CAPÍTULOS
OPÇÕES
Cor de Fundo
CONTROLE DE FONTE
HOME INDEX
Capítulo 01 - 『Aqueles que Ainda São Jovens』- algum dia, eu serei -

Shuumatsu Nani Shitemasu ka? Isogashii desu ka? Sukutte Moratte Ii desu ka? (SukaSuka)

Capítulo 01 - 『Aqueles que Ainda São Jovens』- algum dia, eu serei -

Tradução: Itsuki Lonely Driver | Revisão: Egron




O sol quente da primavera brilhava na 68ª ilha flutuante, onde uma jovem estava cuidadosamente cuidando de uma espada.

A espada era extremamente grande, tão grande quanto a garota. De relance, pode-se deduzir que ela era feita de metal devido ao modo como sua superfície refletia a luz. Ao segurá-la nas mãos sentiria o imenso peso da lâmina. Mesmo um ataque com a lâmina cega cortaria uma parede sólida em duas - esse era o tipo de presença opressiva que essa arma carregava.

Mas se alguém desse uma olhada mais de perto, veriam o que pareciam ser rachaduras gravadas em sua superfície. Não era como se a lâmina tivesse sido quebrada em fragmentos, mas sim que parecia ser feita de fragmentos de metal interconectados. Embora sólida, parecia que estava prestes a se despedaçar. Apenas contemplar a espada poderia preencher alguém com desconforto. Se a arma fosse movida, ela se estilhaçaria ao lado de seu alvo - não seria surpreendente se aqueles ignorantes da natureza do Carillon pensassem isso.

A menina usou suas pequenas mãos para lavar um pano na água retirada do poço. Depois de torcer o pano ela começou a limpar a superfície da espada.

Claro, não havia realmente nenhuma mancha que se destacasse do metal brilhante da lâmina; ela havia de acumulado uma camada de poeira, graças a ela ter sido armazenada por um tempo. Não se importando com tais detalhes, a garota sorriu enquanto continuava seu trabalho. Limpe-limpe-limpe. Os sons bonitos e estridentes misturavam-se com o farfalhar das árvores balançando ao vento.

「Lakhesh.」

A jovem parou de secar e olhou para trás. Outra garota de dez anos, assim como Lakhesh, se aproximou dela com um ar de irritação. 「O que aconteceu?」Perguntou Lakhesh.

「O que ‘aconteceu’? É hora do almoço. Você não apareceu, então vim aqui para chamar você.」Respondeu a jovem

「...Ah!.」

Lakhesh se levantou apressadamente. Embora ela estivesse nervosa, ela ainda terminou o que podia de forma ordenada. Desdobre o pano branco, enrole-o suavemente em torno de Seniorious  e em seguida, coloque-o de lado. Limpe a toalha e coloque sob o sol para secar. A água do poço será reabastecida mais tarde, então, por agora vou despejá-la na grama.

「Desculpe, continuarei mais tarde.」

Lakhesh fez uma reverência para a espada, depois se virou para a pessoa que a procurava. 「Obrigada por me chamar, Pannibal. Vamos?」

「Hmm.」 Pannibal parecia ter se tornado relutantemente interessada na espada, girando o cabelo com uma expressão sutil. 「Sim, vamos.」

Ela olhou por mais algum tempo para Seniorious, agora enrolada dentro do tecido branco, então começou a andar.

「...Eu quero fazer uma pergunta estranha」, ela disse depois de algum tempo, brandindo alguns galhos que ela pegou.

「O que foi?」Falou Lakhesh

「Aquela Seniorious, você não acha que é bastante desagradável?」

「... Eh?」, Lakhesh não entendeu o que Pannibal estava perguntando.

「Eu não pretendia fazer uma pergunta tão estranha. Mas não é dito que Seniorious traz o pior dos destinos para seus detentores? E não foram as vidas de Willem e Chtholly que foram tomadas pela Dug Weapon?.」

Pannibal continuou, brincando preguiçosamente com os galhos.

「Então, isso significa... a próxima pessoa que vai ser engolida... não vai ser você, Lakhesh?」

「Hmm...」, Lakhesh inclinou a cabeça. 「Eu sei o que você quer dizer. Dizer que não pensei nisso seria uma mentira... mas... tenho certeza que deve ser o oposto do que você diz.」

「O oposto?.」

「Se você olhar para isso, não acho que a Seniorious tenha feito algo errado. Quando alguém está com muitos problemas, isso não lhes dá uma imensa quantidade de energia?.」Perguntou Lakhesh de forma positiva

Pannibal parou de andar. Lakhesh parou também, virando-se para encará-la. 「Pannibal?」

「Continue.」

「Ah, hum, bem… acho que Seniorious é uma espada afiada e ao mesmo tempo gentil. Quando você chegar ao fim, quando estiver sem energia, você terá uma pequena chance....」

「…Sério? Você pensa assim?」

「Sim. Não importa se foi Chtholly, ou Willem, ou até mesmo nossas antecessores, os Braves Emnetwyte de 500 anos atrás - quando eles estavam mais indefesos, Seniorious os ajudava. É uma espada incrível que merece ser chamada de salvadora de todos.」

Você pode descrever um objeto inanimado como um salvador? Pannibal não tinha tanta certeza.

「Um dia」, prosseguiu Lakhesh, 「Tenho certeza de que enfrentarei o maior perigo que já enfrentei desde que nasci e não terei escolha senão tomar emprestada a força de Seniorious. Então, para se preparar para aquele dia, eu estou tratando ela bem, então espero que esteja de bom humor!.」 Ela deu um pequeno sinal de boa sorte.

「Huh….」

「I-isso foi demais para processar?.」

「... Não.」 Pannibal sorriu, jogando fora os galhos de suas mãos.「É exatamente a sua cara pensar assim.」

「R-realmente? Hum, posso ficar feliz com isso?.」

Pannibal riu. 「Essa reação é como você também.」

「Ah entendi! Você deve estar realmente confusa depois de todo esse pensamento!」

「É ótimo que você possa agir tão madura!.」

As duas garotas começaram a perseguir uma a outra, Pannibal rindo e Lakhesh sacudindo seus pequenos punhos enquanto corriam em direção ao refeitório do armazém das fadas.

Atrás deles, uma rajada de vento soprou a espada envolta em pano branco. Um canto se soltou, desdobrando-se para revelar a radiante Seniorious brilhando como lágrimas sob a luz do sol.

Por Itsuki Lonely Driver | 26/02/19 às 08:32 | Aventura, Fantasia, Sobrenatural, Romance, Drama, Protagonismo Feminino, Guerra, Tragédia, Mistério, Sci-fi, Japonesa