CAPÍTULOS
OPÇÕES
Cor de Fundo
CONTROLE DE FONTE
HOME INDEX
Capítulo 130 - Proteção (Parte 3)

Red Storm (RS)

Capítulo 130 - Proteção (Parte 3)

Tradução: MahaU | Revisão: Zero

"Mm, não deve haver nenhum problema, certo?"

Vendo Yulian se preocupar com os guerreiros que saíram para escoltar Edwin há meio mês, Runa respondeu com confiança.

“Eles não são os melhores da Red Storm? Não se preocupe. Tenho certeza de que não haverá problemas.”

“É melhor não haver"

Yulian enviou o trio  Haisha, Shubeon e Thrint com quinhentos guerreiros para proteger Edwin.

No começo, ele tinha planejado enviar toda Red Storm, no entanto, Runa pediu-lhe para não fazê-lo, a fim de manter alguns deles no canteiro de obras e campos de treinamento.

A Red Storm já era o símbolo dos guerreiros de Pareia. A eficiência e o moral dos guerreiros tendiam a diminuir quando todos não estavam por perto.

Foi por isso que Yulian enviou o trio depois de discutir a situação com Runa. Era uma maneira de treiná-los para se tornarem Grandes Guerreiros, fazendo com que eles liderassem uma brigada de guerreiros.

Dos Grandes Guerreiros da terceira geração de Pareia, Trebol já havia perdido a vida na guerra. Além disso, Egane e Vibli estavam ficando mais e mais velhos. Então, quando pensamos no futuro de Pareia, era hora de trocar os guardas e treinar novos Grandes Guerreiros.

“Os guerreiros que não podem ser tocados no deserto serão os mesmos no continente. Mesmo no deserto, os únicos que podem derrotá-los são o Glow, o Grande Guerreiro Vibli e um pequeno punhado de outros Grandes Guerreiros.”

Yulian decidiu não se preocupar muito desde que ele confiava nos guerreiros que ele tinha enviado.

"Suas habilidades têm se fortalecido ultimamente e, além de mim e do Grande Guerreiro Vibli, provavelmente não há ninguém que possa derrotá-los."

"Isso te faz mais feliz, é claro, quanto mais forte eles ficam melhor." zero: levando aquela linda death flag

Yulian pensou que ele tinha dito algo que ele não precisava dizer uma vez que ouviu a resposta de Runa.

Muitas pessoas lutavam sob o calor intenso e o ar úmido do deserto. Os trabalhadores que haviam passado pelo deserto muitas vezes confiavam em seu conhecimento para perseverar, mas para as pessoas que estavam passando pelo deserto pela primeira vez, era doloroso.

A única coisa para fazê-los se sentir melhor eram os guerreiros do deserto que estavam guiando lentamente seus pirmas em volta deles.

Seus olhos parecem irradiar enquanto olhavam em volta, e cada um deles parecia tão valente a ponto de você poder dizer que eles não eram uma pessoa normal.

Não era apenas em sua aparência física. Eles tinham lidado com todos os monstros e animais selvagens que eles encontraram ao longo de sua jornada.

É claro que os mercenários também podiam lidar com esse tipo de problema, no entanto, os guerreiros do deserto faziam parecer que era parte de sua típica caçada e conseguiam matá-los com uma única flecha, ou até com um único golpe de sua espada. Não era de admirar que os novos trabalhadores mercantis estivessem maravilhados.

Os três que pareciam ser os líderes estavam segurando duas grandes espadas, que pareciam que pessoas normais nunca seriam capazes de levantar, e conseguiram dividir um Escorpião Gigante ao meio com um único golpe. Os novos trabalhadores não podiam deixar de se sentirem maravilhados.

Sendo protegidos por guerreiros como esses, eles não precisavam se preocupar com ladrões ou monstros. Graças a isso, eles foram capazes de dormir tranquilamente à noite.

"Os trabalhadores parecem estar lutando um pouco."

Shubeon começou a falar com Edwin. Edwin e Shubeon surpreendentemente tinham personalidades semelhantes e rapidamente se aproximaram um do outro.

“Há muitos deles que nunca passaram pelo deserto antes. Bem, a maioria desses trabalhadores faz parte das corporações dos nobres, mas não é como se fizessem algo errado para merecer isso. Isso está me fazendo sentir um pouco mal.”

“Se formos um pouco mais longe, veremos o último oásis antes de chegarmos ao continente. Se descansarmos lá durante a noite e viajarmos mais três dias, poderemos alcançar o Reino de Basara.”

Como Edwin já estivera nessa jornada muitas vezes e já sabia do oásis, ele apenas balançou a cabeça sem dizer nada.

"A questão é saber se podemos passar por isso."

Edwin fez sinal para que ele não se preocupasse, pois as palavras de Shubeon estavam cheias de preocupação.

“Nós apenas temos que dizer a eles que vocês são mercenários. Esta caravana tem uma carga de uma montanha de itens dos nobres do Reino Inama, então não deve haver muitos problemas. Eu não esperava que eles ajudassem nisso. Hahaha.

Enquanto os dois homens conversavam, chegaram ao oásis e prepararam seus acampamentos. Os guerreiros de Pareia montaram suas tendas e criaram uma equipe de reconhecimento e uma equipe de fronteira antes de se prepararem para descansar.

Assim que todos terminaram de jantar, Haisha chamou os guerreiros chefes para conversar.

“Tenho certeza de que todos vocês sabem que a proteção dessa caravana é muito importante para a nossa Pareia também. Por favor, certifiquem-se de que nada dê errado.”

Haisha era o comandante geral, no entanto, os principais guerreiros eram todos guerreiros veteranos que eram mais velhos que ele. Por causa disso, Haisha demonstrou respeito sempre que eles estavam sozinhos, e os principais guerreiros o seguiram com todo o coração por causa disso.

Haisha mandou os principais guerreiros embora antes de chamar Shubeon e Thrint.

"Quem liderará as equipes de reconhecimento e fronteira primeiro?"

Thrint abriu a boca.

“Eu irei primeiro. Vocês todos descansam.”

"Trabalhe duro."

Uma vez que Shubeon e Haisha entraram na tenda para descansar, Thrint guiou seu pirma para vagar lentamente pela fronteira do acampamento.

Ele não ficou muito feliz. E em dias como este, onde ele não estava feliz sem motivo, no passado as coisas sempre davam errado. Essa foi a razão pela qual ele se ofereceu para ficar de guarda primeiro.

Uma lua... duas luas... até a terceira lua estar no céu, tudo estava em paz. No entanto, Thrint ainda tinha um mau pressentimento de que algo iria acontecer.

Ele começou a checar com todos os guerreiros em guarda. Quando ele fez isso, ele notou um guerreiro que havia adormecido enquanto estava de guarda.

"Ei."

*bate.*

No momento em que Thrint bateu nas costas do guerreiro, o guerreiro caiu no chão sem se mover.

"Ooooooooo!"

Thrint começou a gritar em resposta.

A voz de Thrint instantaneamente soou no acampamento. Quase instantaneamente, as luzes dentro das casas e tendas começaram a se acender. Alguns guerreiros veteranos até mesmo saíram correndo de suas tendas nus enquanto seguravam apenas seus shamshirs. zero: eles estavam gritando BEWOOOOOOOOOOOFFFF!!!!

Thrint continuou a gritar quando começou a pensar.

O inimigo devem ter estado escondido aqui antes de chegarmos. Temos mais de cinquenta guerreiros em reconhecimento; não há nenhuma maneira de não termos os notado nessa pequena área. Além disso, até eu não ouvi nada. Vendo a lesão que ele tem, era uma arma do tipo sosoonta.

Depois de inspecionar o corpo do guerreiro morto, Thrint percebeu que não era só um típico bando de ladrões. Ele começou a se sentir apressado. Foi porque ele não sabia quantos deles já foram atacados. Ele pegou sua pirma e olhou em volta o mais rápido que pôde para tentar encontrar o inimigo.

Shoooooooooong.

Naquele momento, um longo fio de luz subiu para o céu.

Um brilho radiante.

Thrint foi capaz de ver um homem completamente vestido de preto correndo por aí com uma arma que parecia um sosoonta.

"Seu desgraçado!"

Thrint gritou em voz alta. Ele acelerou o pirma e ergueu sua espada para o céu.

O homem vestido de preto sentiu uma presença avassaladora atrás dele e começou a rolar sem sequer olhar para trás.

Golpear!

'Huh... eu rolei no chão...'

O homem vestido de preto sentiu seu pescoço se tornar frio e sentiu como se seu corpo subisse voando no ar.

Thrint sorriu para o homem de preto que decidiu rolar no chão contra a sua espada e limpou o sangue no final de sua espada.

A cabeça do homem vestido de negro, separada de seu corpo, olhava em direção a Thrint com os olhos ainda abertos.

Se ele tivesse olhado para trás e visse a longa espada larga de Thrint, ele não teria feito algo tão estúpido quanto rolar no chão. Se ele ainda estivesse consciente, provavelmente era o que ele teria pensado.

No momento em que Thrint começou a procurar por outros inimigos, ele podia ouvir o som de lâminas se chocando em vários locais.

Desde que todos os guerreiros acordaram, os assassinos foram todos descobertos. Thrint se moveu para a esquerda e para a direita, cuidando dos assassinos um por um.

“Oooooo! Ohhhhhh!

Naquele momento, ele ouviu um grito vindo de uma direção. Thrint ofegou e começou a correr em direção à origem do grito.

Os gritos que se tornaram um tipo de código para a Red Storm tinham um significado diferente baseado no tom. O único agora era aquele que pedia ajuda. No entanto, eles nunca ouviram esse grito antes. Até agora, não havia ninguém que a Red Storm não conseguisse aguentar.

Enquanto trabalhadores e guerreiros se reuniam em frente a ele, Thrint saltou de seu pirma e começou a correr em direção ao local de onde Shubeon gritava.




Por MahaU | 08/06/18 às 08:35 | Ação, Aventura, Fantasia, Sobrenatural, Artes Marciais, Harém, Coreana