su Ming, não se esqueceu de encará-lo. Claramente, suas várias viagens ao nono cume a irritaram devido às múltiplas recusas de Su Ming.

Depois que a garota saiu, a mulher de cabelos longos sorriu para ele gentilmente e falou com Su Ming suavemente. – Chan Er ainda é jovem, irmão Su, por favor, não se importe com ela.

Havia um ar suave ao seu redor. Esse temperamento, junto com sua graça e gentileza naturais, davam-lhe um ar nobre.

O olhar de Su Ming varreu a mulher. Ela era linda, mas mesmo sendo gentil, ele ainda sentia que havia uma camada de névoa diante dela, o que fazia com que outras pessoas tivessem a sensação de que estavam olhando para ela através da névoa e não a viam claramente.

Su Ming avançou silenciosamente, depois com uma arrumada em sua túnica, ele se sentou na mesma pedra em frente à mulher.

Depois que Su Ming se sentou, ele olhou para a mulher diante dele calmamente e disse languidamente:

– Está tudo bem. Na verdade, tive a sorte de ter sido convidado tantas vezes.

Su Ming não conseguiu avaliar o nível de cultivo da mulher.

– Parabéns, irmão Su. Você melhorou mais uma vez. Como esperado, todas as pessoas do nono cume são extraordinárias... Eu já havia esquecido isso anteriormente.

Disse Tian Lan Meng com um sorriso. Ela fixou os olhos em Su Ming, e seus olhares se encontraram.

Su Ming não falou. Ele simplesmente encontrou o olhar de Tian Lan Meng diretamente. Após algumas respirações, o vento passou por eles e ergueu algumas mechas do cabelo de Tian Lan Meng. Essas mechas de cabelo quebraram o olhar.

Depois de um longo tempo, Tian Lan Meng quebrou o silêncio e perguntou baixinho – Irmão Su, como foi a única cópia que eu fiz?

– Você copiou o espírito, e a forma também estava presente. Tanto o espírito quanto a forma estão lá... mas ainda faltam alguns detalhes. – Respondeu Su Ming calmamente.

– O que exatamente é espírito? – Tian Lan Meng perguntou de repente.

– Espírito é a mente, são seus pensamentos, sua imaginação. Espírito é quando você se lembra enquanto sonha em seu coração. Isso é o que chamamos de pensamento, e também é espírito.

Su Ming lançou um olhar a Tian Lan Meng antes que seu olhar caísse no céu atrás dela.

– Irmão Su, sua compreensão em relação à palavra é diferente da minha.

O olhar de Tian Lan Meng em direção a Su Ming mudou um pouco.

– Por favor, conte.

Su Ming desviou o olhar do céu e olhou para o rosto da mulher de cabelos compridos.

– O espírito é o Dao. – Tian Lan Meng afirmou calmamente.

– Não é pensamento, porque o pensamento em si é estreito, mas Dao é interminável. Dao é um reino que os de outros reinos buscam. Toda pessoa tem um Dao diferente. O grande Dao é ilimitado, e aqueles que obtêm Dao verão através do mundo e, por sua vez, podemos dizer que descobrimos e nos tornamos a verdade.

– Eu tenho que agradecer a você, irmão Su, sua luta com Si Ma Xin me permitiu alcançar uma epifania e entender o significado por trás de uma frase.

– Eu li essa frase de um pergaminho antigo antes. É uma frase que é dita em outros mundos... Se você permanecer no seu Dao, mas não tiver um método para resolver um problema específico agora, esse método acabará por chegar até você. Se você tem as habilidades e o poder, mas se desviou do seu Dao, então você não poderá usar suas habilidades e seu poder permanecerá para sempre estagnado!

A voz de Tian Lan Meng gradualmente começou a derivar e ecoou ao redor deles.

– Devido à minha epifania, embora eu ainda não saiba o verdadeiro significado das palavras, posso ver minha epifania como meu Dao. Como eu tenho um Dao, eu poderia desenhar a cópia do corte que você fez depois de apenas um olhar.

– É por isso que o espírito é Dao, e não o pensamento, o coração e a imaginação de que você fala. Irmão Su, você entende minhas palavras?

Tian Lan Meng sorriu suavemente.

Su Ming olhou para o sorriso em seu rosto. Não havia sinal de zombaria ou desprezo em seu sorriso, apenas lógica e persistência, e ela parecia estar esperando a resposta dele.

– Todas as coisas no mundo diferem em tamanho. Minha compreensão em relação à palavra é estreita e pequena para você, e o Dao que você fala é algo imenso que busca alcançar um estado em que você entende o mundo.

– São dois pontos, duas direções diferentes e dois extremos diferentes.

Su Ming fechou os olhos e interrompeu, sem pressa:

– Para mim, o coração é aspiração e o espírito é um reino. Você está andando no Dao dos céus, e eu estou andando pelo portão estreito da terra, mas assim que passo por aquele portão, o que estou procurando é apenas abrir meus olhos. Você entende o que estou dizendo? 

A última frase escrita nos pergaminhos de pele de animal apareceu de repente na mente de Su Ming.

– Você não pode ver... o mundo que eu vejo.

Por João Pedro | 30/08/20 às 20:53 | Ação, Aventura, Fantasia, Artes Marciais, Xianxia, Chinesa, Tragédia