CAPÍTULOS
OPÇÕES
Cor de Fundo
CONTROLE DE FONTE
HOME INDEX
Capítulo 9.3 - Repetidamente, Hikigaya Hachiman se questiona

Yahari Ore no Seichun Love Comedy wa Machigatteiru (Oregairu)

Capítulo 9.3 - Repetidamente, Hikigaya Hachiman se questiona

Tradução: Riberiru | Revisão: Marverick

 Soltei um grande suspiro na aula depois da escola.

 Também hoje, tive que comparecer à reunião no centro comunitário para ajudar Isshiki depois disso.

 Eu realmente não me importei muito com o ato em si.

 Embora ter que participar daquela reunião fosse uma chatice, atualmente ela era inteiramente administrada pela Escola Kaihin Sōgō. Graças a isso, era uma situação em que apenas fazíamos o que nos mandavam. Com discussões vigorosas a torto e a direito do BS, a motivação era alta. Devo acrescentar que nossa consciência também estava elevada.

 A única coisa que chamou minha atenção foi o conselho estudantil da Escola Sōbu. A julgar por como eles estavam ontem, era difícil dizer se o conselho estudantil da Escola Sōbu estava funcionando corretamente.

 E a maior causa disso foi o sentimento de distância entre Isshiki e os outros membros.

 Uma presidente que estava no primeiro ano era surpreendentemente incômoda. Era apenas uma discrepância de um ano, mas para nós, alunos do ensino médio, isso era bastante grande. Eles agiam com modéstia um com o outro, mas essa modéstia e consideração eram coisas que obstruíam suas interações.

 Seria bom fazer algo a respeito, mas era um problema com Isshiki e os outros. Não era sobre se eu poderia fazer algo a respeito. Mesmo naquele clube com apenas nós três, não havia nada que eu pudesse fazer também.

 Além disso, dadas as circunstâncias atuais, não era um grande problema. Eles só precisavam fazer alguma coisa até o Natal.

 Era um conselho estudantil que começou recentemente. Eventualmente, eles desistiam e então se acostumavam a como eram originalmente.

 Com esses pensamentos até agora, deixei escapar outro suspiro.

 Ainda havia muito tempo até o início da reunião. Nesse ínterim, eu estaria na sala do clube.

 Minha ajuda com Isshiki foi totalmente mantida em segredo de Yukinoshita e Yuigahama, então eu tive que pelo menos mostrar minha cara no clube. Se eu de repente tirasse alguns dias de folga, não seria muito bom que suspeitassem de mim.

 Era uma sala do clube sem nada dentro. Evitar colocar qualquer coisa além deveria ser definitivamente a coisa certa a fazer.

 Mesmo assim, depois de mostrar minha cara no clube, tive que fazer um trabalho estranho depois... No que dizia respeito ao clube, não era como se houvesse trabalho a fazer, mas ficar parado também fazia parte do trabalho. Pode ser bastante problemático.

 A minha barreira dimensional única que aprendi sem perceber 『Mugen no Kengyō  - Unlimited Double Works』 foi ativada... É como se eu estivesse prestes a começar esta estranha vida dupla ou algo assim… N/T: Referência a Fate Stay/Night - Unlimited Blade Works. A tradução do que ele disse seria “Trabalhos Paralelos Ilimitados”.

 Quando deixei escapar um pequeno suspiro, levantei-me abruptamente da minha cadeira.

 Yuigahama já havia saído da sala de aula. Não é como se pudéssemos ir ao clube juntos todas as vezes. Provavelmente ambos tínhamos a convicção mútua de que iríamos comparecer ao clube. Tem sido assim até hoje e continuará a partir de agora.

 Saí da sala de aula e caminhei pelo corredor até o prédio especial.

 Eu tinha certeza de que estava ficando cada vez mais frio a cada dia, mas era difícil sentir a diferença absoluta de dois dias atrás para um dia atrás.

 Não houve muita mudança no corredor frio pelo qual eu estava passando agora de ontem. Se você vivesse sua vida normalmente, normalmente não perceberia o momento em que o congelante final do outono faria a transição para o inverno.

 É por isso que a sala mais adiante no corredor realmente parecia muito mais fria do que estava ontem. Só que nunca percebi.

 Coloquei minha mão na porta e entrei na sala.

「Ah, Hikki.」

「Yo.」

 Enquanto cumprimentava Yuigahama e Yukinoshita levemente, sentei-me em meu lugar.

 Eu rapidamente olhei ao redor da sala.

 Yukinoshita voltou os olhos para o livro e Yuigahama olhou para o celular. Como eu pensei, não havia nada visivelmente diferente de ontem.

 A cadeira perto da janela. Dali vinha a cadeira que mantinha uma posição neutra confusa. E então, na diagonal da cadeira perto da janela estava a cadeira de costas para as outras.

 As outras cadeiras estavam empilhadas uma em cima da outra, junto com a mesa não utilizada.

 Sobre a escrivaninha estava o leve cobertor com poeira e uma minúscula pilha de livros acabados que indicavam ligeiramente a passagem do tempo naquela sala.

 Yuigahama conversou com Yukinoshita e tiveram sua conversa típica. Enquanto eu ouvia a conversa sem sentido, peguei meu livro.

 Este era o cenário usual reproduzido de forma recorrente nos últimos dias.

 A sensação de desconforto não estava em lugar nenhum. Não havia nada que pudesse ser chamado de mudança.

 Apenas meu olhar se moveria com a parte superior do meu corpo, ombros e pescoço imóveis. Eu dei uma olhada de modo que não parecia que o tempo estava me incomodando.

 Quantas vezes já repeti isso? O longo ponteiro do relógio que não se movia como eu queria finalmente atingiu a posição que eu esperava.

 As duas estavam se divertindo em sua conversa com o assunto sendo diferente de apenas um momento atrás. Havia uma voz enérgica que falava e um sorriso calmo. Depois de confirmar isso, eu lentamente soltei um suspiro.

「Aah, certo... Vocês se importam se eu sair mais cedo hoje?」

 Ao dizer isso, fechei meu livro em silêncio. Quando o fiz, Yukinoshita e Yuigahama pararam de conversar e olharam na minha direção.

「Hã?」

 Yuigahama olhou pela janela como se estivesse checando as horas. A noite havia chegado um pouco mais cedo. Se fosse como sempre, continuaríamos no quarto.

 Como se lembrando de uma sensação de desconforto disso, Yuigahama perguntou com uma expressão misteriosa.

「Você está saindo bem cedo hoje, hein! Você tem algo para fazer?」

「... Aah. Me pediram para reservar um Party Barrel.」

 A primeira razão que me veio à mente saiu da minha boca. Na verdade, me pediram para fazer isso, então vou parar no KFC no caminho de volta para casa.

 Quando respondi, Yuigahama acenou com a cabeça de forma convincente.

「Haa, uma reserva?」

「Sim. É para o Natal de casa. Na verdade, é muito popular, então parece que vou precisar fazer isso o mais rápido possível. Aparentemente, Komachi fez isso no ano passado.」

「Entendo. Komachi-san está no meio dos testes, afinal.」

「É exatamente isso. De qualquer forma, vejo vocês mais tarde.」

「Uh huh. Vejo você amanhã.」

 Yuigahama me disse quando me levantei. Yukinoshita acrescentou um 「dê meus cumprimentos a Komachi-san」 também. Acenei minhas mãos para elas e saí da sala do clube. Atrás de mim estava Yuigahama, que começou a falar sobre várias coisas sobre os testes de Komachi.

 No corredor silencioso dividido por uma única porta, o som fraco de vozes ainda podia ser ouvido. Eu relutantemente deixei o lugar para trás, assim como aquelas vozes.


Patrocinadores do Projeto: Suicchi; Clubedoeletrônico; Kendy; Warasu; Yuiti; Guilherme; Cabral; Felipe

Por Riberiru | 20/11/20 às 15:02 | Romance, Comédia, Vida Escolar, Slice of Life, Japonesa