Ascensão de um Deus 11

/Ascensão de um Deus 11
Capítulo Anterior
Índice
Próximo Capitulo

Autor: Calebe Piccoli Camargo | Revisor: Stromkirk

Capítulo 11 – Exame da Seita (Parte 5)

“Olá mãe, pai. Desculpa o atraso…. Eu tive alguns contratempos, mas já estou de volta e cuidarei dos problemas de nossa Família.” – Le Chang.

Lin Bo e Le Shen correram para a arena, mas foram parados pela aura de Ming Feng.

“Está tudo bem mãe, pai. Eu vou cuidar das coisas aqui.” – Le Chang.

“Filho? Esse é Le Chang o lixo do Clã Le? Ele não estava morto?”

“Como ele pode ser um lixo? Os resultados até agora provam que ele é um gênio de primeira classe”

“Idiota, ele vai perder em menos de três movimentos para Du Zong”

“Ele já derrotou alguém mais forte que Du Zong…”

Diversas conversas começaram por toda a praça, Le Chang era famoso na Cidade Huang Di, por ter nascido com os Canais de Qi e Meridianos quebrados ele era ridicularizado por aqueles da sua família e também pelas outras pessoas.

“Rápido?” Du Zong olhou para Le Chang, seus olhos queimavam com ódio.

“Comecem” –  Long Mu.

Du Zong liberou seu sentido divino sobre a arena, então, uma leve aura azul e marrom começou a lhe cobrir todo o corpo.

“Transformação da Água e Terra” – Seiryuu.

Os três primeiros graus do Dao da Integração se relacionam com o corpo, o 4º é onde o Qi entra pela primeira vez no corpo de alguém, o 5º é onde a pessoa aprende a expulsar o Qi de seu corpo para reforçar armas, alquimia e forja, o 6º é onde ela desperta o seu Sentido Divino com suas diversas utilidades e no 7º é onde a pessoa desperta sua Transformação da Natureza e seu Qi passa a ter uma propriedade.

A marca de um gênio era ter mais de uma transformação, Du Zong tinha duas.

“Monstro”

“Le Chang está morto”

“Duas Transformações??”

“O Clã Du será soberano nesta região”

Um peso foi posto no coração de todos os presentes, o Patriarca Du Hong sempre foi implacável, mas ainda “respeitava” algumas pessoas por causa de suas forças.

Com o surgimento de seu filho com duas Transformações da Natureza, a balança do poder na Cidade Huang Di pendeu para o Clã Du.

Alguém com mais de uma transformação equivale por várias pessoas com só uma transformação, um verdadeiro Mestre sabe mesclar as transformações e as tornar muito mais poderosas do que individualmente, alguém com mais de uma Transformação é como adicionar um pequeno exército as suas forças.

Se alguém tinha esperanças sobre Le Chang elas haviam sido esmagadas nesse momento.

Chi Ziyun fitava Le Chang e ficou surpresa com a cena.

Le Chang estava olhando para ela, com seu olhar sério e então lhe jogou uma leve piscadela.

Ela corou e virou o rosto rapidamente.

“Esse garoto é estranho” Murmurou Ming Feng.

“Você também notou?” –  Long Mu.

“Sim… Extremamente calmo, é como se ele tivesse certeza da vitória.” – Ming Feng.

Le Chang segurava sua Espada de Bronze, em sua consciência começou a entoar os ensinamentos do Caminho do Dragão.

Seu corpo foi coberto por uma aura, incolor, mas estranhamente opressora.

Du Zong desprendeu sua sede de sangue e causou calafrios em toda a praça, era visível que o sangue escorria de suas mãos.

Du Zong era uma figura conhecida e odiada pela cidade, o jovem mestre do Clã Du era conhecido por destruir a pureza de diversas garotas, assassinatos, roubos e diversos outros crimes, mas com o poder de seu Clã, ninguém ousava fazer nada contra ele.

Du Zong segurava sua Espada de Prata, imbuída em seu Qi Terra, tornando-a muito mais resistente.

Em seu fio era possível ver uma fraca linha azul, ele havia condensado seu Qi Água em uma navalha, no fim ele realmente era um gênio.

Le Chang estava parado.

Seus olhos estavam escaneando cada parte do corpo de Du Zong, Le Chang saberia qual o movimento de seu oponente só de ler os movimentos dos músculos do inimigo.

Ele não precisava de um Sentido Divino, usando a Essência da Vida do Deus Dragão ele poderia escanear o local, ele já possuía a Transformação do Fogo, esta chama estava em nível muito superior a qualquer outro ser humano.

Du Zong rugiu “Morra” e partiu contra Le Chang.

Le Chang calmamente pensou “Punho do Deus Dragão Lutador” e uma garra de Qi foi formada em sua mão.

Ela estava revestida com o Qi Fogo de Le Chang.

A espada de Du Zong encontrou o punho de Le Chang e uma onda de choque se espalhou pela arena, rachaduras cobriram toda a sua extensão, como teias de aranha.

Le Shen e Lin Bo estavam atônitos olhando para a arena, desde quando seu filho ficou assim?

Eles estavam desesperados para subir na arena, mas Le Chang havia lhes dito para esperar, quando ele disse isso uma onda de confiança e orgulho aflorou dentro deles.

Le Shen olhou para o céu e disse “Obrigado.”

Lin Bo limpava as lágrimas de felicidade e preocupação.

Ela não sabia se ficava feliz por seu filho não estar morto e ainda estar no 5º Grau do Dao da Integração ou se ficava preocupada por ele lutar contra um monstro insano.

‘Mas o que…’ Du Zong pensou perplexo, nesta rápida troca ele sentiu um leve amortecer de sua mão.

Aproveitando a distração de Du Zong, Le Chang desferiu um chute no flanco direito de Du Zong.

Este se defendeu usando o Qi da Terra para proteger seu corpo, mas o impacto o empurrou alguns metros, Ele usou sua Espada para reduzir a velocidade e não ser jogado fora da arena.

Os olhares da multidão eram de surpresa e horror, Le Chang realmente era um lixo?

“Du Zong realmente é um gênio, mas carece de Técnicas para suas Transformações.” – Ming Feng.

“Já esse Le Chang parece possuir uma Técnica Marcial poderosa.” – Long Mu.

Chi Ziyun olhava para Le Chang e um misto de curiosidade e desprezo palpitava em seu coração, aquele garoto ousou piscar para ela?

“Hmpf.” Bufou ela.

“AAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAA” – Du Zong.

Du Zong correu contra Le Chang com sua espada, ele foi contra seu oponente usando uma velocidade extrema o que obrigou Le Chang a trazer sua espada para se proteger.

O encontro entre elas foi devastador, mas a Espada de Bronze foi cortada como manteiga por uma faca quente.

A Espada de Prata de Du Zong continuou seu trajeto até o abdômen de Le Chang, deixando um corte de cima abaixo.

“Meu filho” Gritou Lin Bo em desespero.

Chi Ziyun estreitou os olhos e um leve olhar de preocupação transpassou seu rosto.

Long Mu e Ming Feng se entreolharam.

Du Zong estava em pé ofegando com sua espada que pingava sangue em punho.

Le Chang estava em pé, de cabeça baixa e braços estirados ao lado do corpo.

O silêncio da multidão era mortal.

Até ser quebrado por uma estridente risada.

Capítulo Anterior
Índice
Próximo Capitulo
Contribua com o novo site da Saikai Scan
By | 2017-03-28T18:14:33+00:00 29/03/2017 as 2:30|Ascensão de um Deus|20 Comments

About the Author:

Bossun

Apenas mais um ser tentando descobrir seu propósito nesse mundo…

  • Carolina Carvalho

    só estou esperando ( torcendo ) para que o manto saia e os pais( não só os pais ) perceberem que é ele e da uma grande confusão

  • koloke

    Cara muito bom
    Por favor posta só mais cap vai deixar de ser mão de vaca e liberar esse cap para nossa alegria ai

    • vivaldo junior

      concordo faz um combo na moral.

  • Ericki MIguel Miguel

    ASDUASDUASUDHAUSDH UMA RISADA ADISJADIJAIDJASIDJASDIADJSIJAD me lembrou do GOLD nessas horas ajisdjoasijdoiasdjaiosdjaiojda

  • Janailson Barbosa Granja

    Obrigado pelo capítulo

  • Igor Ribeiro

    hahaha nego vai tomar muito no cu

  • Pecinho

    vlw pelo cap!

  • Andre dragneel

    Obrigado pelo capítulo!!

  • Andre dragneel

    Foi muito pequeno era pra ser mais grande #feels

  • Tyrone Costa

    CHEGA NA MINA E DA AQUELA PISCADINHA Q É SUCESSO HAHA

    • Aprendeu comigo sabes? a paizinho aqui ensinou tudo! anota ai, jájá ele da uns pega nela. ahahaha

  • mathanker

    Isso nem me lembra tdg nossa nem me diga lul

    • Calebe

  • Khrys Scardin

    Oloko tá trollando né safado

  • Carolina Carvalho

    aeeeeee tava só esperando elee revelar :3 e foi de um jeito bem legal

  • Yuri Ferreira

    E que cabeças rolem hahahaha

  • Thank for the chapter! o/o/o/

  • Kyoua Eduardo

    R.I.P Du Zong

  • BloodKnight

    Obrigado Calebe Piccoli Camargo e Stromkirk pelo capítulo 11………………………..=D

  • Otávio Gorte Ajuz

    Aqui menina vc n passa fome