A Will Eternal 57

Home/A Will Eternal 57
Capítulo Anterior
Índice
Próximo Capitulo

Tradutor: ScryzZ | Revisor: Venus

Capítulo 57 – Vocês Devem Permanecer vivos!

Um enorme boom ecoou quando a pedra explodiu. Enquanto Bai Xiaochun protegia a todos contra os estilhaços, um ar frio percorreu toda a caverna. O fogo dançava, sua luz cintilante revelava um homem alto e robusto que estava do lado de fora.

Ele era musculoso, com olhos frios e uma longa lança na mão. Ele estava no Oitavo nível de condensação de Qi, e parecia ser ainda mais forte do que Chen Yue.

“O príncipe herdeiro estava certo”, disse ele. “Com esta chuva e com seus ferimentos, vocês não podiam lidar com o frio, e foram forçados a encontrar um lugar como este para se esconderem. Tive que procurar em mais de cem montanhas, mas finalmente os encontrei.”

Enquanto as palavras ainda saíam da boca do homem, os olhos de Bai Xiaochun brilharam com ferocidade enquanto ele entrava em ação. Embora o homem corpulento parecesse com o tipo de pessoa impulsiva, ele era realmente muito cauteloso. Em vez de entrar na caverna para lutar, ele realmente recuou.

Em um piscar de olhos, Bai Xiaochun estava fora da caverna e sob a chuva torrencial.

Claramente, o homem corpulento não tinha a intenção de lutar, e estava focado completamente na defesa. Isso fez com que o coração de Bai Xiaochun começasse a palpitar. Ele estava sentindo uma sensação muito ruim, ele cerrou os dentes e ignorou qualquer possibilidade de se ferir enquanto investia com um ataque louco.

Uma rajada de vento gelado soprou para dentro da caverna, extinguindo o fogo. Hou Yunfei tentou se pôr de pé, mas então tossiu outro bocado de sangue. Du Lingfei rangeu os dentes e correu para a boca da caverna, onde ela fez um gesto de encantamento e apontou, enviando uma espada voando em direção ao homem corpulento.

Um momento depois, um grito ensanguentado ecoou na noite tempestuosa. O homem corpulento tinha sido esfaqueado no peito por uma espada de madeira, porém, no momento antes de morrer, ele atirou sua lança para fora, que esfaqueou parcialmente a coxa direita de Bai Xiaochun.

O homem corpulento olhou furioso para Bai Xiaochun. Gemendo, ele disse, “Você não vai fugir! O Príncipe Herdeiro estará aqui em breve!”

Então ele tossiu um bocado de sangue, e a morte o abraçou.

O rosto de Bai Xiaochun estava pálido e ele tremia. A fim de matar o homem o mais rápido possível, ele havia se aproveitado de tanta energia que seus ferimentos haviam piorado. A dor irradiava da perna direita, e quando olhou para baixo, viu a lança ainda encaixada em sua carne. Ele também estava encharcado com água da chuva, que se misturou com o sangue enquanto caia no chão. Ele se sentiu a maio passo da morte.

Du Lingfei cambaleou e, quando viu a perna, começou a chorar. Ela estendeu a mão, agarrou a lança e cuidadosamente a tirou da perna de Bai Xiaochun.

Para Bai Xiaochun, parecia que sua carne e ossos estavam sendo arrancados. Ele tremeu, mas se recusou a gritar. As palavras moribundas de seu oponente, mais o fato de que o homem obviamente estava tentando ganhar tempo, fez seu coração afundar ainda mais do que antes.

Ele podia até sentir as flutuações no vento que lhe diziam que não demoraria muito para que mais membros do Clã Luochen aparecessem.

Du Lingfei passou seu braço sobre seu ombro, e os dois conseguiram voltar para a caverna. Bai Xiaochun continuou a segurar a lança. De volta à caverna, Bai Xiaochun começou a bocejar. Sua perna direita doía, mas felizmente a lança não tinha alcançado seu osso. Depois de tampar a ferida, ele ainda podia senti-la, mas considerando o perigo mortal em que estavam, não era uma questão importante.

“Nós precisamos ir. O Clã Luochen poderá aparecer a qualquer momento!” Respirando fundo, Bai Xiaochun levantou-se lentamente.

Olhou para Hou Yunfei, e viu-o deitado ali, lutando para respirar. Seus dias de fuga tinham sido como um tormento, e ele estava perdendo sua capacidade de manter seus ferimentos sob controle. Du Lingfei estava pálida. Seus meridianos haviam sido gravemente feridos, e alguns tinham sido cortados. Foi algo incrível que ela conseguiu sair para ajudar Bai Xiaochun na luta mais cedo, e agora tudo o que ela podia fazer era olhar para ele.

Na escuridão da noite tempestuosa, seus olhos pareciam especialmente bonitos.

“Irmão Junior Bai…” ela disse suavemente. “Nos esqueça. Você é muito mais rápido sozinho… VÁ!” Do lado, Hou Yunfei lutou para se sentar. Olhando totalmente esgotado para Bai Xiaochun, ele concordou com a cabeça.

Os olhos de Bai Xiaochun estavam injetados de sangue quando ele disse: “Nós podemos sair da área de 5.000 quilômetros em apenas três dias, caras, feche sua m-“

Antes que ele pudesse terminar a frase, Hou Yunfei cortou-o. “Irmão Junior Bai, você escapando e mandando notícias para seita é a melhor chance que a Irmã Junior Du e eu temos…”

Bai Xiaochun riu amargamente. Ele não era uma criança de três anos para acreditar em uma mentira como aquela. Ele sabia que, mesmo que escapasse e contasse a seita, quando alguém chegasse para ajudar… Hou Yunfei e Du Lingfei já estariam mortos.

Vendo que Bai Xiaochun parecia determinado a ficar, Hou Yunfei começou a rir. “Bem. Se eu morrer, então você vai embora, certo?”

Um tremor percorreu Bai Xiaochun quando percebeu que Hou Yunfei estava mexendo sua última gota de energia espiritual como se quisesse destruir seus próprios meridianos.

Hou Yunfei olhou para ele calmamente e continuou: “Irmão Junior Bai, você vai ou não?!”

Bai Xiaochun estava miserável e estava com o coração partido. Ele deu alguns passos para trás, com várias emoções misturadas em seu rosto enquanto olhava para Hou Yunfei e Du Lingfei.

Uma rajada de vento soprou um fio do cabelo de Du Lingfei em seu rosto. Ela o colocou atrás da orelha e olhou para Bai Xiaochun. Embora seu rosto estivesse cinza, de alguma forma, ela parecia ainda mais bela do que nunca. Com sua voz suave, ela murmurou, “Eu espero… se houver outra vida depois desta… que eu tenha a chance de conhecê-lo novamente… Irmão Junior Bai… você tem que ficar vivo!”

No instante em que Bai Xiaochun ouviu as palavras “fique vivo”, um violento tremor percorreu seu corpo, e ele sentiu como se tivesse sido atingido no peito por um martelo. Olhando novamente para Du Lingfei e Hou Yunfei, ele finalmente se virou e saiu da caverna, sem saber o que exatamente ele estava sentindo por dentro. Um momento depois, ele estava acelerando através da noite tempestuosa.

Vendo que Bai Xiaochun finalmente tinha decidido sair, Hou Yunfei soltou um suave suspiro. Du Lingfei observou-o partir, desejando-lhe o melhor em seu coração. Ela realmente desejava… que ela pudesse fazer o tempo fluir em sentido inverso, que ela pudesse voltar no tempo… quando ela conheceu Bai Xiaochun.

Tudo ficou quieto por um momento, mas então Hou Yunfei e Du Lingfei de repente olhoaram para fora na direção de Bai Xiaochun, e seus rostos tremeram.

Sua base de cultivo estava em erupção, sua energia espiritual interna estava se elevando, fazendo com que a água da chuva distorcesse.

Ele era como uma tocha ardendo em uma noite escura que nem mesmo a frieza trazida pela chuva poderia dissipar. Mesmo alguém muito distante seria capaz de senti-lo.

Um relampago serpenteou pelo céu enquanto os cultivadores do Clã Luochen de várias direções diferentes, de repente, sentiam Bai Xiaochun.

Os olhos de Chen Heng brilharam quando ele olhou na direção de onde vinha a energia.

Bai Xiaochun começou a correr, voando até a montanha que estava logo após a caverna. Enquanto voava, Du Lingfei e Hou Yunfei podiam ouvi-lo sussurrar algo para eles.

“Vou chamar a atenção deles. Vocês dois devem encontram um jeito de escapar… vamos, se apressem!”

Lágrimas começaram a escorrer pelo rosto de Du Lingfei enquanto seu coração era atingido por incríveis ondas de emoções. Hou Yunfei também estava abalado.

Ao mesmo tempo, Bai Xiaochun começou a correr com uma incrível velocidade logo após escolher uma direção diferente para fugir.

Bai Xiaochun acelerou, vangloriando-se loucamente e chorando alto enquanto gritava, “Morto! Eles estăo mortos! Clã Luochen, eu não posso matar todos vocês, mas a Seita Rio Espiritual certamente virá e matará todos vocês!”

Ele parecia estar se dirigindo em uma direção que rapidamente o levaria para fora da área de 5.000 km. Além disso, pelo modo como ele estava gritando, parecia óbvio que seus dois amigos estavam mortos, e que ele estava nervoso. Mesmo que ele acabasse morrendo com esta tentativa, ele iria correr o máximo que pudesse e passaria a notícia para a seita, para se certificar de que a vingança seria feita.

Imediatamente Chen Heng percebeu o que estava acontecendo, e seu rosto temeu. Embora ele não pudesse ter certeza se Bai Xiaochun estava mentindo ou não, ele poderia dizer que, com base em sua velocidade atual, ele poderia ter sucesso. Chen Heng definitivamente não se atreveu a brincar com o destino de sua seita, ignorando esta ameaça.

Ele imediatamente transmitiu uma mensagem aos outros cultivadores do clã Luochen. “Todos vocês, matem ele! Mesmo que seus amigos não estejam mortos, eles estão seriamente feridos. Podemos rastreá-los depois que matarmos este!”

Todos os cultivadores do Clã Luochen dispararam na chuva em velocidade máxima na direção de Bai Xiaochun.

Um relâmpago dançou no céu enquanto a chuva caia. Na escuridão da caverna da montanha, Du Lingfei cerrou os dentes e limpou as lágrimas de suas bochechas. Então, seus olhos começaram a brilhar com determinação.

Ela sabia que a única maneira de salvar Bai Xiaochun era escapar da área de 5.000 quilômetros e mandar notícias para a seita.

Ela olhou para Hou Yunfei, cujos olhos brilharam com a mesma determinação que a dela.

“Não se preocupe comigo”, disse ele. “Vamos nos separar. Quem quer que saia primeiro poderá trazer ajuda da seita para salvar o Irmão Bai!” Hou Yunfei estava determinado a usar seu último pedaço de energia para tentar sair e obter ajuda para Bai Xiaochun, mesmo que ele morresse no processo.

Os dois respiraram fundo e depois correram para a chuva, se separando e indo em duas direções diferentes, invocando toda a força que conseguiam. Eles já estavam à beira do colapso, mas por pura força de vontade, eles conseguiram ultrapassar os limites de seus corpos.

O trovão ressoou e um raio caiu. Bai Xiaochun estava correndo o mais rápido que podia. Ele já tinha perdido a sensibilidade de sua perna direita, e seus olhos estavam carmesins. Uma sensação de crise mortal permeava em cada centímetro de seu corpo.

Ele estava assustado e aterrorizado com a morte, certo de que ela estava bem em seus calcanhares, à beira de engoli-lo.

Ele não tinha certeza se suas ações agora eram por impulso ou não, ou se iria ou não lamentar sua decisão. Afinal, o propósito do cultivo da imortalidade era viver para sempre.

Na verdade, ainda havia uma voz em sua cabeça dizendo a ele… para fugir sozinho…

No entanto, ele não podia esquecer o sentimento de como era estar lutando com seus dois amigos para sobreviver. Esse sentimento de enfrentar o perigo como uma equipe era algo que ele não poderia se livrar. Não podia esquecer como Hou Yunfei ameaçou matar a si mesmo para que Bai Xiaochun partisse, nem o belo sorriso no rosto pálido de Du Lingfei.

Se ele pudesse escolher entre o medo da morte, ou a lealdade aos seus amigos, ele escolheria a última opção!

“Irmã mais velha Du, Irmão mais velho Hou, vocês devem permanecer vivos!” Rangendo os dentes, ele voou para frente com uma imprudente despreocupação. “Vocês querem nos matar, Clan Luochen? Certo, Caiam Dentro! “

Os olhos de Bai Xiaochun brilhavam com um fúria selvagem, como um animal preso pronto para lutar por sua vida.

Capítulo Anterior
Índice
Próximo Capitulo
Contribua com o novo site da Saikai Scan
By | 2017-05-09T17:33:03+00:00 09/05/2017 as 4:47|A Will Eternal|9 Comments

About the Author:

Scryzz
Gamer, Otaku e Trophy Hunter. Fã absoluto de One Piece, Dragon Age, CSR, TDG, PS3, PS4, PSV, Cinema, Música e, é claro, Linkin Park!
  • Reynald Leonardo

    AWE <3

  • Reynald Leonardo

    Isso está tenso d++++++

  • 乙ᗯᕮƗƬᕮᘉᔕᕼƗ

    Que HOMÃO DA PORRA! Cara, O Bai está se tornando um dos meus MC’s favoritos…

    • Ninguem

      De acordo

  • Pedro Braga

    Que bela transformação do Bai e da Du Lingfei, já quero casal.

  • pecinho alves

    se por acaso ele evolua o cultivo no meio da luta será que da recupera 100%??

  • Sabin

    Velho, tô com o coração na mão. Obrigado pelo capítulo

  • MeninoDasNovelseManhuas

    BAI SEU LINDO :3

  • Janailson Barbosa Granja

    Obrigado pelo capítulo

Avada WordPress Themes